Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/290840
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Avaliação da tecnica da proteina derivada da matriz do esmalte e da regeneração tecidual guiada em defeitos osseos do tipo deiscencia na presença da nicotina : histometria em cães
Author: Pimentel, Suzana Peres
Advisor: Sallum, Enilson Antonio, 1968-
Abstract: Resumo: Objetivo ¿ O propósito deste trabalho foi avaliar, histometricamente, o processo de cura de defeitos periodontais do tipo deiscência, criados cirurgicamente em cães e tratados pela técnica de regeneração tecidual guiada (RTG) com o uso de membranas reabsorvíveis (copolímero de ácido polilático e poliglicólico) e proteínas derivadas da matriz do esmalte (PME) em animais que receberam nicotina de forma subcutânea. Material e Métodos - Defeitos do tipo deiscência (4 X 6 mm) foram criados sobre as raízes mesiais dos 3os e 4os pré-molares mandibulares, bilateralmente. Durante três meses os defeitos foram cronificados com tiras metálicas permaneceram adaptadas aos defeitos promovendo acúmulo de placa. Após este período, os defeitos foram aleatoriamente designados a receber um dos tratamentos cirúrgicos: 1) raspagem e alisamento radicular (CO); 2) regeneração tecidual guiada com membranas reabsorvíveis (RTG) e 3) proteínas derivadas da matriz do esmalte (PME). Durante quatro meses após os tratamentos os animais receberam nicotina subcutânea (2mg/kg duas vezes ao dia com intervalo de 12 horas entre as aplicações). Após este período, os cães foram sacrificados e os espécimes processados histológicamente para a análise histométrica, que incluiu os seguintes parâmetros: extensão do defeito, extensão do epitélio, extensão da adaptação conjuntiva, extensão do novo cemento, extensão de novo osso e recessão gengival. Resultados ¿ Observou-se uma maior extensão linear de novo cemento, estatisticamente significante (p<0,05), nos sítios tratados com PME (5,32 mm) quando comparados ao grupo CO (3,60mm), entre os grupos PME e RTG (4,05mm) não houve diferença estatística. Todos os outros parâmetros não tiveram diferenças estatísticas. A extensão de epitélio foi de 1,71+0,61mm para no grupo CO; 1,23+0,99mm para o grupo RTG e 0,63+ 0,35mm para o grupo PME. Quanto à adaptação conjuntiva o grupo CO apresentou uma extensão de 0,15+0,22mm; o grupo RTG 0,15 +0,21mm e o grupo PME 0,36+ 0,27mm. A formação de novo osso foi de 1,55 +0,93mm no grupo controle; 1,56+ 0,96mm no grupo RTG e de 2,52 +1,34mm no grupo PME. A recessão gengival foi de 0,36+ 0,48mm no grupo CO; 0,25+0,35mm no grupo RTG e de 0,02+ 0,07mm no grupo PME. Conclusão - Dentro dos limites deste estudo, conclui-se que mesmo na presença da nicotina houve reparo em todos os grupos e a utilização da proteína derivada da matriz do esmalte foi o procedimento regenerativo mais efetivo para se obter maior formação cementária quando comparado com o controle

Abstract: Objectives: The goal of this investigation was to evaluate, histologically and histometrically, the healing process of dehiscence-type defects treated by enamel matrix derivative (EMD) or guided tissue regeneration (GTR) in dogs that received nicotine. Methods: Eight mongrel dogs were used. Buccal osseous dehiscences were surgically created on the mesial roots of the mandibular third and fourth premolars. The defects were exposed to plaque accumulation for 3 months. After this period, the defects were randomly assigned to one of the treatments: open flap debridement (OFD), enamel matrix derivative (EMD) and guided tissue regeneration with resorbable membrane (GTR). During 4 months afther the treatments the dogs received subcutaneous administration of nicotine (2mg/kg twice a day with a twelve-hour interval between the applications). After this period, the animals were sacrificed and the blocks were processed. The histometric parameters evaluated included: gingival recession, epithelial length, connective tissue adaptation, new cementum and new bone. Results: A superior length of new cementum statistically significant was observed in the sites treated by EMD (5.32mm) in comparison with OFD (3.60mm) (P<0.05) There was no statistically difference in the EMD group compared with GTR (4.05mm). All others parameters was not statistically significant. The extension of the epithelium was 1.71+0.61mm for the CO group, 1.23+0.99mm for the GTR group and 0.63+0.35mm for the EMD. Regarding the conective tissue adaptation was 0.15+0.22mm in the CO group, 0.15+0.21mm for GTR and 0.36+0.27mm for EMD. The new bone formation was 1.55+0.93mm for CO, 1.56+0.96mm for GTR and 2.52+1.34mm for EMD group. Gingival recession was 0.36+0.48mm for CO group, 0.25+0.35mm in GTR and 0.02+0.07mm in the PME. Conclusions: Within the limits of this study, it can be concluded that healing was uneventful in all the treatments and EMD alone seems to be the most effective way to promote new cementum formation in the presence of nicotine compared to control
Subject: Regeneração (Biologia)
Nicotina
Ossos - Defeitos
Periodontia
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: PIMENTEL, Suzana Peres. Avaliação da tecnica da proteina derivada da matriz do esmalte e da regeneração tecidual guiada em defeitos osseos do tipo deiscencia na presença da nicotina: histometria em cães. 2004. 71f. Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Odontologia de Piracicaba, Piracicaba, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/290840>. Acesso em: 4 ago. 2018.
Date Issue: 2004
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Pimentel_SuzanaPeres_D.pdf745.67 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.