Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/309295
Type: TESE
Title: Avaliação da articulação temporomandibular (ATM) com reconstrução multiplanar de imagens por ressonancia magnetica em pacientes com e sem cefaleia associada a desordem temporomandibular
Title Alternative: TMJ evaluation with multiplanar reconstruction in patients with and without headache associated to temporomandibular disorder
Author: Costa, Andre Luiz Ferreira
Advisor: Cendes, Fernando, 1962-
Abstract: Resumo: O presente trabalho teve como objetivo verificar o uso da reconstrução em três dimensões da articulação temporomandibular (ATM) em imagens geradas por ressonância magnética (RM) em indivíduos com desordem temporomandibular (DTM) e cefaléia e DTM sem cefaléia. Para tal, um grupo de 42 pacientes com DTM e desarranjo interno (DI) unilateral e um grupo controle (sem DTM e DI) de 18 indivíduos foram selecionados. O grupo de 42 indivíduos citado foi dividido em presença de cefaléia e ausência de cefaléia, contendo cada um 21 indivíduos, analisados a partir da classificação da International Headache Society. Todos os indivíduos foram submetidos ao exame por ressonância magnética das ATM e as imagens digitalizadas para reconstrução em 3 dimensões (3D) e reformatação multiplanar através de um software para avaliar estruturas anatômicas (disco, côndilo e osso temporal) e diferentes possibilidades quanto à posição dos componentes da articulação. Os resultados mostraram que o diagnóstico da posição do disco foi equivalente na IRM e na reconstrução em 3D, revelando um uma concordância aceitável (p= 0.9) entre os achados de IRM e de recontrução em 3D no grupo controle e pacientes. Foi encontrada uma diminuição significante dos volumes dos discos das ATM do grupo paciente, o lado afetado pelo DI apresentou frequentemente com efusão e volume significantemente menor, quando comparado ao disco do outro lado (p < 0.001), assim como o volume dos discos do lado afetado pela DI dos pacientes que possuiam bruxismo (p < 0.001). Os volumes dos discos do lado afetado dos pacientes foram menores quando comparado com um dos lados dos discos do grupo controle (p < 0.001). Em relação à análise clínica e visual, bruxismo foi mais relatado nos pacientes com cefaléia (p< 0.012). Foi encontrada uma significante associação entre cefaléia e efusão articular (p< 0.012). Pacientes com maior grau de DI, também tiveram maior freqüência de efusão (p< 0.012). Os resultados encontrados neste estudo mostram que a recontrução em 3D mostrou-se eficaz e didática para compreensão do DI na ATM; que a efusão articular tem participação na patologia da cefaléia presente em indivíduos com DTM. Quanto à diminuição do volume dos discos articulares em pacientes com DTM, estes resultados revelam que estão relacionados com a presença de efusão articular e bruxismo nestes indivíduos

Abstract: The aim of the present work was to evaluate a 3D reconstruction method of the temporomandibular joint by magnetic resonance imaging. The sample comprised of 42 individuals, 21 diagnosed with unilateral temporomandibular joint internal derangement (TMJ ID) and headache, 21 diagnosed with unilateral TMJ ID without headache. Eigtheen individuals without signs or symptoms of temporomandibular disorders or headache (control group) were included. The subjects with headache were evaluated by a neurologist, who performed a neurological examination by International Headache Society. All subjects were submitted TMJ magnetic resonance imaging (MRI). Three dimensional imaging reconstructions of temporomandibular joint were generated by segmentation software, allowing visualization of the components of temporomandibular joint (articular disc, condyle and temporal bone) on arbitrary planes. The diagnosis of disc position was equivalent in RM and in the three-dimensional reconstruction, disclosing an acceptable agreement for diagnostic accuracy (p = 0.9) between MRI findings and 3D reconstruction in control group and patients group. We found a significant decrease of TMJ disc volumes in the group of patients with TMD compared to the control group (p < 0.001). In addition, disc volumes were significantly smaller in joints from patients with effusion versus those without it (p< 0.001); as well as in patients with bruxism behavior compared those without it (p< 0.001); disc volumes of TMJ affected side when compared with any controls¿s side (p< 0.001). With regard to clinical and visual analyses, bruxing behavior was most frequently reported by patients with headaches (p< 0.012). A significant association between headache and temporomandibular joint effusion (p<0.012) was noted. Patients with more severe disc displacement also had a higher frequency of effusion (p<0.001). Thus, we concluded that 3D reconstruction is a useful and accurate method for the assessment of the ID TMJ and there is reduction of TMJ disc volume in patients with TMJ ID with joint effusion and/or bruxism
Subject: Articulação temporomandibular
Processamento de imagens
Ressonância magnética
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2008
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Costa_AndreLuizFerreira_D.pdf1.46 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.