Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/308354
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Características do sono, distúrbios do sono, qualidade de vida em adolescentes obesos
Title Alternative: Characteristics of the sleep, sleep disorders and the quality of life in obese adolescents
Author: Turco, Giovina Fosco, 1958-
Advisor: Barros Filho, Antonio de Azevedo, 1947-
Abstract: Resumo: Introdução: O modo de vida imperativo na sociedade moderna, caracterizado particularmente pelo consumismo, impõe padrões de comportamento danosos, hábitos e crenças que, uma vez consagrados, depreciam a qualidade de vida, o bem estar e a saúde. Os distúrbios do sono (DS) assim como a alta prevalência da obesidade nos adolescentes estão associados diretamente nos problemas de saúde, sociais e psicossociais desta população. Objetivo: (1) Revisão bibliográfica dos artigos a cerca dos principais aspectos relacionados aos distúrbios do sono, à obesidade e à qualidade de vida na infância e adolescência. (2) Avaliar a qualidade de vida e a qualidade do sono em adolescentes obesos e eutróficos entre 10 e 14 anos. Método: Foi realizado estudo transversal, entre agosto/2009 e agosto/2010 com adolescentes acompanhados no Ambulatório de Obesidade na Infância e na Adolescência do H/C UNICAMP, Campinas/São Paulo. O grupo-controle foi constituído por estudantes de uma escola pública da cidade de Americana/ São Paulo, classificados como eutróficos. Foram utilizadas Ficha de Identificação dos Sujeitos e classificação socioeconômica, bem como Questionário sobre o Comportamento do Sono (SBQ), Questionário genérico sobre Qualidade de vida pediátrica (PedsQLTM 4.0 Generic Core Scales), ambos nas versões específicas para adolescentes. Para a análise estatística foi utilizado Teste Não-Paramétrico de Mann-Whitney e adotada a significância de 5%. Os dados foram analisados no programa SPSS for Windows versão 16.0. Resultados: Os estudos encontrados se relacionam à descrição do sono, obesidade e às interferências que causam no indivíduo, impactando a QV. Os adolescentes obesos apresentaram qualidade de vida inferior em três dos quatro domínios avaliados: físico (p<0, 001), emocional (p=0,03) e social (p=0, 002), não havendo diferenças em questões escolares (p=0,40). Na média geral dos itens avaliados, a qualidade de vida dos adolescentes obesos mostrou-se inferior aos eutróficos, sendo as pontuações 68,8(±15,2) e 78,4(±14,5) respectivamente (p<0, 001). No total geral da média psicossocial, também houve diferença significativa entre os grupos (p=0, 009), os obesos obtiveram pontuação média de 68,5 (±16,0) enquanto os eutróficos 76,2 (±16,7). O grupo obeso apresentou maior número de problemas do sono e, conseqüentemente, pior qualidade do sono (p=0,03). Conclusão. Os DS devem ser diagnosticados e tratados precocemente, a fim de minimizar os impactos sobre o crescimento e o desenvolvimento desta população. Adolescentes obesos apresentaram prejuízo na qualidade de vida e mais problemas de sono quando comparados aos eutróficos

Abstract: Introduction: The imperative lifestyle in modern society characterized by consumerism imposes harmful behavioral patterns, habits and beliefs that once settle, affect the quality of life, well-being and health. The sleep distorders (DS) and the high prevalence of obesity in adolescents are directly associated with health, social, and psychosocial problems. Objective: (1) Review articles in the literature about the main aspects of sleep disorders, obesity, and the quality of life in childhood and adolescence. (2) Assess the quality of life and sleep, in obese and eutrophic adolescents ages 10 to 14. Method: A transversal study conducted between August /2009-2010 with adolescents attending the Childhood and Adolescence Obesity ambulatory at the H/C, UNICAMP, Campinas, São Paulo. The control group was composed of students from the city of Americana/São Paulo, classified as eutrophic. An identification card, socioeconomic classification, a questionnaire about sleep behaviors (SBQ), and a questionnaire about pediatric quality of life (PedsQLTM 4.0 Generic Core Scales) specific for teenagers were used. The statistical analysis used the non-parametric Mann-Whitney test and adopted the significance of 5%. The data were analyzed in the program SPSS for Windows, version 16.0. Results: The identified studies described aspects of sleeping habits and sleep disorders, obesity, and their interference affecting the individuals' QL. The identified studies described aspects of sleeping habits and sleep disorders, obesity, and their interference affecting the individuals'QL. The obese adolescents presented lower quality of life in three of the four areas assessed: physical (p < 0.001), emotional (p = 0.03), and social (p = 0.002), with no differences related to school performance (p = 0.40). The general averages of the evaluated aspects showed that the quality of life of the obese was inferior compared to the eutrophic, with scores of 68.8 (± 15.2) and 78.4 (± 14.5), respectively (p < 0.001). In the total psychosocial averages, a significant difference between groups was also observed (p = 0.009), with average scores of 68.5 (± 16.0) for the obese and 76.2 (± 16.7) for the eutrophic group. The obese group presented greater number of sleep problems and consequently worse sleep quality (p = 0.03). Conclusion. The SD should be diagnosed and treated early, in order to minimize the impact on the growth and development of this population. Obese adolescents presented lower quality of life and more sleeping problems when compared to the eutrophic ones
Subject: Sono
Síndrome das apneias do sono
Adolescentes
Obesidade
Qualidade de vida
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2011
Appears in Collections:FCM - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Turco_GiovinaFosco_M.pdf1.52 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.