Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/310775
Type: TESE
Title: Trabalho e doutrina : os caminhos da pratica pediatrica nos centros de saude
Author: Mendes, Roberto Teixeira, 1953-
Advisor: Moysés, Maria Aparecida Affonso, 1949-
Abstract: Resumo: Este trabalho estuda a conformação da prática pediátrica nos Centros de Saúde e sua evolução histórica. Tratando-se de uma prática médica referida especificamente à criança, e ocorrendo em uma determinada estrutura assistencial, o estudo começa por reconstruir a conformação da Pediatria como especialidade médica a partir da constituição da Medicina em profissão unificada e prática socialmente hegemônica, com relação ao tratamento das doenças e à conservação da saúde individual e coletiva. A Pediatria vai surgir, neste enfoque, como resposta da Medicina às demandas sociais colocadas pela emergência da criança como objeto de práticas sociais que visam sua conservação. Com o desenvolvimento da Medicina Científica e Tecnológica, ocorre no interior da Pediatria o processo de divisão técnica e social do trabalho médico, que tem suas especificidades. No Brasil, a institucionalização da Pediatria, como especialidade, guarda uma relação privilegiada com o desenvolvimento da estrutura médicosanitária. A atuação dos pediatras na conformação dos serviços públicos de assistência à criança é decisiva, até o momento em que a própria divisão técnica do trabalho no interior da Pediatria, associa-da às transformações mais gerais 9a estrutura social brasileira e à reorientação do padrão assistencial da estrutura médico-sanitária, recoloque o atendimento à criança em novas bases. Nesse movimento, o pediatra deixa de ter como enfoque privilegiado de trabalho a conservação da saúde das crianças, passando a trabalhar sobre a doença manifesta nas crianças; a formulação do processo coletivo de trabalho vai ser atribuição da área da Saúde Coletiva e de seus profissionais, sendo então as atividades contidas no âmbito da Puericultura redistribuídas para outros profissionais dos Centros de Saúde. Além de ter seu objeto de trabalho reduzido praticamente à doença manifesta, o pediatra trabalhando nos Centros de Saúde recria, no atendimento médico à criança, urna modalidade de consulta médica que se constitui no padrão de consulta dos serviços públicos de primeira linha: o Pronto Atendimento. Esse padrão de consulta tem, como uma de suas características, a aplicação restrita das tecnologias (materiais e não-materiais) da clínica. Todas essas transformações da prática pediátrica especificam, para o pediatra, o tensionamento que se estabelece, entre o ideal de prática médica e as situações concretas do trabalho médico. No caso dos pediatras trabalhando na Rede Pública de Saúde, o tensionamento aparece como um conflito entre a doutrina pediátrica de atendimento integral à saúde da criança e o seu trabalho cotidiano no âmbito dos Centros de Saúde

Abstract: This research studies the conformation of pediatric practice within the Health Centers, and its historical evolution. Being a medical practice referred to the child, and ocurring in a determined health care structure, the study begins with the theoretical reconstruction of Pediatrics as a medical speciality, from the constitution of Medicine as a unified profession, as wellas the social hegemonic practice related to the treatment and prevention of diseases in the individual or colective scope. Pediatrics will rise, by this view, as a response of Medicine to social requerements, brought about by the emergence of child as an object of social practices that aims to preserve his life and promote his health an welfare. With the development of scientific.and technologic Medicine, and the technic and social division brought about, this phenomenon will occur with some kind of specificity within Pediatrics practice. In Brazil, the institucionalization of Pediatrics as a speciality is strongly related to the development of the medical-sanitary structure of the Public Health, specialy with the rising of the Health Centers as a Public Health unity. The presence of pediatricians in the decision levels of goverment, for a long time, imprints their mark .to the nature of the child care actions and to the work process in which pediatricians are involved at the Health Center leveI. Nevertheless, a change is brought about with the transformation of the whole Medical assistence and its profile, along the nineteen sixties and seventies, following the profound structural changes of Brazilian Social structure. The pediatric consultation comes by this time from a health maintenance pattern, to a emergence-attendence of acute ill pattern. The change implicates a reduction in the object of work of the pediatricians establishing a conflict between the professional doctrine and the concrete of their practice in the Health-Centers. This conflict arises as a tension between the medical ideology that suports Medicine as a unitary profession (and Pediatrics as a unitary speciality), and the actual circunstances in wich pediatricians develop their work in the Health Centers
Subject: Pediatria
Medicina - Práticas
Saúde pública
História social
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1996
Appears in Collections:FCM - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Mendes_RobertoTeixeira_D.pdf11.57 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.