Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/306210
Type: TESE
Title: Avaliação da experiencia de implantação e funcionamento da licenciatura curta em ciencias na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN)
Author: Paiva, Amilde Praxedes Marques
Advisor: Balzan, Newton Cesar, 1932-
Abstract: Resumo: O presente estudo visa avaliar a experiência de implantação e funcionamento da Licenciatura Curta em Ciências na UFRN, nos aspectos: a) da seleção de alunos para o Curso; b) da adequação do Currículo dessa Licenciatura às solicitações atuais do ensino de Ciências e às necessidades do en­sino da mesma área, no Estado em questão; c) da adequação dessa Licenciatura às exigências legais para a implantação da mesma no Brasil; d) do atingimento de seus objetivos (se claramente definidos); e) das mudanças ocorridas no decorrer dos três primeiros anos de seu funcionamento na UFRN; f) do grau de aceitação do Curso por parte dos professores; g) das causas da não aceitação do Curso por parte dos alunos; h) das estratégias adotadas pela UFRN para alcançar os objetivos do Curso; i) das estratégias, métodos e técnicas de ensino utilizados pelos professores do Curso; j} da existência de recursos materiais e humanos na UFRN, necessários para a realização dessa Licenciatura. Entendendo-se com Daniel Stufflebeam, que a avaliação é "o processo de delinear, obter, e proporcionar informações úteis para a tomada de decisões alternativas", a avaliação, em apreço, visa oferecer informações úteis a quem compete o poder de decisão relativo: a) ao planejamento (do Curso), para redefinição dos objetivos (se for o caso); b) à estruturação, para provisão dos meios necessários ao atingimento desses objetivos; c) à reciclagem, para julgamento e reação ao atingimento dos objetivos; e, d) à implementação, para utilização, controle e melhoria dos procedimentos adotados no Curso. Alem do modelo CIPP (Context, Input, Process and Product) de Stufflebeam, que serviu à esquematização do desenvolvimento deste trabalho, encontrou-se nos reclamos atuais do ensino de Ciências, expressos na literatura especializada; e, nos pressupostos legais que norteam o sistema educacional brasileiro e regulamentam a formação de professores para o exercício do magistério na área de Ciências do Grau, a fundamentação teórica do presente estudo. O universo pesquisado foi composto de 79 ex-alunos do Curso de Licenciatura Curta em Ciências da UFRN; 91 professores do sistema escolar natalense, em exercício nas escolas das Redes de ensino, Estadual, Municipal e Particular , na área de Ciências do 1º Grau; e, 38 professores da UFRN (docentes e administradores acadêmicos) envolvidos na formação de professores de Ciências. As informações foram coletadas através da aplicação de questionários aos professores e alunos e da realização de entrevistas, principalmente aos administradores acadêmicos da UFRN. De um modo geral, os alunos e professores concordam com a existência da Licenciatura em Ciências na modalidade de Curta duração, ao contrário do que se acreditava. Através das avaliações de contexto, input, processo e produto realizadas, verificou-se que os principais problemas que vinham prejudicando o funcionamento desse curso na UFRN, são: a falta de integração entre os professores, a deficiência da interação entre os docentes e os discentes; a desvalorização do Curso, a inadequação do mesmo às exigências legais, às necessidades atuais do ensino de Ciência e às necessidades do sistema escolar natalense. Por estas e outras razões, o Curso apresentava baixo rendimento, demonstrado pelos índices elevados de reprovações e evasão. Assim sendo a Licenciatura Curta em Ciências não atingia as suas finalidades

Abstract: Not informed
Subject: Universidade Federal de Rio Grande do Norte
Ciência - Faculdades, escolas, etc
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1980
Appears in Collections:IMECC - Dissertação e Tese

Files in This Item:
File SizeFormat 
Paiva_AmildePraxedesMarques_M.pdf6.6 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.