Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/308460
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: O discurso narrativo na doença de Alzheimer e na demencia fronto-temporal
Author: Samara, Adriana Bastos
Advisor: Damasceno, Benito Pereira, 1942-
Abstract: Resumo: Além das alterações léxico-semânticas, transtornos discursivos também têm sido freqüentemente relacionados as demências. Eles, entretanto, não estão plenamente determinados, principalmente com relação à doença de Alzheimer (DA) e à demência fronto-temporal (DFT), porque a maioria dos estudos não têm examinado sistematicamente a produção discursiva destes pacientes de acordo com diferentes níveis de análise. O objetivo desta pesquisa foi investigar a habilidade discursivo-narrativa e seus correlatos neuropsicológicos em pacientes com DA e com a variante frontal da DFT. Para tanto nós estudamos 47 sujeitos, divididos em quatro grupos: (1) pacientes com DA; (2) pacientes com DFT; (3) pacientes com lesão cerebral restrita aos lobos frontais; e (4) sujeitos-controle não neurológicos. Todos realizaram avaliação neuropsicológica (incluindo o Teste de Vigilância de Strub & Black, subtestes da Escala de Inteligência para Adultos e da Bateria de Memória de Wechsler, Teste de Fluência Verbal, Teste de Nomeação de Boston, Teste de Token, Wisconsin Card Sorting Test, Teste de Stroop, Teste de Organização Visual de Hooper, e Teste de Lista de Palavras) e avaliação discursiva propondo duas tarefas de geração de história: narração baseada em figuras temáticas (seriadas e únicas) e narração espontânea. As produções foram transcritas e quantificadas de acordo com três níveis de análise: microestrutural (organização superficial da narrativa), macroestrutural (organização lógica da narrativa) e pragmática (relacionada à situação comunicativa). A avaliação cognitiva mostrou diferença significativa entre os grupos nos testes de atenção, funções visuo-espaciais, memória, linguagem, juízo e raciocínio abstrato, funções executivas e nível intelectual global. Na avaliação discursiva, a diferença significativa entre os grupos apareceu nos três níveis de análise realizados. A habilidade discursiva correlacionou-se significativamente com testes de linguagem, funções visuo-espaciais, memória, funções executivas e nível intelectual. Nossos resultados sugerem um prejuízo narrativo maior na DFT que na DA. Quando comparadas às produções dos sujeitos normais, as narrativas dos sujeitos com DFT estavam prejudicadas nos níveis léxico, semântico, sintático e sobretudo macroestrutural, enquanto que na DA, as dificuldades semânticas e macroestruturais encontradas, pareceram ser secundárias a alterações percepto- visuais e practognósticas. A redução no nível de complexidade estrutural apresentada pelo grupo DFT sugere uma alteração na dimensão cognitiva da narrativa, que colocaria limites à sua expressão lingüística.

Abstract: Narrative discourse inabilities are often found in degenerative dementia, additionally to lexical semantic impairment. However, they are not fully established, especially regarding differences between Alzheimer's disease (AD) and frontotemporal dementia (FTD) since most studies have not systematically examined the discourse production of those patients according to the different levels of analysis. The objective of this research was to investigate the narrative discourse abilities and its neuropsychological correlates in patients with AD and FTD. For that purpose, we studied 47 subjects, divided into four groups: (1) AD group; (2) FTD group; (3) frontal lobe lesion group; and (4) non neurological controls. All subjects were submitted to neuropsychological evaluation (including Strub and Black vigilance test, subtests of the Wechsler Adult Intelligence Scale and the Memory Battery, Verbal Fluency Test, Boston Naming Test, Token Test, Wisconsin Card Sorting Test, Stroop Test, Hooper Organization Visual Test, and Word List Test) and evaluation of narrative discourse, consisting of two tasks for story generation: narration based on thematic figures (sequential and single), and spontaneous narration. Productions were transcribed and quantified according to three categories of analysis: microstrucrural (surface narrative organization), macrostructural (logical narrative organization) and pragmatic (related to communicative situation). The cognitive evaluation showed a significant difference between the groups in the tests of attention, visuospatial functions, memory, language, practical judgment and abstract reasoning, executive functions, and overall intellectual level. In the discourse evaluation, the significant difference between the groups appeared at the three levels of analysis conducted. Narrative ability correlated significantly with tests of language, visuospatial functions, memory, executive functions, and intellectual level. Our results suggest greater narrative impairment in FTD than in AD. When compared to productions by normal subjects, narrative by FTD subjects was impaired at the lexical, semantic, syntactic levels, and above all at the macrostructural, whereas in AD, the semantic and macrostructural difficulties found seemed secondary to visuo-perceptual and practognostic alterations. Reduction in the level of structural complexity shown by FTD group suggests an alteration to the cognitive dimension of narrative, which would impose limits on their linguistic expression.
Subject: Alzheimer, Doença de
Cognição
Linguagem
Neuropsicologia
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: SAMARA, Adriana Bastos. O discurso narrativo na doença de Alzheimer e na demencia fronto-temporal. 2005. 123p. Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Ciencias Medicas, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/308460>. Acesso em: 4 ago. 2018.
Date Issue: 2005
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Samara_AdrianaBastos_D.pdf19.36 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.