Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/309149
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: As ações programaticas no Projeto Saude Todo Dia : uma das teconologias para a organização do cuidado
Author: Freire, Rafaela Cordeiro
Advisor: Merhy, Emerson Elias, 1948-
Abstract: Resumo: Reverter princípios constitucionais em sistemas de saúde capazes de se responsabilizar efetivamente pelos cidadãos não é tarefa fácil. O SUS, em seus primeiros quatorze anos, teve sua regulamentação elaborada em um ambiente neoliberal inóspito a políticas sociais universalizantes. A esfera federal induziu a implantação de um modelo com base tecnológica da vigilância à saúde e matriz organizativa de Sistemas Locais de Saúde. A atenção básica e programas para determinados grupos de vulnerabilidade foram focos da política neste período. Não houve formulação de política para especialidades, atenção hospitalar e urgência e emergência, a não ser aquelas vinculadas à lógica de mercado. O governo Lula, a partir de 2003, inaugura nova fase de implementação do SUS. Em 2001, o município de Aracaju iniciou uma intervenção no modelo assistencial, denominada Projeto Saúde Todo Dia, pretendendo adotar as diretrizes constitucionais em sua radicalidade. O marco teórico orientador de suas práticas são as necessidades de saúde tomadas como objeto das intervenções profissionais, e do conjunto do sistema, para produzir autonomia. Propõe a incorporação de saberes tecnológicos de diversas matrizes da Saúde Coletiva na construção de um sistema capaz de acolher necessidades de saúde, compreendendo, significando e se responsabilizando por intervenções que, através da construção de vínculos, produzam graus crescentes de autonomia para usuários e trabalhadores. As ações programáticas são incorporadas nesta modelagem como uma das tecnologias para organizar a produção do cuidado de grupos vulneráveis através das diversas redes assistenciais. Propõe-se a convivência dos recortes profissionais e da subjetividade dos indivíduos na abordagem das necessidades de saúde

Abstract: Turning constitutional rights into Health Systems able to be responsible for citizens is not an easy task. In Brazil, the Unified Health System, during its fourteen first years, had its regulamentation wrote within a neoliberal environment hostil for universalizing social policies. The federal sphere induced the development of a health model with its technology based on Health Surveillance Model and the organizing model from Local Health Systems. During that period health policies were focused on the basic level assistance and programs for determined vulnerable groups. There were no policies for specialties, hospitalar and urgency and emergency assistance, unless they were related to market demands. The new federal government of President Lula, since 2003, openned a new phase of SUS implementation. From 2001, Aracaju municipality started an intervention in its assistance model, named Projeto Saúde Todo Dia (Health Everyday Project), trying to develop the constitutional directions. The theoretical orientation of its pratices are the health necessities as an object of the professional interventions, as they are to the whole system, in order to produce autonomy. Proposes the incorporation of tecnological knowledge from various sources of Colective and Public Health in order to construct a system able to housing health necessities, comprehending and signifying them, and even taking responsability to make interventions, through tight relationship that can produce increasing grades of autonomy for its users and professionals. The Programming Actions are incorporated in this experience as one of the technologies that organizes the care production of vulnerable groups throughout its assistance networks. We propose the concomitant use of professional and technical approaches on health necessities with individual subjectivity about them
Subject: Sistema Único de Saúde (Brasil)
Política de saúde
Saúde - Planejamento
Políticas, planejamento e administração em saúde
Saúde pública
Programas de saúde
Promoção de saúde
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2005
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Freire_RafaelaCordeiro_M.pdf2.01 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.