Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/310058
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Dermatite alergica de contato ocupacional = perfil clinico-epidemiologico dos pacientes atendidos no ambulatorio de medicina do trabalho da Unicamp
Title Alternative: Occupational allergic contact dermatitis : clinical and epidemiological profile of patients treated in the Unicamp's occupational medicine clinic
Author: Reis, Felipe Rovere Diniz, 1979-
Advisor: Oliveira, José Inácio de, 1951-
Abstract: Resumo: Diversos estudos descrevem o perfil clínico-epidemiológico e os resultados dos testes de contato das populações atendidas com suspeitas de dermatite alérgica de contato. Alguns evidenciam a provável relação causal com o trabalho; outros alertam para a necessidade de repetição do teste quando ocorrem múltiplas reações, principalmente nas demandas trabalhistas. O objetivo foi analisar o perfil clínico-epidemiológico e os resultados dos testes de contato dos pacientes com suspeita de dermatite alérgica de contato ocupacional atendidos no Ambulatório de Medicina do Trabalho da Universidade Estadual de Campinas. Foi realizado um estudo descritivo transversal retrospectivo com pacientes atendidos entre 1 de janeiro de 1999 e 31 de dezembro de 2008, envolvendo as seguintes variáveis: idade, cor, sexo, ocupação, tempo na ocupação, agente referido como sensibilizante, local inicial do eczema, origem do encaminhamento, resultados dos testes de contato e nexo causal. Foram analisados 180 prontuários e os resultados mostraram que o perfil clínicoepidemiológico foi semelhante àqueles referidos na literatura, mas os índices desensibilização foram proporcionalmente maiores: 85% dos pacientes tiveram pelo menos uma reação positiva no primeiro teste de contato, a média de reações positivas por teste foi 3,38 e 68% dos testes positivos apresentaram mais de duas reações positivas. Os elevados índices de sensibilização e a existência simultânea de múltiplas reações na maioria dos pacientes podem ser explicados por condições predisponentes para polissensibilização - dermatite nas mãos cronificadas por repetidas exposições ocupacionais - e/ou pela interpretação de reações irritativas como reações positivas. Foi sugerida, então, uma Ficha de Coleta de Dados, a ser preenchida durante as avaliações clínicas e a repetição dos testes de contato quando ocorrerem mais de 2 reações positivas relevantes a substâncias não correlacionada

Abstract: Several studies describe the clinical and epidemiological profile and the results of patch tests of the targeted population with suspected allergic contact dermatitis. Some evidence the probable causal relationship to work; others warn of the need to repeat tests when multiple reactions occur, especially in the lawsuits. The objetive was to analyze the clinical and epidemiological profile and the results of patch tests of patients with suspected allergic contact dermatitis treated at the Campinas State University's Occupational Medicine Clinic. We conducted a retrospective cross-sectional study with patients treated between January 1, 1999 and December 31, 2008 involving the following variables: age, race, sex, occupation, time in occupation, sensitizing agent, eczema locus, referral source, results of patch tests and causal relationship. We analyzed 180 medical records and the results show that clinical and epidemiological profile was similar to those reported in the literature, but the rates of awareness were proportionally larger: 85% of patients had at least one positive reaction in the first patch test, the average of positive reactions per test was 3.38 and 68% dos positive tests had more than two positive reactions. High levels of sensitization and the simultaneous existence of multiple reactions in most patients can be explained by predisposing factors to polysensization - cronic dermatitis on the hands caused by repeated occupational exposure - and/or by the interpretation of irritant reactions as positive reactions. It has been suggested then a sheet data collection to use in the clinic evaluation that includes the repetition of tests when more than 2 relevant positive reactions occurred to substances not correlated
Subject: Dermatites alergicas de contato
Testes cutaneos
Dermatite ocupacional
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2010
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Reis_FelipeRovereDiniz_M.pdf3.39 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.