Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/310983
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: A historia familiar e a obesidade na adolescencia : um estudo cllinico-qualitativo com adolescentes obesos
Author: Muller, Regina Célia Lucizani, 1946-
Advisor: Saito, Maria Ignez
Abstract: Resumo: Este trabalho teve como objetivo estudar os aspectos da história familiar do adolescente obeso através da pesquisa qualitativa, tendo em vista maior compreensão dos fatores desencadeantes e mantenedores da obesidade, propondo-se ampliar a abordagem deste distúrbio alimentar. Para isto usou-se os parâmetros do método clínico-qualitativo e o instrumento da pesquisa foi a entrevista semi- estruturada. Foram entrevistados quatorze adolescentes pertencentes a doze famílias. O tratamento dos dados foi realizado seguindo se os conceitos da Análise de Conteúdo. Foram definidas quatro categorias temáticas o que permitiu a análise e a discussão dos seguintes itens: 1) A história familiar do adolescente obeso; 2) A importância da relação mãe-bebê, do processo de individuação e da função paterna na estruturação do sujeito e suas implicações na obesidade; 3) Sentimentos e concepções em relação à obesidade; 4) Demanda do paciente e família (expectativa em relação ao tratamento, motivo .de procura). Os resultados evidenciaram que, embora o componente genético estivesse presente, havia relevante interação de fatores ambientais, ressaltando-se os psicossociais. Entre estes encontrou-se: a existência de conflitos individuais e interpessoais não resolvidos no sistema familiar; a existência de dificuldades na relação mãe-bebê, desde o periodo da gravidez, que pode ter contribuído para o desenvolvimento de um padrão de interação relacionado com o hábito alimentar adquirido na infância e mantido até a adolescência; problemas com a figura paterna que, em muitos casos, apresentava conflito de ordem afetiva e era vista na família como figura fi-aca e submissa ou agressiva; com problemas de alcoolismo; baixa auto-estima e culpa no casal parental; dificuldade de algumas mães com a sua sexualidade, o que afetava o relacionamento do casal. Os adolescentes mostraram sentimentos de solidão, ansiedade, depressão e ilustração que, segundo o relato dos pais: já existiam na infância mas foram fortalecidos na adolescência; apresentavam-se inseguros, dependentes, com problemas de auto-estima e na esfera da sexualidade, sendo percebido, em alguns deles, o uso que faziam do alimento como substituto do afeto ou como conforto emocional. Foi verificado que a procura do tratamento baseou-se em demanda externa, sendo buscadas soluções imediatas e mágicas para resolução do problema. As entrevistas mostraram que os adolescentes tinham conhecimento sobre o que os faz engordar e até noções sobre o tratamento e as complicações da obesidade, mas isto não tinha sido suficiente para o emagrecimento. As conclusões deste estudo enfatizam não só os achados acima, mas também a importância do uso de métodos qualitativos quando o objeto do estudo é a compreensão de aspectos do relacionamento humano. Propõe-se uma abordagem do adolescente obeso, centrada na relação médico-adolescente-família que faz o adolescente sujeito de sua história e não, objeto de sua obesidade. Esta hipótese de trabalho pode ser realmente ampliada através de estudos baseados na pesquisa qualitativa

Abstract: The purpose of this study was to assess the aspects of the obese adolescent's family history as a means for understanding the factors that set off and maintain obesity in and to provide an additional approach for dealing with this eating disorder. A qualitative clinical approach based on semi-structured interview was used. Fourteen adolescents from 12 families were interviewed. The results were classified into four thematic categories, as follows: 1) the adolescent's family history, 2) the importance of the mother-child relationship, the process of individuation, the paternal role in building the individual's structure and its implications for obesity, 3) feelings and concepts about obesity and 4) the patient's and the family's reasons for deciding on treatment and their expectations. Although the presence of the genetic factor, there was an important contribution of environmental factors, outstanding the psychosocial factors like unresolved individual and interpersonal family conflicts, difficulties in the mother-child relationship which contributed to the developing of an interaction pattern related with eating habits in childhood that were maintained during adolescence, problems with the father figure who, in many cases, demonstrated affective conflicts (often seen as a weak, submissive figure or aggressive), alcoholism problems, low self-esteem for which the parents were blamed and the difficulty of some mothers in dealing with her own sexuality and the effects of this on the couple's relationship. The adolescents presented feelings of solitude, anxiety, depression and fr ustration, which, according to the parents, existed during childhood but increased during adolescence. They demonstrated insecurity, dependence, self-esteem and sexuality difficulties, and some of them showed the need to use food as a substitute for affection and emotional comfort. The desire for treatment represented an external demand for quick and magical methods of solving these problems. During the interviews, the adolescents revealed that they knew what caused an increase in weight and even had an idea of treatment and the complications of obesity, bu} this was not enough to stimulated them to try to lose weight. The conclusions of this study emphasized these findings and also confirmed the usefulness of qualitative methods for studying human relationship. It proposes the approach to obese adolescent centered in the physician-adolescent-family relation, making the adolescent as the subject of his own story and not the object of his obesity. This hypothesis can be widely amplified by using qualitative research methods
Subject: Obesidade
Adolescentes
Família
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1999
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Muller_ReginaCeliaLucizani_D.pdf4.53 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.