Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/309131
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Atenção gerenciada : instituinte da reforma neoliberal
Author: Iriart, Celia Beatriz
Advisor: Merhy, Emerson Elias, 1948-
Abstract: Resumo: o principal tópico deste tese é a análise da articulação entre processos macro e micropolíticos, e entre as condições estruturais e subjetivas das reformas dos sistemas de saúde na América Latina. Esta tese tem como base três textos sob a forma de artigos, sendo que um deles foi aceito para publicação na revista New England Journal of Medicine. Tomou-se a atenção gerenciada (AG) como analisadora que "silenciosamente" vai instituindo a reforma neoliberal. A AG é introduzida basicamente pelos capitais financeiros multinacionais, em especial, de origem estadounidense. Nesta instituição os participantes, como atores ou como sujeitos do processo vão sendo posicionados ou tomando posições. Os dados obtidos correspondem a uma investigação "Atención Gerenciada en América Latina: su papel en Ia reforma de los sistemas de salud", na qual fui a investigadora principal, de uma equipe de pesquisadores da Argentina, Brasil, Chile, Equador e Estados Unidos. O produto da investigação e do pensamento reflexivo desenvolvido apresenta-se da seguinte maneira: caracterização do contexto no qual surge a preocupação por esta problemática e as buscas teóricas realizadas; uma seção destinada a explicitar os métodos utilizados, os três artigos, uma conclusão e os anexos necessários para compreender dados do estudo. Na conclusão se desenvolve uma análise integrada dos processos estruturais e macropolíticos em suas articulações com as transformações no nível do sentido comum, que são facilitadas pela dinâmica micropolítica e que produzem as modalidades específicas que assumem as reformas. Para isto parte-se dos conceitos ideológicos que sustentam a reforma que tem a AG como instituinte (que denominamos "fundamentos") mostrando sua articulação com os processos macropolíticos e as mudanças estruturais que produzem. Também são consideradas a importância que as mudanças no sentido comum tem, para que este instituinte transforme-se em um instituído e como isto é operado pelos processos micropolíticos que são gerados nas próprias instituições de saúde, dÇ>s quais são participantes os trabalhadores, profissionais e não profissionais. Coloca-se em contexto estes processos, apresentando-se alguns dados sobre os resultados do ajuste estrutural em nossas economias, que põem em evidencia os sem sentidos deste modelo neoliberal que se propõe como a única alternativa capaz de tornar eficientes e eqüitativos os sistemas de saúde. Integra-se 'a análise conceitos teóricos e experiênciasatternativas, a estas reformas, desenvolvidas pela saúde coletiva brasileira, em especial, pelos integrantes do Laboratório de Planejamento e Administração em Saúde (LAPA) da UNICAMP. Consideramos que elas compõem uma "caixa de ferramentas" com potencial para abrir o pensamento na direção de outros sentidos que facilitem a saída do estado de situação marcado pela impotência, iniquidade, falta de acesso da população, pela piora das condições sanitárias, e pela deterioração das condições de trabalho nas instituições de saúde

Abstract: The principal topic of this thesis is the analysis of the articulation between macro- and micro-political processes, and between the structural and the subjective conditions of the reforms in Latin American's health care systems. Managed care (MC) was chosen an "analizador" that "silently" is establishing neoliberal reformo MC is introduced basically for multinational finance capital, especially of United States origino In this institution the participants, as actors or as subjects of the process, are being positioned or are taking positions. The data were obtained in the investigation, "Managed Care in Latin America: Its Role in Mealth System Reform", in which I was the principal investigator of a team of researchers in Argentina, Brazil, Chile, Ecuador and the United States. The product of the research and of the reflexive thought developed is presented in the following way: characterization of the context in which the concern about this problem and the theoretical explorations arise; a section to explicate the methods utilized, three chapters, a conclusion and the necessary appendices to understand the data of study. The conclusion develops an integral analysis of the structural and macropolitical processes in their articulations with the transformations at the levei of common sense, that are facilitated by the micropolitical dynamic and that produce the specific modalities that the reforms assume.Therefore ideological concepts are considered that support the reform that contains MC as "instituyente" (that are referred to as "fundamentais"),. showing its articulation with macropolitical processes and the structural changes that are 'produced. I consider also the importance that the changes in the common sense hold, for which this "instituyente" is transformed into an "instituido" and, as such, is operationalized by the micropoliticaJ processes that are generated in the health institutions themselves. In this process professional and non-professional workers take parto These processes are put in context by presenting same d~ta concerning the results of structural adjustment in our economies, that putin evidence the "sin sentidos" of this neoliberal model that it is proposed as the only alternative able to make health systems efficient and equitable. I integrate into analyses theoretical concepts and alternative experiences, concerning these reforms, developed by Brazilian collective healttl, especially by the members of the Laboratory of Administration and PlanniRg in Health (Laboratório de Amnistração e Planejamento em Saúde, LAPAf~ I believe that these concepts and experiences constitute a "tool box" with potential to open thought in the direction of other meanings that facilitate leaving the state of situation marked by impotence, inequity, lack of access for the population, worsening of health conditions, and deterioration of the conditions of work in health institutions
Subject: Neoliberalismo
Estado
Empresas medicas
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1999
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Iriart_CeliaBeatriz_D.pdf7.54 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.