Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/310728
Type: TESE
Title: Da especialidade à multidisciplinaridade : perfil dos egressos de um programa de pós-graduação em saúde da criança e do adolescente - 1988 - 2010
Title Alternative: From the specialty to the multidisciplinarity : profile of the alumni of a program of postgraduation in health of the child and of the adolescent - 1988 - 2010
Author: Fernandes, Cleide de Oliveira, 1977-
Advisor: Silva, Marcos Tadeu Nolasco da, 1960-
Abstract: Resumo: Introdução: O Sistema Nacional de Pós-Graduação, regulamentado há praticamente meio século, contribuiu de forma muito significativa para a criação de uma comunidade acadêmica ativa e produtiva, centrada nas Instituições de Ensino Superior federais e estaduais. Inicialmente voltado à qualificação do corpo docente das universidades, evoluiu como o principal agente das políticas públicas do Estado brasileiro, voltadas à pesquisa científica, tecnologia e inovação. Apesar do grande número de profissionais titulados como mestres ou doutores no período existe uma escassez de estudos voltados aos egressos dos programas de Pós-Graduação. Tal escassez justifica a realização do presente estudo, cujos objetivos foram descrever o perfil demográfico e profissional dos egressos do Curso de Pós-Graduação em Pediatria (CPG-Ped) e do Programa de Pós-Graduação em Saúde da Criança e do Adolescente (PPG-SCA), e analisar aspectos ligados à formação profissional e ao gênero destes egressos. Métodos: Estudo do tipo coorte, no qual foram analisados os dados de 247 egressos de uma população total de 272, formados pelo CPG-Ped e pelo PPG-SCA entre 1988 e 2010. Dos 247 egressos cujos dados foram analisados, 203 foram entrevistados por meio de um instrumento estruturado, e 44 tiveram seus dados coletados da plataforma pública Lattes, administrada pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). Foram analisadas variáveis demográficas, ligadas à formação profissional, atividades profissionais, de ensino e pesquisa antes, durante e após a realização dos programas de mestrado e doutorado, produção científica e atividades profissionais, de ensino e pesquisa mais recentes. A análise estatística consistiu da descrição da distribuição das variáveis analisadas, com o uso de medianas e valores extremos, e do teste de hipóteses por meio dos testes de Mann-Whitney e do Qui-Quadrado. O projeto de pesquisa foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade Estadual de Campinas. Resultados: O CPG-Ped, criado para o aprimoramento acadêmico e científico de pediatras, com o desenvolvimento progressivo para PPG-SCA, apresentou crescimento constante em seus indicadores quantitativos. Tal crescimento intensificou-se com a criação do PPG-SCA, que conferiu características interdisciplinares ao programa. Observou-se significativa inserção em atividades de ensino dos egressos do curso, com proporcionalmente menor inserção em atividades de pesquisa. O programa apresentou concentração na região Sudeste em relação à formação e origem dos egressos. O intercâmbio internacional mostrou-se bastante limitado. A maioria absoluta de egressos foi do sexo feminino. Ao compararem-se as etapas relativas ao CPG-Ped (1988 - 2000) com o PPG-SCA (2001 - 2010), observou-se que os egressos do PPG-SCA iniciaram e concluíram o mestrado em idades significativamente mais jovens, sem diferenças significativas em relação ao doutorado. A inserção em atividades profissionais, de ensino e pesquisa, mostrou-se proporcionalmente maior entre os egressos do CPG-Ped. Conclusões: Os egressos do Programa de Pós-Graduação em Saúde da Criança (PPG-SCA), iniciado como Curso de Pós-Graduação em Pediatria (CPG-Ped) apresentaram, no decorrer dos 23 anos avaliados neste estudo, uma trajetória semelhante à evolução da Pós-Graduação acadêmica brasileira, em relação aos aspectos de inserção profissional, idade de formação e progressivo incremento da participação de mulheres

Abstract: Background: The National Postgraduate System, which statutory regulation has almost half a century, resulted in significant contribution for the creation of an active and productive academic community, focused on Higher Education Institutions at the federal and state levels. Initially aimed at the qualification of university faculty members, it progressed as the main agent of scientific, technological and innovation for public policies in the Brazilian state. Despite the great numbers of professionals granted with master and doctoral degrees, there is a paucity of studies focused on the individuals who graduated from the postgraduate programs. Such scarcity justifies undertaking the present study, which aims where to describe the demographic and professional profile of the graduates from the Postgraduate Course in Pediatrics (PCP) and the Postgraduate Program in Child and Adolescent Health (PPCAH), and to evaluate professional graduation and gender-related issues. Methods: In this cohort study, data from 247 graduates were evaluated, from a total population of 272, graduated from PCP and PPCAH between 1988 and 2010. Two hundred and three graduates where interviewed with the deployment of a structured interview module and 44 had their data collected from Lattes Platform, managed by the National Council of Scientific and Technological Development. Variables related to demography, professional graduation, professional work, teaching and research were analyzed. Comparisons were made regarding former, concurrent and late periods related to postgraduate programs of master and doctoral degrees. Recent professional, teaching and research work was also evaluated. Statistical analysis consisted of a description of the main variables, using medians and extreme values, and hypothesis testing by Mann-Whitney and Qui-Square tests. The research project was approved by the Committee for Ethics in Research of the Faculty of Medical Sciences of the State University of Campinas. Results: A steady growth of quantitative indexes was observed during the evolution from PCP to PPCAH. This growth rate became more intense after the creation of PPCAH, which brought interdisciplinary characteristics to the graduate program. A significant insertion of in teaching work by the graduates was observed, with proportionally lesser insertion in research work. The graduates places of birth and professional graduation were mostly from the Southeast region. International exchange was very limited. Most graduates were women. When comparing graduates from PCP (1988 - 2000) to graduates from PPCAH (2001 - 2010), it was observed that PPCAH graduates were significantly younger at the beginning and at the conclusion of the master program, without significant differences related to the doctoral degree. Graduates from PCP had proportionally higher professional, teaching and research insertion, compared to graduates from PPCAH. Conclusions: The graduates from PCP and PPCAH showed, during the 23-year period evaluated in this study, pathways similar to the evolution of Brazilian academicals Postgraduation, related to professional insertion, age at degree attainment and progressively increasing women's participation
Subject: Ensino superior
Programas de pós-graduação em saúde
Comunicação interdisciplinar
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2014
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Fernandes_CleidedeOliveira_M.pdf1.36 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.