Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/290878
Type: TESE
Degree Level: Mestrado
Title: Reprodutibilidade e acurácia do exame diagnóstico para câncer bucal entre cirurgiões dentista da rede pública de saúde
Title Alternative: Reproducibility and accuracy of diagnostic test for oral cancer among dentists in the public health
Author: Alves, José Carlos, 1968-
Advisor: Mialhe, Fabio Luiz, 1972-
Abstract: Resumo: O câncer bucal é um problema de saúde pública e foi responsável por 13% das mortes no mundo, no ano de 2005. O rastreamento é um método que pode ser aplicado para detectar os indivíduos mais vulneráveis à doença, identificar lesões com e sem suspeita de malignidade oferecer assistência precoce e assim reduzir os danos. Os objetivos deste estudo foram analisar a reprodutibilidade e a acurácia diagnóstica nos exames de rastreamento para detecção de câncer bucal realizado por Cirurgiões Dentistas (CDs) na população de 40 anos de idade e mais, cadastrada no programa saúde da família, implantado em 18 Unidades Básicas de Saúde da Secretaria Municipal da Saúde de São Paulo, sob contrato de gestão da Casa de Saúde Santa Marcelina. Para análise da reprodutibilidade, dados primários, relativos à calibração realizada através das metodologias in lux (30 imagens) e in vivo (560 indivíduos), com 39 CDs, foram coletados de outubro a novembro de 2009. Para a análise da acurácia, dados secundários, relativos ao rastreamento realizado de novembro de 2009 a dezembro de 2010, pelos mesmos profissionais, em 653 indivíduos foram obtidos. Durante a calibração e o rastreamento os indivíduos foram classificados em uma das 3 categorias: (0) tecidos moles aparentemente saudáveis, (1) alterações em tecidos moles sem potencial de malignidade e (2) alterações em tecidos moles com potencial de malignidade. Na calibração pela metodologia in lux, o valor de Kappa interexaminador foi de 0,67, sensibilidade de 93,72%, especificidade de 77,56%, e a acurácia foi de 87,43%. Na calibração in vivo o valor do Kappa interexaminador foi de 0,45, sensibilidade foi de 52,14%, especificidade foi de 90,44% e acurácia foi de 81,78%. No rastreamento os CDs identificaram 336 lesões sendo que o semiologista confirmou 288 casos, sendo 276 sem suspeita de malignidade e 12 com suspeita de malignidade. Dos 12 casos suspeito o exame histológico confirmou 7 casos de câncer bucal. Conclui-se que a reprodutibilidade e a acurácia do teste diagnóstico pode ser avaliada através das metodologias de calibração in lux e in vivo que verificou uma reprodutibilidade boa e regular respectivamente. O rastreamento realizado mostrou uma alta capacidade do CD clínico em diagnosticar lesões na cavidade bucal, porém não se mostrou eficaz na identificação de câncer bucal

Abstract: The oral cancer is a public health problem and was responsible for 13% of deaths worldwide in 2005. The application of screening techniques for identifying malignant lesions and malignant potential is a method that can be applied in order to detect individuals more vulnerable to disease, provide assistance early and thus reduce the damage. The objectives of this study were to analyze the reproducibility and diagnostic accuracy in screening tests for detection of oral cancer by dentists (CDs) in the population 40 years of age or older, enrolled in the family health program, implemented in 18 Basic Units Health of the Municipal Health Secretariat of São Paulo, under the management contract of the Casa de Saúde Santa Marcelina. For reproducibility analysis, primary data relating to the calibration performed using the methodologies in lux (30 images) and in vivo (560 patients), with 39 CDs, were collected. For the analysis of accuracy, secondary data relating to the screening performed by the same professionals in 653 patients were obtained. During calibration and tracking, the subjects were included in one of three categories: (0) soft tissue apparently healthy (1) changes in soft tissues without malignant potential and (2) changes in soft tissue with malignant potential. In the calibration method in lux, the value of inter Kappa was 0.67, sensitivity 93.72%, specificity of 77.56%, the positive and negative predictive value of 86.54 and 87.90 respectively and accuracy of 87.43%. In vivo calibration the value of inter Kappa was 0.45. In the case of tracking the CDs, the semiology confirmed that 276 (95.83%) had no oral lesions and 12 malignant lesions with suspicion of malignancy, and of these seven cases were confirmed as oral cancer. We conclude that the reproducibility of the diagnostic test can be assessed by in vivo calibration methodology found that a regular reproducibility (inter-examiner kappa of 0.45). The screening performed revealed a high-capacity CD clinician in diagnosing lesions in the oral cavity
Subject: Saúde pública
Neoplasias bucais
Sensibilidade
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: ALVES, José Carlos. Reprodutibilidade e acurácia do exame diagnóstico para câncer bucal entre cirurgiões dentista da rede pública de saúde. 2011. 72 f. Dissertação (mestrado profissional) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Odontologia de Piracicaba., Piracicaba, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/290878>. Acesso em: 18 ago. 2018.
Date Issue: 2011
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Alves_JoseCarlos_M.pdf1.37 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.