Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/304996
Type: TESE DIGITAL
Degree Level: Doutorado
Title: O liberalismo em Anísio Teixeira : os fundamentos para uma educação pública
Title Alternative: Liberalism in Anísio Teixeira : the foundations for a public education
Author: Santos, Wilson da Silva, 1976-
Advisor: Lombardi, José Claudinei, 1953-
Abstract: Resumo: Esta tese, desenvolvida no Grupo de Estudos e Pesquisas História, Sociedade e Educação no Brasil - HISTEDBR, analisa os conceitos fundamentais nos escritos de Anísio Teixeira abalizados na apropriação e assimilação da teoria liberal e pragmatista americana de John Dewey. Consideramos os conceitos de "ciência", "conhecimento", "sociedade", "instituição", "indivíduo", "igualdade", "meritocracia", "autonomia", "integração social" e "desenvolvimento" como emblemáticos sobre essa convergência entre os dois pensadores e que norteiam as principais proposições educacionais de Anísio Teixeira. O problema levantado nesta pesquisa é o seguinte: como os postulados de John Dewey, em sua concepção filosófica, bem como política, influenciaram Anísio Teixeira, e como o educador baiano transformou estas concepções, filosófico-científica e política, em alicerce crucial para estruturar uma metodologia e com ela pensar, num ponto de vista científico e reformista liberal, as políticas educacionais no Brasil? Em que medida, portanto, a educação formulada por Anísio Teixeira - institucionalizada e "cientificizada" - tornou-se um fenômeno fundamentado em uma teoria circunscrita ao arcabouço do pensamento filosófico-científico e político deweyano? Tentamos evidenciar que tanto os valores quanto os objetivos, que Anísio Teixeira pontuou em sua obra, foram oriundos de uma sistematização de problemas educacionais vivenciados na sociedade brasileira, assim como na sociedade americana. Para construção da análise do problema levantado nesta pesquisa, algumas proposições hipotéticas foram formuladas para chegar a sua verificação: 1 - Anísio Teixeira se aproximou e se filiou à filosofia da educação, primeiramente, através dos estudos com Dewey e com suas pesquisas sobre os aspectos americanos de educação. 2 - A aceitação do pragmatismo e do liberalismo de Dewey foi uma maneira de Anísio Teixeira construir uma metodologia e pensar, por conseguinte, os problemas educacionais brasileiros. 3 - Anísio Teixeira foi imbuído pela experiência educacional norte-americana e pelo pensamento filosófico do pragmatismo deweyano para estabelecer, enquanto sujeito de ação, uma administração reformista e contrastante ao fisiologismo brasileiro. 4 - O desenvolvimento teórico de Anísio Teixeira sobre educação está fundado em dois eixos: a) a educação como consequência dos conceitos de sociedade, escola (instituição) e indivíduo; b) a ciência experimental como mola propulsora para a filosofia da educação e para a educação institucionalizada. A pesquisa fundamenta-se em autores como Marx, Gramsci, Horkheimer, Poulantzas, Rawls, Savage, Vita, entre outros, que oferecem uma proposição de análise sobre Estado liberal, ciência, desenvolvimento e educação. Isso porque, pelos estudos propostos, faz-se necessário desenvolver um campo de reflexão em que alguns teóricos de tendências diferentes se encontrem, pois o diálogo entre eles pode contribuir na feitura da crítica do objeto de investigação sem cair no ecletismo. O estudo sustenta-se em fontes escritas. Devido à extensão de sua produção e à diversidade de questões e temas tratados por Anísio Teixeira, foi preciso delimitar questões científicas, políticas e educacionais em artigos, cartas, boletins, minutas de documento e palestras publicados do período compreendido entre 1927 e 1972. Este material produzido pelo pensador baiano encontra-se na Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos e nos boletins informativos da CAPES, disponíveis no CPDOC, da Fundação Getúlio Vargas - FGV, no Rio de Janeiro.

Abstract: This thesis, developed in the Group of Studies and Research History, Society and Education in Brazil - HISTEDBR, analyzes the fundamental concepts in the writings by Anísio Teixeira based on the appropriation and assimilation of John Dewey¿s liberal pragmatist American theory. We consider the concepts of "science", "knowledge", "society", "institution", "individual", "equality", "meritocracy", "autonomy", "social integration" and "development" as emblematic of this convergence between the two thinkers and that guide the leading educational propositions by Anísio Teixeira. The raised problem in this research is the following: how John Dewey's postulates, in his philosophical conception as well as politics, influenced Anísio Teixeira, and how the Bahia's educator changed these philosophical-scientific and political conceptions, in crucial foundation for structuring a methodology and with it to think in a scientific and liberal point of view the educational policies in Brazil? To what extent, therefore, the education formulated by Anísio Teixeira - institutionalized and "cientifizied" - has become a phenomenon based on a theory confined to the framework of Dewey¿s philosophical and political thought? We tried to show that both the values and the goals that Anísio Teixeira pointed out in his work have come from a systematization of educational problems experienced in Brazilian society as well as in American society. In order to construct the analysis of the problem raised in this research, some hypothetical propositions were formulated to get to their verification: 1 - Anísio Teixeira approached and joined education philosophy primarily through the studies with Dewey and his research on the American aspects of education. 2 - Acceptance of Dewey's pragmatism and liberalism was a way for Anísio Teixeira to build a methodology and, therefore, Brazilian educational problems. 3 - Anísio Teixeira was imbued by the American educational experience and by the philosophical thought of Dewey's pragmatism in order to establish, as a subject of action, a reformist and contrasting administration to the Brazilian patronage. 4 - The theoretical development by Anísio Teixeira on education is based on two axes: a) education as a result of society concepts, school (institution) and the individual; b) experimental science as a springboard to education philosophy and to the institutionalized education. The research is based on authors such as Marx, Gramsci, Horkheimer, Poulantzas, Rawls, Savage, Vita, among others, who offer a proposition of analysis on Liberal State, science, development and education. This is because by the proposed studies, it is necessary to develop a reflection field in which some theorists of different trends may meet each other, because the dialogue between them can contribute to the criticism of the research object without falling into eclecticism. The study is based on written sources. Because of the extent of its production and the diversity of issues and subjects covered by Anísio Teixeira, it was necessary to define scientific, political and educational issues in letters, newsletters, document drafts and lectures published in the period between 1927 and 1972. This material produced by Bahia's thinker is found in the Brazilian Journal of Pedagogical Studies and informative newsletters by CAPES available in CPDOC, from Getúlio Vargas - FGV, in Rio de Janeiro
Subject: Teixeira, Anisio, 1900-1971
Dewey, John, 1859-1952
Ciência
Educação
Liberalismo
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2016
Appears in Collections:FE - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Santos_WilsondaSilva_D.pdf1.66 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.