Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/310720
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Estudo do mecanismo de ação da procainamida sobre a junção neuromuscular
Author: Martins, Thalita Duque
Advisor: Fontana, Marcos Dias, 1945-
Abstract: Resumo: A procainamida é capaz de provocar sintomas myasthenia-like quando sua concentração plasmática alcança níveis altos e quando está associada a outros fatores capazes de intensificar o dano da transmissão neuromuscular (interação com outras drogas, Miastenia gravis sem manifestação clínica, Diabetes mellitus, etc.). Este efeito foi estudado por muitos autores mas ainda não se chegou a uma conclusão sobre este assunto. Neste trabalho foram feitos experimentos específicos da junção neuromuscular com esta droga para elucidar este assunto com a finalidade de tornar o uso da procainamida mais seguro. A procainamida pode potenciar o bloqueio neuromuscular causado pela d-tubocurarina significativamente. Nestas condições, as contrações musculares podem retomar ao nível controle usando Neostigmina e, também usando 4-Aminopiridina. A procainamida também pode intensificar a contratura causada pela ACh na preparação Biventer cervicis mas isto não acontece na preparação de hemidiafragma desnervado. Os potenciais de placa terminal em miniatura (p.p.t.m.) são abolidos sob a ação da procainamida mas este efeito acontece em duas fases distintas: 1) inicialmente, a procainamida provoca um aumento na frequência dos p.p.t.m.s e; 2) depois de aproximadamente 20 min, os p.p.t.m.s são abolidos. O bloqueio dos p.p.t.m.s foi revertido pela ação da 4-aminopiridina. Este último resultado conduz a uma suposição importante: a procainamida induz a dessensibilização dos receptores de Acetilcolina

Abstract: Procainamide provokes myasthenia-like symptoms when its plasmatic concentration reaches high levels and when it is associated to other factors capable to intensify the compromise of neuromuscular transmission (interaction with other drugs, myasthenia gravis without clinic manifestation, diabetes mellitus, etc.). This effect has been studied by many authors but it is not clear yet. In this work we did specifics experiments on neuromuscular junction with this drug to elucidate this subject with the finality of make the use of procainamide more secure. Procainamide can intensify significantly the neuromuscular blockade caused by d-Tubocurarine. At this situation, the twitches can be restored using Neostigmine and, also using 4-Aminopyridine. Procainamide can also intensify the contracture effect of ACh on Bíventer cervícís preparation but it does not occur in denervated diaphragm preparation. The miniature end plate potentials (m.e.p.p.) are abolished under action of procainamide but it occurs in two phases: 1) at the first stage, procainamide provokes increase of m.e.p.p. frequency and; 2) afier about 20 min, m.e.p.p. were abolished. M.e.p.p. were restored under the action of 4-Aminopyridine. This last result leads to one important assumption: procainamide induces desensitation of ACh receptors
Subject: Aminopiridinas
Miastenia grave
Dessensibilização imunologica
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2004
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Martins_ThalitaDuque_M.pdf4.52 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.