Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/308605
Type: TESE
Title: Polimorfismos -765G>C e 8473T>C no gene COX2 e 57460C>T no gene IFRD1 como modificadores da gravidade da fibrose cística
Title Alternative: -765G>C and 8473T>C COX2 polymorphisms and 57460C>T IFRD1 polymorphism as cystic fibrosis modifiers
Author: Marcelino, Aline Roberta Bariani, 1985-
Advisor: Bertuzzo, Carmen Sílvia, 1963-
Abstract: Resumo: A Fibrose Cística (FC) é uma doença autossômica recessiva causada por mutações no gene CFTR (Cystic Fibrosis Transmembrane Conductance Regulator) que acarretam em defeito ou na ausência da proteína por ele sintetizada. A CFTR, produto deste gene é uma proteína canal, localizada na membrana apical das células, responsável pela condução de íons cloreto. As mutações levam à ausência da proteína CFTR ou a alteração qualitativa/quantitativa da proteína, que acarreta no desequilíbrio osmótico entre os meios intra e extracelular. Como consequência há a ocorrência de muco viscoso e de difícil excreção nos pulmões e obstrução dos ductos pancreáticos, afetando desta forma o sistema respiratório e digestório. São conhecidas mais de 1.900 mutações no gene CFTR, sendo que mesmo em pacientes com mutações iguais como a F508del - com alta prevalência na população brasileira - há divergência entre os fenótipos observados. Dessa forma, o genótipo CFTR parece não ser determinante na modulação da gravidade clínica, uma vez que, indivíduos com mesmo genótipo CFTR apresentam manifestações clínicas diferentes. Outros genes, diferentes do CFTR foram associados à gravidade clínica dos pacientes, revelando que os produtos por eles expressos exercem algum tipo de ação modificadora do fenótipo da FC. Tais genes foram denominados modificadores e atuam em fatores secundários relacionados à evolução do quadro clínico, como a articulação do sistema imune. Os genes COX2 e IFRD1, com ação importante no sistema imune e no recrutamento de células de defesa foram identificados como modificadores da FC em estudos prévios realizados em uma população diferente da brasileira. No presente estudo, os polimorfismos -765G>C e 8473T>C no gene COX2 e 57460C>T no gene IFRD1, candidatos a modificadores, foram identificados nos pacientes e um estudo de associação genótipo-fenótipo foi conduzido a fim de verificar a ação moduladora de tais polimorfismos nos pacientes estudados. Nenhuma associação foi encontrada, exceto para o íleo meconial (p=0,028 - em pacientes com duas mutações identificadas no gene CFTR pertencentes à classe I, II e III) e para a polipose nasal (p=0,022 - em pacientes sem considerar o genótipo CFTR) para o polimorfismo 8473T>C no gene COX2

Abstract: Cystic fibrosis (CF) is an autosomal recessive disease caused by CFTR (Cystic Fibrosis Transmembrane Conductance Regulator) gene mutations that lead to defective polypeptide or lack of the protein CFTR. The CFTR is a channel protein located in the apical cells membrane, responsible for chloride ions conductance. The mutations lead to an osmotic disequilibrium between intra and extracellular mediums, which causes viscous mucus production that is hard to be eliminated from lungs and pancreatic ducts, affecting, this way, respiratory and digestive systems. More than 1,900 CFTR different mutations are known, and even patients that carries identical mutations as F508del - the most common one in Brazilian population - shows a great discrepancy between the phenotypes that are observed. Thus, CFTR genotype seems not to be crucial in disease clinical course modulation, once different subjects carrying the same CFTR mutations reveal distinctive clinical manifestations. Genes besides CFTR were associated to CF patients clinical manifestation, revealing that the molecules they express have some kind of modifier activity in CF phenotype. Such genes were labeled as modifier genes and they act in secondary factors related to clinical course evolution as immune system response. The genes COX2 and IFRD1 have an important role in immune system and defense cell recruitment and they were identified as CF modifiers in previous studies that analyzed different population from the Brazilian one. In this current study, the polymorphisms -765G>C, 8473T>C and 57460C>T located in these genes were identified in our patients and association genotype-phenotype were carried out in order to verify the modulator activity of such variants in the studied casuistic. There was not found association, except for meconium ileus (p=0,028 - in patients with two CFTR mutations from class I, II and III) and for nasal polyposis (p=0,022 - in patients whose CFTR genotype was not considered) to 8473T>C polymorphism in COX2 gene
Subject: Fibrose cística
Polimorfismo (Genética)
Fenótipo
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2013
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Marcelino_AlineRobertaBariani_M.pdf1.05 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.