Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/310709
Type: TESE
Title: Dimensões estruturais e simbolicas de um espaço hospitalar : estudo antropologico de uma enfermaria cirurgica em Campinas, SP
Title Alternative: Structural and symbolic dimensions of a hospital space : anthropological study in surgical ward at Campinas, SP
Author: Melo, Lucas Pereira de
Advisor: Queiroz, Marcos de Souza, 1947-
Abstract: Resumo: Este estudo tem como objetivo interpretar as dimensões estruturais e simbólicas da cultura de uma enfermaria cirúrgica de um Hospital Universitário em Campinas-SP. A investigação é pertinente devido à importância do desenvolvimento de estudos qualitativos que dirijam seu interesse ao aspecto cultural do hospital e por permitir uma imersão nas dimensões microsociológicas do trabalho em saúde em um contexto de transição organizacional e paradigmática. Trata-se de um estudo de abordagem qualitativa, tendo como referencial metodológico a pesquisa etnográfica. O trabalho de campo foi realizado na Enfermaria Cirúrgica do referido hospital no período de março a setembro de 2008. Os atores sociais envolvidos foram os profissionais que compõem a equipe multiprofissional atuante naquele cenário. Para coligir as informações foram combinadas as seguintes técnicas de pesquisa: observação participante, entrevistas individuais semi-estruturadas, questionário sócio-econômico e fotografias da estrutura física. Os dados provenientes das observações participantes foram registrados no diário de campo e as entrevistas registradas em áudio para posterior transcrição e análise. A análise das informações foi realizada mediante a elaboração de domínios culturais, análises taxonômicas e temas culturais. Os temas culturais que emergiram foram: Ritos de Iniciação e de Passagem: estágios da trajetória profissional - discutem-se as vivências dos profissionais de saúde nos períodos de experiência, por ocasião da admissão como funcionário do hospital e as passagens entre categorias profissionais específicas; O espaço físico da copa: liminaridade, communitas e antiestrutura - abordamos os aspectos relacionados à construção de espaços liminares no interior do ambiente estrutural da organização hospitalar no intuito de permitir a vivência de situações sociais de communitas e antiestrutura, além de possibilitar a subjetivação da experiência do trabalho em saúde; e Um misto de urgência, angústia e satisfação: características marcantes do processo de trabalho - são abordados os diversos aspectos e nuances que permeiam o processo de trabalho dos profissionais de saúde do cenário cultural estudado, bem como a relação entre a urgência dos cuidados desenvolvidos e, paralelamente, a angústia e a satisfação geradas pelo trabalho desses atores sociais. Com base nesses temas culturais são tecidas algumas considerações a cerca da cultura estudada, destacando a importância que o espaço físico da copa interna da enfermaria assume, ao permear diversos aspectos concernentes ao modo próprio de viver, pensar e sentir o cotidiano dos profissionais de saúde que atuam nesse contexto. Além disso, acentua-se a emergência de inúmeras estratégias e mecanismos de resistência que se expressam por meio da elaboração de "anti-cenários", de caráter simbólico, que são interpretados e manipulados pelos sujeitos da pesquisa diariamente no sentido de possibilitar uma vivência mais saudável em um ambiente estruturado, hierarquizado, artificial, disciplinado e medicalizado, como é o ambiente hospitalar. Por fim, destaca-se a contribuição que a experiência vivenciada na copa pode trazer à reforma organizacional em curso no campo de pesquisa e à área de Administração em Enfermagem, bem como o fato do hospital ser uma instituição que também comporta a dimensão humana, os rituais, os processos de individualização, as hierarquias mais flexíveis, os espaços de socialização e lazer, dentre tantos outros aspectos

Abstract: This study aims to interpret the structural and symbolic dimensions of the surgical ward culture in the University Hospital in Campinas. This research is relevant because of the importance of the development of the qualitative studies, which addresses their interest to the hospital's cultural aspects and allow an immersion in the micro-sociological topics of health work in a context of organization and paradigm transition. This is a qualitative approach study according to the anthropological tradition, with an ethnographic research method reference. The fieldwork was conducted in the surgical ward, from March to September, 2008. The participants were 45 professionals of the patient team care. To collect the information the following research techniques were combined: participant observation, interviews, socio-economic questionnaire and photographs of the physical structure. Data from participant observations were recorded daily in the field and interviews were recorded in audio for later transcription and analysis. The analysis of information was performed through the development of cultural domains, taxonomic analysis and cultural themes. The cultural themes which emerged from the analysis were: Rites of Initiation and Passage: career stages - it discusses the experiences of health professionals in times of experience when admited at the hospital and their passages through specific occupational categories, and it is based on the theoretical concept of liminarity; The dining room: liminarity, communitas and anti-structure - it address the aspects of liminal spaces within the structural environment of the hospital organization, to enable the experience of communitas and social situations of anti-structure in addition to providing the subjectivity of the experience of working with health; and a mix of urgency, anxiety and satisfaction: characteristics of the work - the various aspects that permeate the health professionals work in the cultural scene studied and the relationship between the urgency of care developed are discussed and, simultaneously, the anguish and satisfaction generated by the work of these social actors. Based on these cultural themes some considerations were made about the culture studied, highlighting the importance of the dining room which permeates many aspects concerning the way of living, thinking and the daily experience of health professionals, who operate in that context. Furthermore, it emphasizes the emergence of many strategies and mechanisms of resistance that are expressed through the development of "anti-scenarios" of symbolic character, which are interpreted and handled daily by the subjects of research to enable a healthier expirence in a structured, hierarchical, artificial, medical and disciplined environment, as the hospital. Finally, there is the contribution which the experience in the dining room can bring to organizational reform underway in the search field and to the Nursing Administration area, and the fact that the hospital is an institution which also includes the human dimension, the rituals, the processes of individualization, the flexible hierarchies, the areas of socialization and recreation, among many other things
Subject: Antropologia
Cultura
Equipe de assistência ao paciente
Comportamento ritualistico
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2009
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Melo_LucasPereirade_M.pdf2.96 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.