Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/310503
Type: TESE
Title: Alterações no local de inserção e satisfação com o método entre usuárias de implantes contraceptivos subdérmicos
Title Alternative: Local signs and symptoms at the site of insertion and women's evaluation of their satisfaction with two contraceptive implant systems
Author: Doria, Raquel Ferreira Ferraz do Lago
Advisor: Bahamondes, Luis Guillermo, 1946-
Abstract: Resumo: Avaliar a prevalência de sinais e sintomas no local de inserção no braço e a opinião das mulheres com relação à satisfação com o método e com o novo padrão de sangramento em usuárias de implantes subdérmicos liberadores de levonorgestrel (LNG; Jadelle®) e etonogestrel (ENG; Implanon®). Métodos: Os totais de 233 e 226 mulheres foram aceitas nos grupos de implantes liberadores de ENG e LNG, respectivamente. Os sinais locais foram avaliados pela inspeção e as mulheres foram questionadas sobre queixas relacionadas ao local do implante aos 14 dias e 3, 6, 12, 24 e 36 meses após a inserção no Brasil e na República Dominicana. O mesmo grupo, somente de mulheres brasileiras, sendo 120 no grupo das usuárias de implantes liberadores de ENG e 127 no grupo liberador de LNG, deu sua opinião com relação à satisfação com o método contraceptivo e com o novo padrão menstrual, através de um questionário desenvolvido para o estudo. Os questionários foram aplicados pessoalmente aos 3 e 6 meses, e em seguida a cada 6 meses, até 36 meses após a inserção. Resultados: Dor e outros sintomas (principalmente prurido) foram as queixas mais frequentemente relatadas (~20%) e foram observadas em uma proporção semelhante entre as usuárias de Implanon® e Jadelle®, e parestesia foi relatada com menos frequência Hiperpigmentação foi três vezes maior entre as usuárias de Jadelle® do que em usuárias de Implanon® (p< 0,0001) e foi mais prevalente entre as usuárias nãobrancas. Todos os sintomas e sinais foram relatados muito mais frequentemente por mulheres dominicanas. Embora todos os sinais locais apresentassem uma tendência a diminuir com o tempo de uso, não houve diferenças significativas quando comparadas as ocorrências aos 12, 24 e 36 meses de uso de ambos os tipos de implantes. No entanto, as usuárias do Jadelle® não apresentaram declínio na ocorrência de hiperpigmentação. O modelo de regressão logística ajustada pela cor e índice de massa corporal (IMC; kg/m2) mostrou que as mulheres brancas usuárias de Implanon® apresentaram risco (OR) menor de hiperpigmentação quando comparadas às usuárias de Jadelle® (OR 0,26; IC 95% 0,14-0,48; OR 0,34; IC 95% 0,14-0,81), respectivamente. Não houve correlação entre dor, parestesia e hiperpigmentação e a utilização dos dois tipos de implantes. Hiperpigmentação foi mais prevalente entre usuárias de Jadelle® de pele escura. Em relação à satisfação foram analisados 1200 questionários. A maioria das usuárias dos dois tipos de implantes estava satisfeita com o método, e a insatisfação foi de aproximadamente 15% ao longo dos 3 anos de observação. Além disso, cerca de 70% das mulheres declararam que a utilização dos implantes trouxe benefícios e só aproximadamente 5% referiram que o uso provocou danos. Com relação ao novo padrão menstrual, as usuárias estavam muito satisfeitas ou satisfeitas em aproximadamente 70%, independente do tipo de implante. A vida sexual das usuárias não apresentou alteração em mais de 70% das usuárias, independentemente do tipo de implante. As usuárias indicariam o método para outra mulher e em sua grande maioria o método foi aprovado pelo marido. Conclusões: Informar as usuárias de implantes sobre sinais e sintomas no local de inserção do implante indica uma boa qualidade de atendimento; no entanto não é necessário avaliar o local de inserção a cada visita em usuárias assintomáticas. Os resultados sobre a opinião das usuárias quanto à satisfação com o método foram similares aos de trabalhos anteriores. No entanto, os resultados devem ser interpretados com cautela porque as mulheres que participaram deste estudo não eram usuárias comuns de uma clínica de planejamento familiar, o que levou a maior orientação durante todo o estudo. Não se pode ignorar a possibilidade de que a alta satisfação seja uma consequência da insatisfação com outros métodos contraceptivos

Abstract: Objectives: The study was conducted to assess the prevalence of local signs and symptoms at the insertion site in the arm, and the evaluation of the women's satisfaction with the method and with the new bleeding patterns among users of subdermal releasing-implants, levonorgestrel (LNG, Jadelle®) and etonogestrel (ENG, Implanon®) systems. Methods: A total of 226 and 233 women were enrolled in the ENG and the LNG group, respectively. Local signs were evaluated and women were questioned regarding complaints related to the insertion site at 14 days and 3, 6, 12, 24, and 36 months after insertion in Brazil and Dominican Republic. The same Brazilian women were randomly enrolled in the satisfaction study of ENG group (120) and the LNG group (127), respectively. The opinion of satisfaction with the bleeding pattern and with the method was evaluated through a questionnaire developed for the study. The questionnaires were applied face- toface at the 3, 6, and every 6 months thereafter up to 36 months after insertion. Results: Pain and other symptoms (mostly pruritus) were the most frequently reported complaints (~20%), and were observed in a similar proportion among both Implanon® and Jadelle® users; paresthesia was less frequently reported. Hyperpigmentation was three fold higher among users of Jadelle® than Implanon® users (p< 0.0001) and was more prevalent among non-white users. All symptoms and signs were reported much more frequently by Dominican women. The logistic regression model adjusted by race and body mass index (BMI; kg/m2) showed that users of Implanon® and white women presented lower risk of hyperpigmentation when compared to Jadelle's users (OR 0.26, 95% CI 0.14-0.48; OR 0.34, 95% CI 0.14-0.81, respectively). There was no relation between pain, paresthesia and hiperpigmentation and the use of the implants. Hiperpigmentation was more prevalent between users of Jadelle® in non-white women. The total number of questionnaires for the satisfaction study was 1,200. The results showed that most of these users of contraceptive implants were satisfied with both implants at the different visits and the regret with the method did not reach ~15% at any time through the 3 years of observation. In addition, almost 70% of the women declared that the use of the implants offered benefits for her and only ~5% referred that the use provoke harm for her. Regarding the women's response to changes in their bleeding patterns following insertion of the implant, the percentage who stated that they were very satisfied or satisfied was 70% in both methods. There was no change in the reported frequency of sexual interc urse during use of the implants and no change in their libido. Moreover, all the women in both groups stated that they would recommend the method to a friend or relative and most of them declared that their partner approved of this contraceptive method. Conclusions: Although information relating to local symptoms and signs at the implant site should be provided to current and potential users as a component of good quality of care, we do not recommend evaluation of the insertion site at every visit in women with no complaints. The results about satisfaction with the method are in agreement with previous findings. However, the results must be interpreted with caution because the women are participating in a research study and were not common clients of a family planning clinic. We cannot ignore the possibility that the high satisfaction was a consequence of dissatisfaction with alternative methods
Subject: Menstruação
Anticoncepcionais
Anormalidades da pele
Tempo padrão de sangramento
Satisfação
Dor
Hiperpigmentação
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2010
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Doria_RaquelFerreiraFerrazdoLago_D.pdf2.52 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.