Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/290833
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Avaliação histologica e histometrica do uso de membramas não reabsorviveis e reabsorviveis em defeitos periodontais cirurgicamente criados em cães
Title Alternative: Histologic and histometric evaluation of non-resorbable and resorbable barriers in periodontal defects cirurgically created in dogs
Author: Pereira, Sergio Luis da Silva
Advisor: Sallum, Enilson Antonio, 1968-
Abstract: Resumo: O objetivo deste trabalho foi comparar, histológica e histometricamente, o processo de cura de defeitos tipo deiscência tratados pela técnica de regeneração tecidual guiada (RTG) com membranas reabsorvíveis de ácido poliláctico e não reabsorvíveis de politetrafluoroetileno expandido (PTFE-e). Seis cães adultos fêmeas de raça indefinida foram utilizados. Defeitos ósseos tipo deiscência foram criados cirurgicamente nas raízes distais dos terceiros e quartos pré molares mandibulares de ambos os lados e expostos ao acúmulo de placa por 3 meses. Após este período, os defeitos foram aleatoriamente designados para um dos tratamentos: RTG com membrana reabsorvível de ácido poliláctico (Grupo 1), RTG com membrana não reabsorvível de PTFE-e (Grupo 2), raspagem e alisamento radicular manual com acesso cirúrgico (Grupo 3) e não tratado (Grupo 4). Após 3 meses do segundo procedimento cirúrgico, os cães foram sacrificados e os espécimes processados para permitir análise histológica e histométrica, incluindo. os seguintes parâmetros: extensão linear do epitélio sulcular e juncional, adaptação do tecido conjuntivo, novo cemento, extensão vertical do novo osso e nova área óssea. Uma extensão linear de novo cemento estatisticamente superior (P<0.05) foi observada nos sítios tratados pela RTG, independente do tipo de membrana utilizada, em comparação com o Grupo 3. Não houve diferença estatisticamente significante entre o Grupo 1 e 2 em todos os parâmetros avaliados, exceto em relação à área de novo osso. O grupo 1 apresentou uma área de novo osso estatisticamente superior a dos outros grupos (P<0.05). Dentro dos limites deste estudo pôde-se concluir que ambas as membranas foram igualmente efetivas em promover nova formação cementária e que a membrana reabsorvível de ácido poliláctico (não-suturada) providenciou uma maior área óssea em relação à membrana não reabsorvível de PTFE-e

Abstract: The goal of this investigation was to compare histollogically and histometrically the healing process of dehiscence-type defects treated by guided tissue regeneration (GTR) with resorbable polylactic acid membranes and nonresorbable ePTFE membranes. Six mongrel dogs were used. Buccal osseous dehiscences were surgically created on the distal roots of the mandibular third and fourth premolars. The defects were exposed to plaque accumulation for 3 months. After this period, the defects were randomly assigned to one ofthe treatments: GTR with resorbable membrane (GTR1), GTR with nonresorbable membrane (GTR2), open flap debridement (OFD) and non-treated control (NTC). After 3 months of healing, the dogs were sacrificed and the blocks were processed. The histometric parameters evaluated included: length of sulcular and junctional epithelium, connective tissue adaptation, new cementum, new bone (vertical component) and new bone area. A superior length of new cementum was observed in the sites treated by GTR, regardless of the type of barrier used (P<0.05), in comparison with OFD. No statistically significant differences were found between GTRl and GTR2 in all the parameters with the exception ofbone area. GTRl presented a greater bone area (P<0.05) when compared to GTR2, OFD and NTC. Within the limits of this study, it can be concluded that both batriers are equally effective for new cementum formation. The resorbable membrane (non-sutured) may provide a better osseous response than the nonresorbable membrane
Subject: Regeneração (Biologia)
Periodontia
Doenças periodontais - Tratamento
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: PEREIRA, Sergio Luis da Silva. Avaliação histologica e histometrica do uso de membramas não reabsorviveis e reabsorviveis em defeitos periodontais cirurgicamente criados em cães. 1999. 87p. Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Odontologia de Piracicaba, Piracicaba, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/290833>. Acesso em: 26 jul. 2018.
Date Issue: 1999
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Pereira_SergioLuisdaSilva_D.pdf3.26 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.