Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/31029
Type: Artigo de periódico
Title: Relação entre o solo e a composição florística de remanescentes de vegetação natural no Município de Ribeirão Preto, SP
Title Alternative: Soil and floristic composition of native vegetation remnants relationship in the municipality of Ribeirão Preto, SP
Author: Kotchetkoff-Henriques, Olga
Joly, Carlos A
Bernacci, Luís C.
Abstract: Aiming to establish the relationship between soil characteristcs and floristic composition, 95 fragments of natural vegetation were visited, and their floristic composition was determined by the expedite survey method. A total of 509 tree species belonging to 71 botanic families were found. A detrended correspondence analysis (DCA) and a cluster analysis using relative Sørensen distance showed three floristic groups associated with particular soil types. A multi-response permutation procedure (MRPP) indicated the groups consistence. A main group associated with the basalt derived soils, Purple Latosol and Lytholic soil, could be slipt into two subgroups according to the rock desintegration degree: mesophilous and decidous forest, respectively. The other two groups were linked to the Dark Red and Yellow Red Latosol, the cerradão, and to the Hydromorfic Soil, the swamp forest. Each group presented a characteristic floristic composition. Considering the most abundant tree species, meanly 65% of them showed differential occurrence in the different soil types. A high proportion of species ocurred in few fragments, and each forest remnant presented somewhat regionally rare species. The observed association between soil and remnants floristic composition could contribute to the establishment of criterion for fragment conservation as well as in determining the proper species to choose in vegetation recomposition projects.
Visando o estabelecimento da relação entre as características do solo e a composição florística, foi efetuado levantamento florístico em 95 fragmentos de vegetação natural em Ribeirão Preto. Foram registradas 509 espécies arbóreas pertencentes a 71 famílias botânicas. Uma análise de correspondência retificada (DCA) e uma análise de agrupamentos utilizando a distância relativa de Sørensen indicaram a existência de três grupos florísticos, associados aos tipos de solos. A aplicação de um procedimento de permutação (MRPP) indicou que os grupos são consistentes. Um grupo maior associado aos solos derivados do basalto, Latossolo Roxo e Litossolo, pôde ser subdividido em dois subgrupos de acordo com o grau de decomposição da rocha, identificados como mata mesófila e mata decídua, respectivamente. Outros dois grupos foram identificados, um associado ao Latossolo Vermelho Escuro e Vermelho Amarelo, cerradão, e outro ao solo Hidromórfico, mata paludícola. Cada grupo apresentou uma composição florística característica. Considerando as espécies arbóreas mais comuns, cerca de 65% tendem a ocorrer de forma diferenciada entre os tipos de solos. Elevada proporção das espécies ocorreu em pequeno número de fragmentos, e cada remanescente apresentou alguma espécie considerada regionalmente rara. A associação observada entre o solo e a composição florística dos remanescentes poderá contribuir para o estabelecimento de critérios para conservação dos fragmentos de vegetação, bem como na indicação das espécies apropriadas para plantio nos projetos de recomposição da vegetação em diferentes regiões da cidade.
Subject: conservação florestal
fragmentos florestais
relação solo vegetação
Ribeirão Preto
forest conservation
forest fragments
Ribeirão Preto
soil-vegetation relationship
Editor: Sociedade Botânica de São Paulo
Rights: aberto
Identifier DOI: 10.1590/S0100-84042005000300011
Address: http://dx.doi.org/10.1590/S0100-84042005000300011
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-84042005000300011
Date Issue: 1-Sep-2005
Appears in Collections:Artigos e Materiais de Revistas Científicas - Unicamp

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
S0100-84042005000300011.pdf191.59 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.