Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/309652
Type: TESE
Title: Avaliação nutricional e nivel socioeconomico de candidatos a transplante de figado
Title Alternative: Nutritional status and economic status in liver transplant candidates
Author: Centurion, Camilla de Moura
Advisor: Boin, Ilka de Fatima Santana Ferreira, 1953-
Abstract: Resumo: : É muito comum que candidatos a transplante hepático, portadores de doença hepática crônica, apresentem algum grau de desnutrição no período que antecede o transplante, portanto uma avaliação nutricional bem aplicada pode ser o ponto chave para uma intervenção nutricional que mantenha ou recupere uma condição nutricional satisfatória. A classe econômica é útil para oferecer uma dieta apropriada, uma vez que adesão depende da aquisição de determinados alimentos. O objetivo deste estudo foi avaliar o estado nutricional de candidatos a transplante de fígado e correlacionar o estado nutricional encontrado com os seguintes parâmetros: idade, gênero, gravidade hepática e classe econômica. Foram estudados, prospectivamente, 80 pacientes em lista de espera para transplante de fígado da Unidade de Transplante Hepático da Unicamp. Para a avaliação nutricional foram verificadas as seguintes variáveis antropométricas: peso (Kg) e altura (m), para cálculo do índice de massa corporal (IMC); circunferência do braço (cm), prega cutânea triciptal (mm), área muscular do braço (AMB) em cm2 e circunferência muscular do braço (CMB) em cm, para a Adequação de Parâmetros Antropométricos (APA). Para a avaliação da classe econômica foi utilizada a Classificação Econômica Brasil, proposto pela Associação Brasileira de Empresas de Pesquisa (ABEP). Para gravidade hepática foi aplicado score MELD e classificação de Child-Pugh. A análise estatística utilizada foi o teste do qui-quadrado, análise de variância e o coeficiente de correlação de Kappa e Pearson. Desnutrição foi encontrada em 45 pacientes (56,25%), através de APA; e com o IMC, a maioria apresentou excesso de peso (n=51; 63,75%). A concordância entre os dois métodos resultou em uma correlação intermediária (Kappa = 0,5) para valores categorizados e forte (Pearson = 0,73; p<0,05) para valores expressos em números. Em relação à classe econômica, verificou-se a prevalência das classes sociais B (36,25%) e C (47,5%); Classificação de Child-Pugh mostrou A em 20%, B em 57,5% e C em 22,5% dos avaliados. O score MELD médio foi 14.96 ± 4.27. As mulheres apresentaram 37,5% de eutrofia e foi diferente significativamente quando comparado aos homens (p<0,05). Nenhuma outra diferença estatística foi observada entre estado nutricional e os parâmetros analisados. Neste estudo observou-se que classe econômica, idade, gênero ou gravidade hepática não influenciou o estado nutricional dos pacientes avaliados, independente do método de avaliação utilizado

Abstract: Malnutrition is an usual complication in undergoing transplant patients, therefore nutritional assessment is essential for an early nutritional intervention to recuperate or maintain a sufficient weight. Economic status can be useful to offer a right nutritional guide and suppose dietary adherence taken with food acquirement and adequate nutritional status maintenance. The purpose was to evaluate nutritional of cirrhotic patients on the waiting list for liver transplantation and verify the association between found nutritional status and parameters like: age, sex, liver damage and economic status. Eighty patients on the waiting list for liver transplantation were prospectively evaluated. For nutritional status, evaluated anthropometric measures were: weight (Kg) and height (m), to establish Body Mass Index (BMI). Arm circumference (cm), Triciptal Skin Fold (mm), Muscular Arm Area (cm2) and Muscular Arm circumference (cm) were measured for Nutritional Adequacy. The patients were arranged according to Social Economic Profile classified by ABEP (Brazilian Association of Research Company) and Brazil Economical Classification (Classificação Econômica Brasil). For liver damage was applied MELD score and Child-Pugh classification. Statistic analysis was made using chi-square tests, Pearson and Kappa correlation and ANOVA (analysis of variance). Malnutrition was found in 56,25%, when Nutritional Adequacy was applied and 63,75% overweight using BMI; the correlation between the two methods resulted in an intermediate concordance (Kappa = 0.5) for those categorized and strong (Pearson = 0.73, p <0.05) for values expressed in numbers. We observed that according to Social Economic Profile we had 36.25% of the patients on group B, 47.5% on group C and 16.25% on group D. The Child-Pugh classification showed A in 20%, B in 57,5% and C in 22,5% of the patients. MELD score was 14.96 ± 4.27. Women had more preserved nutritional status when compared with men (p<0,05), when nutritional adequacy was used. No statistical association was found between nutritional status and the others parameters. The results showed that age, sex, liver damage or economic status did not influence the nutritional status of those evaluated, regardless of the method applied
Subject: Fígado - Transplante
Estado nutricional
Avaliação nutricional
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2009
Appears in Collections:FCM - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Centurion_CamilladeMoura_M.pdf2.55 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.