Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/310117
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Efeito do propionato de fluticasona inalatorio na resposta inflamatoria de pacientes portadores de doença pulmonar obstrutiva cronica (DPOC)
Author: Brito, Roseli da Rocha
Advisor: Pedrazzoli Junior, José
Junior, Jose Pedrazzoli
Abstract: Resumo: A Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC) é uma doença caracterizada pela obstrução crônica ao fluxo aéreo, de caráter progressivo e irreversível. Está relacionada ao consumo excessivo de cigarros e envolve duas doenças; a Bronquite Crônica e o Enfisema Pulmonar. O tabaco produz inflamação no sistema respiratório, com acúmulo de neutrófilose macrófagos nas vias aéreas. A fumaça do cigarro também altera o mecanismo de defesa mucociliar,ocorrendo hipertrofia glandular,com aumento de secreção de muco, porém com características viscoelásticas alteradas. Além disso, a atividade ciliar está alterada, por paralisia e destruição dos cílios, o que facilita o acúmulo de secreções e a colonização por bactérias. A obstrução das pequenas vias aéreas, provavelmente é decorrente de um processo inflamatório crônico induzido por substâncias irritantes, com conseqüente infiltração neutrofilica e com a liberação de substâncias quimiotáticas, tais como a interleucina 8 e o leucotrieno B4, pelos macrófagos. Em função destas alterações, os sintomas que envolvem o DPOC são, decorrentes em parte à inflamação brônquica e à limitação ao fluxo aéreo. As células que envolvem este processo, presentes em lavado broncoalveolar, de pacientes portadores de DPOC, englobam a presença principalmente dos neutrófilos, sendo que não é freqüente a presença de eosinófilos, nestas secreções. Este trabalho consiste na utilização pelos pacientes portadores de DPOC, de corticóide inalatório (propionato de Fluticasona) de forma inalatória por um período de seis meses ininterruptos. Visamos avaliar a resposta inflamatória que envolve a presença de interleucina 8 (IL-8) no lavado broncoalveolar e no soro, quimiotaxia de neutrófilos, presença de neutrófilos e eosinófilos em lavado broncoalveolar (BAL), Prova de Função Pulmonar, estudo em sangue periférico do número total de leucócitos, neutrófilos e eosinófilos,além é claro da avaliação clínica destes pacientes ao longo do tratamento. Os resultados demonstram melhora dos sintomas que envolvem a hiperreatividade brônquica, melhora dos parâmetros de obstrução brônquica e melhora da eosinofilia. Os demais parâmetros estudados não obtiveram alteração do início para o final do experimento. Diante destes resultados, podemos observar que o corticóide inalatório age diretamente sobre os eosinófilos, não interferindo nos índices de neutrófilos e agentes quimiotáticos como a IL-8

Abstract: Chronic obstructive pulmonary disease (COPD) is characterized by the chronic, progressive and irreversible obstruction of air flow and is related to the exaggerated use of cigarettes and is comprised oftwo disorders, chronic bronchitis and lung emphysema. Cigarette smoking causes inflammation of the respiratory system, accumulating neutrophils and macrophages in the airways. The smoke of cigarettes also alters the mucociliar defense mechanism, causing glandular hypertrophy, with a subsequent increase in mucus secretion and altered viscoelastic characteristics. In addition, cilia activity is altered by the paralysis and destruction of the cilia, facilitating the accumulation of secretions and the bacterial colonization. The obstruction of small airways is probably caused by a chronic inflammatory process caused by irritant substances, with posterior neutrophil infiltration and the release of chemotatic substances, such as interleukin 8 and lleucotrieno B4, by the macrophages. As a consequence of these alterations, the symptoms of COPD partly lead to bronchital inflammation and air flow limitation. The cells that participate in this process within the bronchoalveolar lavage (BAL) of the patients with COPD are mainly neutrophils, although eosinophils can also be found in these secretions. This study investigated patients with COPD that were treated with inhalatory corticoid (fluticasone propionate) during six months without interruption. We aimed to evaluate the inflammatory response involving the presence of IL 8 in the bronchoalveolar lavage and in the serum, neutrophil chemotaxis, presence of neutophils and eosinophils in the BAL, spirometry, peripheral blood study of the total number of leukocytes, neutrophils and eosinophils, in addition to the clinical evaluation of these patients during the treatment. The results demonstrated the clínical improvement of the symptoms related to the airway hyper-reactivity, improvement of airflow obstruction parameters and improvement of the eosinophilia. Other parameters tested did not change from the beginning to the end of the experiment. Thus, we observed that the inhalatory corticoid fimctions directly on the eosinophils and is not related to the neutrophil leveI and chemotatic agents such as IL 8
Subject: Enfisema pulmonar
Inflamação
Bronquite
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2001
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Brito_RoselidaRocha_M.pdf13.06 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.