Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/305061
Type: TESE DIGITAL
Degree Level: Doutorado
Title: Camponeses da bacia do rio Tejo : economia, política e afeto na Amazônia
Title Alternative: Peasants of the Tejo river basin : economy, politics and affection in the Amazon
Author: Rezende, Roberto Sanches, 1984-
Advisor: Almeida, Mauro William Barbosa de, 1950-
Abstract: Resumo: O trabalho é uma etnografia de práticas econômicas de camponeses da bacia do rio Tejo, sudoeste do estado do Acre, na Amazônia brasileira. O foco principal são as relações de troca, em especial as caracterizadas localmente como relações de "ajuda". Analisando a aplicação do uso do termo "ajuda" para tipos de trocas aparentemente diferentes, exploro o significado da "ajuda" enquanto um tipo de reciprocidade particular. Sugiro que relações de ajuda não são altruístas ou desinteressadas e que também não se limitam ao interior das comunidades do rio Tejo, podendo abarcar relações com políticos e comerciantes. Assim, proponho um modelo explicativo para as relações de troca que busca compreender relações com diferentes atores, mas a partir de valores comuns e associados a comportamentos esperados entre parceiros de troca. Também exploro o componente afetivo presente nesse modelo econômico, que faz com que as trocas entre pessoas sejam também atos de produção de pessoas através de seus impactos na consideração e no parentesco. A elaboração de tal modelo se assenta em dados oriundos de pesquisa de campo e em fontes bibliográficas sobre a região do Alto Juruá, bem como em diálogos com obras da Antropologia Econômica

Abstract: The present thesis is an ethnography of economic practices of a peasant group of the Tejo River Basin, Brazilian Amazon. It focus on exchange relations, in particular those called "ajuda" (help). Peasants define a range of relations as "ajuda" and the term points to relations based on reciprocity. I suggest that "ajuda" relations are not altruistic or unselfish and also that they are not limited to local communities. One can also establish "ajuda" relations with traders and politicians. Thus, based on local practices and views, I propose a model of relations to explain exchange. The model intends to explain relations between different actors as based on the same values. These values are close related to expected behaviours between exchange partners. I also point to affective features of the model, making exchange between partners also acts of production of people. "Consideração" (consideration, or esteem) and kinship play a part on this affective and economic model. The thesis is based on fieldwork data and on literature review, mainly those works about the Upper Juruá region and those in dialogue with Economic Anthropology
Subject: Camponeses - Amazônia
Antropologia econômica
Acre - Aspectos sociais
Editor: [s.n.]
Citation: REZENDE, Roberto Sanches. Camponeses da bacia do rio Tejo: economia, política e afeto na Amazônia. 2016. 1 recurso online (265 p.). Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/305061>. Acesso em: 30 ago. 2018.
Date Issue: 2016
Appears in Collections:IFCH - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Rezende_RobertoSanches_D.pdf12.99 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.