Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/308566
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Análise da discursividade sobre a obsidade em adolescentes com cobrepeso ou obesas de uma escola na cidade de Campinas, sob a ótica dfa análise do discurso
Title Alternative: Discourse analysis about oobesity, from an optical perspective, in overwight of obese teenagers in a school in the city of Campinas
Author: Olchenski, Candida Marisa Betoni
Advisor: Corrêa, Carlos Roberto Silveira, 1954-
Abstract: Resumo: Constata-se que, nas últimas décadas, o peso médio da população, independentemente do gênero, idade, ou extrato social, tanto nos países desenvolvidos como nos que estão em desenvolvimento, vem aumentando progressivamente. A obesidade é considerada doença multifatorial pela OMS e tem um caráter epidêmico, portanto um problema de saúde pública. Muitos estudiosos vêm pesquisando o assunto na esperança de identificar formas eficazes de tratamento duradouro para a perda de peso. As abordagens mais utilizadas para o tratamento da obesidade são, entre outras, as prescrições de dieta, mudanças no estilo de vida, atividades físicas, terapia com fármacos ou psicológica. Estas intervenções, no entanto, não têm diminuído a curva de crescimento do número de obesos e das doenças desencadeadas pela obesidade, tornando-se um desafio para a saúde pública encontrar respostas para a dificuldade do obeso em aderir à dieta, perder peso e manter esta perda. De acordo com os órgãos de saúde pública, a obesidade é particularmente importante entre crianças e adolescentes porque eles têm grande chance de serem obesos na vida adulta. Além disso, o adolescente está construindo a sua auto-imagem e o corpo obeso pode ser fonte de uma inadequação social, com todo o sofrimento que advém desta percepção. Para compreender as dificuldades de adesão ao tratamento proposto pelo conhecimento biomédico, este trabalho analisou a discursividade de meninas adolescentes com sobrepeso ou obesas, alunas de uma ONG situada em um bairro da zona norte da cidade de Campinas. Foram selecionadas 10 adolescentes interessadas em participar de um Grupo Focal que abordou o tema da obesidade e as formas de intervenção para a perda de peso propostas pelo modelo biomédico. Após a transcrição deste encontro, o material foi analisado de acordo com a Análise do Discurso (AD), teoria francesa de Michel Pêcheux e Eni Orlandi no Brasil. Entendemos que as condições históricas constroem práticas discursivas por meio das quais o obeso se significa no mundo e que conhecê-las ajudará a compreender a adolescente diante da dificuldade em perder peso. Como resultado, compreendemos que há por parte do discurso médico, uma sobredeterminação do corpo ao sujeito e a adolescente é determinada pela obesidade. No entanto, a jovem se recusa a ser significada nesta posição de obesa e doente, resistindo a este discurso e a esta determinação

Abstract: It is shown that on the last decades, the average weight of the population, apart from genre, age or social extract, in both developed countries and countries that are still developing, are progressively increasing. Obesity is considered a multi-factorial disease by WHO and has a epidemiological character, therefore, a public health problem. Many studies are researching the subject on the hope of identifying effective ways of a durable treatment for weight loss. The approaches more used obesity treatments are within others, diet prescriptions, changes on the life style, physical activities drug or psychological therapies. These interventions, however, have not decreased curve of growing obesity cases and of the diseases caused by obesity, becoming a challenge for public health finding answers for the difficulty of the obese to adhere a certain diet, losing weight and keeping this loss. According to the public health agencies, obesity is particularly important among children and teenagers because they have great chances of being obsess on their adult life. In addition to that, the adolescent is building a self image and the obese body can be a source of a social inadequacy, with all the suffering that comes from this perception. In order to comprehend the adhesion difficulties to the suggested treatment by the biomedical knowledge, this work has analyzed the discourse of teen girls that are overweight or obese, girls of an NGO situated in a northern neighborhood on the city of Campinas. There were selected 10 adolescents interested in participating of a Focal Group that approached the obesity theme and the ways of intervention for the weight loss suggested by the biomedical model. After the transcription of this meeting, the material has analyzed to the technique of Discourse Analysis (AD), French theory of Michel Pêcheux and Eni Orlandi in Brazil. We understand that the historical conditions build up discourse practices through which the obese gives a meaning to herself on the world and that getting to know these practices will help to comprehend the adolescent facing the difficulties of losing weight. As a result, we comprehend that there is by the medical discourse an over determination of the body to the subject and to the adolescent determined by the obesity. However the teenager refuses being signified on this position of obese and sick, resisting to this discourse and to his determination
Subject: Obesidade
Discurso
Adolescentes
Saúde pública
Dieta
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2011
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Olchenski_CandidaMarisaBetoni_M.pdf389.88 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.