Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/309702
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Devir apoiador = uma cartografia da função apoio
Title Alternative: Become a supporter : a cartography function support
Author: Oliveira, Gustavo Nunes de
Advisor: Carvalho, Sérgio Resende, 1958-
Abstract: Resumo: Este trabalho teve como campo de experimentações as atividades de apoio institucional realizadas pelo pesquisador e colaboradores no município de Vitória, ES, no período entre novembro de 2007 e fevereiro de 2010. Trata-se de pesquisa que assume como objetivo explorar-experimentar e mapear no que consiste a função apoio em suas mais difundidas modalidades (apoio institucional, apoio à gestão e apoio matricial) e contribuir com a formulação de projetos de liberdade e de democracia em construção e em disputa no campo das políticas públicas de saúde. O apoio, tomado como uma função, inscrita em arranjos concretos que põe em relação sujeitos com diferentes desejos e interesses, com a missão de ativar objetos de investimento mais coletivos e de apoiar esses sujeitos na ampliação de sua capacidade de problematização, de invenção de problemas, de interferência com outros sujeitos e de transformação do mundo e de si, implica em uma tarefa clínica-crítica-política. Cartografamos alguns modos de interferência e de contágio da função apoio na construção de projetos de reorganização dos processos de trabalho, da produção de saúde e autonomia e da ativação de redes de saberes e de competências, contribuindo também para a formação de um sistema de cogestão. Um ethos constituído no esforço por interferir nos processos de subjetivação e escapar da personalização identitária dos conflitos. No percurso esboçamos algumas indicações metodológicas do apoio e alguns modos de sua inscrição nos processos institucionais em organizações do setor Saúde e nos campos da Gestão e da Saúde Coletiva. O texto narrativo composto busca expressar o encontro atual em contato com a memória-intensiva. É uma cartografia, agenciada pelo pesquisador, das afecções e dos movimentos provocados pelos encontros. A exposição de um Eu-pesquisador, atravessado o tempo todo por forças coletivas, que pretende fazer expressar e afirmar algo da ordem do impessoal, aquilo que é imanente ao plano de consistência de uma realidade, procurando evitar ver e avaliar apenas a partir da representação e de um lugar de juízo. O desafio final deste texto surge no esforço de torná-lo um agenciamento, o qual, ao contrário de indicar um fechamento, procura constituir outras cartografias modificadas a partir da composição com o próprio leitor

Abstract: This research started from the activities of institutional support pel accomplished researcher and colleagues in the city of Vitoria, in the period between November 2007 and February 2010. The purpose of this research is to explore and map the experience of the function support more widespread in their arrangements (institutional support, management support and support matrix) and contribute to the formulation of projects for freedom and democracy under construction in the area of public policy health. The support, taken as a function, proposed in concrete ways that arise from individuals with different desires and interests, with the mission to activate objects of more collective investment schemes and support these individuals to expand their capacity for questioning, inventing problems, interference with other subjects and transform the world and of itself implies a political task and clinic. Mapping of some modes of transmission and function support support in building projects for the reorganization of work processes, the production of health and autonomy and the activation of networks of knowledge and skills, contributing to the formation of a truly democratic system. An ethos established in an attempt to influence the subjective process and avoid personalizing the conflict of identity. Produce some methodological indications of support and some forms to register with the institutional processes in the health sector and organizations in the areas of Management and Public Health. The narrative text composed tries to express this meeting contact the memory intensive. It is a mapping, mediated by the researcher, the affections and movements caused by the encounters. The exposure of the researcher himself, crossed all the time for collective forces, seeking to express and say something on the order of the impersonal, which is immanent to a plane of consistency of reality, striving to stop seeing and judging only from the representation and a place of trial. The final challenge of this text appears in the effort to make it an agency that, far from indicating a blockage, this looking for other maps made by others
Subject: Gestão em saúde
Saúde e trabalho
Democracia
Cartografia
Humanização da assistência
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2011
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Oliveira_GustavoNunesde_D.pdf1.64 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.