Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/309396
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Detecção do citomegalovirus em fragmento hepatico de pacientes com colestase neonatal extra-hepatica por meio da reação em cadeia da polimerase
Author: De Tommaso, Adriana Maria Alves
Advisor: Hessel, Gabriel, 1960-
Abstract: Resumo: "Colestase" significa diminuição ou parada do fluxo biliar para o duodeno. Do ponto de vista anatômico, é classificada em intra- e extra-hepática, sendo a atresia de vias biliares (AVB) a principal causa dessa última. A AVB é uma das mais graves doenças hepáticas neonatais e sua etiopatogenia permanece desconhecida. Uma participação viral tem sido proposta, incluindo o citomegalovírus (CMV). A infecção por CMV ocorre em 1-2% dos recém-nascidos sendo assintomática em mais de 90% dos casos. O risco de transmissão para o feto é maior na infecção primária, porém a infecção reCOITenteconta com a maioria das infecções congênitas. O diagnóstico laboratorial se faz por isolamento viral em cultura de fibroblastos e detecção de anticorpos IgG e IgM contra o CMV. A amplificação de DNA pela reação em cadeia da polimerase (PCR), tomou sua detecção possível em amostras contendo pequeno número de cópias VJIa1s. ...Observação: O resumo, na íntegra, poderá ser visualizado no texto completo da tese digital

Abstract: Colesthasis is the reduction or the interruption of the bile flow to the duodenun. The classification in causes intrahepatic and extrahepatic is very important, being the biliary atresia (BA) the major cause ofthe later. BA is the most severe hepatic disorder in newborns and its etiopathogenesis remains unknown. Viral involvement has been proposed, including the cytomegalovirus (CMV). CMV infection occurs in 1-2% of the newborns and is assymtomatic in more than 90% of the cases. The transmission to the fetus is greater in the primary maternal infection, although a recurrent infection account for the majority of the congenital infections. Laboratory diagnosis is made by serologic methods or by isolation of the virus in fibroblast cell culture. The amplification of DNA by the polymerase chain reaction (PCR) makes possible the diagnosis in specimens with few copies ofthe virus...Note: The complete abstract is available with the full electronic digital thesis or dissertations
Subject: Biologia molecular
Ictericia neonatal
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: DE TOMMASO, Adriana Maria Alves. Detecção do citomegalovirus em fragmento hepatico de pacientes com colestase neonatal extra-hepatica por meio da reação em cadeia da polimerase. 2002. 150p. Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciencias Medicas, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/309396>. Acesso em: 2 ago. 2018.
Date Issue: 2002
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
DeTommaso_AdrianaMariaAlves_D.pdf18.83 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.