Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/310474
Type: TESE DIGITAL
Title: Avaliação das áreas psicomotoras na síndrome de Down : contribuições da terapia ocupacional
Title Alternative: Assessment of psychomotor areas in Down syndrome : contributions for occupational therapy
Author: Nobre, Carolina Cunha Barros, 1978-
Advisor: Reily, Lucia, 1952-
Reily, Lúcia Helena
Abstract: Resumo: A síndrome de Down é uma condição genética associada à deficiência intelectual. Ocorre devido a uma anormalidade cromossômica, denominada de trissomia 21. O presente estudo tem como objetivo avaliar as áreas psicomotoras de crianças com síndrome de Down de 7 a 12 anos do Centro de Educação Especial Síndrome de Down (CEESD) por meio da Escala de Desenvolvimento Motor (EDM) de Francisco Rosa Neto (2002). Além disso, buscou-se discutir os resultados da avaliação à luz de outras possibilidades de conhecimento corporal envolvendo, de maneira expressiva, essas mesmas áreas psicomotoras, por meio de movimento corporal e do desenho. O trabalho procura refletir sobre as contribuições da terapia ocupacional para a elaboração de um programa de atuação envolvendo avaliação das áreas motoras, acrescentando também uma preocupação com as atividades expressivas em prol do desenvolvimento psicomotor. A pesquisa foi realizada em três etapas, 1) avaliação das áreas psicomotoras por meio da aplicação do instrumento; 2) realização com uma criança do grupo de atividades de observação de imagens fotográficas de crianças com síndrome de Down em poses de dança, reprodução dos movimentos corporais observados na imagem e representação gráfica da imagem observada (desenho); 3) análise e discussão de dados. O registro dos dados foi realizado por meio de anotações em caderno de campo,registro fotográfico e filmagem. O estudo discutiu que existe a necessidade de um instrumento para avaliar as áreas psicomotoras das crianças atendidas pelo terapeuta ocupacional. Nesta dissertação, considerou-se a avaliação com a Escala de Desenvolvimento Motor (EDM) de Francisco Rosa Neto (2002) que contribuiu para estabelecer um parâmetro geral de cada criança avaliada, bem como um perfil motor, entretanto, outros meios mais flexíveis que propõem atividades expressivas como os movimentos corporais e o desenho também permitem conhecer o desempenho da criança quanto às áreas psicomotoras. As duas ferramentas se complementam e podem ser utilizadas pelo terapeuta ocupacional para a avaliação das áreas psicomotoras de pessoas com síndrome de Down. Conclui-se que a avaliação se enriquece quando os dados objetivos são acrescidos de dados expressivos, os quais se mostram de suma relevância para se traçar um plano terapêutico

Abstract: Down syndrome is a genetic condition associated with intellectual disability. It occurs due to a chromosomal abnormality called trisomy 21. This study aims to evaluate psychomotor areas of children with Down syndrome 7 to 12 years at the Special Education Centre Down Syndrome (CEESD) through the Development Scale Motor (EDM) developed by Francisco Rosa Neto (2002). In addition, we attempted to discuss the evaluation results in light of other possibilities involving knowledge of the body, more significantly, these same psychomotor areas, through body movement and drawing. The study reflects on the contributions of occupational therapy to working out a program involving assessment of motor areas, also adding a concern about including expressive activities to enhance psychomotor development. The research was divided into three stages: 1) assessment of psychomotor areas through the application of the instrument; 2) sequence of activities with one child of the group in which the child was asked to look at photographic images of children with Down syndrome in dance poses, reproduce the body movements observed in the photos and then represent at the image by drawing the pose in question; 3) data analysis and discussion. The recording of data was performed using notes in a journal, photographic recording and filming. The study discussed that an instrument to assess the psychomotor areas of children is needed in the clinical practice of occupational therapists. In this thesis, the assessment using Francisco Rosa Neto¿s Motor Development Scale (EDM) of, contributed to obtaining general parameters of the children under assessment, as well as tracing profiles. Nevertheless, other more means such as using expressive activities such as body movement and drawing also enable the therapist to understand the child¿s development in the psychomotor areas. Both tools can be used to complement each other by the occupational therapist to evaluate the psychomotor areas of people with Down syndrome. In conclusion, the assessment is enriched when objective data are supplemented with expressive data, which is paramount to mapping out a treatment plan
Subject: Terapia ocupacional
Educação especial
Down, Síndrome de
Desempenho psicomotor
Dança
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2015
Appears in Collections:FCM - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Nobre_CarolinaCunhaBarros_M.pdf8.65 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.