Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/290343
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Effects of strain-counterstrain technique in masticatory muscles of women with temporomandibular disorder = a randomized double-blind placebo-controlled trial = Efeitos da técnica de strain-counterstrain sobre os músculos mastigatórios em mulheres com disfunção temporomandibular : ensaio clínico randomizado duplo-cego placebo-controlado
Title Alternative: Efeitos da técnica de strain-counterstrain sobre os músculos mastigatórios em mulheres com disfunção temporomandibular : ensaio clínico randomizado duplo-cego placebo-controlado
Author: Stefanelli, Vinícius Cobos, 1985-
Advisor: Rizzatti-Barbosa, Celia Marisa, 1957-
Abstract: Resumo: A técnica de strain-counterstrain (SCS) é uma das mais utilizadas no tratamento osteopático, proporcionando grande alívio dos sintomas desencadeados por pontos gatilhos miofasciais (PGM), porém poucas são as evidências científicas sobre seus efeitos imediatos e ao longo de um tratamento para pacientes sintomáticos. Este estudo objetivou avaliar os efeitos imediatos e tardios da SCS nos músculos mastigatórios de pacientes com disfunção temporomandibular (DTM). Para isso foram selecionadas 21 mulheres (25,52±4,11) diagnosticadas com DTM, as quais foram divididas aleatoriamente em dois grupos: grupo tratado (n=11) que recebeu a SCS para os PGMs dos músculos temporais, masseteres, pterigóideos mediais e digástricos; e grupo placebo (n=10) que recebeu uma técnica sem efeito terapêutico para os PGMs dos mesmos músculos. As voluntárias passaram por quatro sessões de tratamento, uma vez por semana e foram avaliadas antes (Pré), imediatamente após (Pós) a primeira sessão e de 48 a 72 horas após a quarta e última sessão (Final). Como método de avaliação utilizou-se o limiar de dor a pressão (LDP), amplitude de abertura bucal (AAB) e a eletromiografia de superfície (EMGs). O LDP foi coletado nos seguintes pontos: masseter, temporais e pólo lateral da articulação temporomandibular (ATM). A coleta do sinal eletromiográfico foi realizada nos seguintes músculos: masseteres, parte anterior dos temporais e supra-hioideos. Como resultado foi possível observar aumento do LDP entre as fases Pós e Final (p<0,05), e Pré e Final (p<0,05), e aumento da AAB entre as fases Pré e Pós (p<0,05), e Pré e Final (p<0,001) para o grupo tratado. Para o grupo placebo não foram observadas diferenças significativas, assim como para os resultados da EMGs em ambos os grupos

Abstract: Strain-counterstrain (SCS) is one of the most commonly technique used in osteopathic treatment, providing great relief of symptoms unleashed by myofascial trigger points (MTrPs). However there are few scientific evidence about its about its immediate effects and over a treatment for symptomatic patients. This study aimed to evaluate the effects of SCS in masticatory muscles of patients with temporomandibular disorders (TMD). Twenty one TMD women (mean age 25.52 ± 4.11) were randomly divided in two groups: treated group (n = 11) which received the SCS for MTrPs of temporal, masseter, medial pyterigoid and digastric muscles; and placebo group (n = 10) which received a non therapeutic technique for MTrPs of the same muscles. The volunteers underwent four treatment sessions, once a week and were evaluated before (Pre), immediately after the first session (Post), and 48 to 72 hours after the fourth session (Final). Outcomes measurement were pressure pain threshold (PPT), range of mouth opening (RMO) and electromyography (EMG). The LDP was collected at points painful in these types of patients: masseter, temporal, lateral pole temporomandibular joint (TMJ). The collect of the sEMG signal was conducted in the following muscles: masseter, anterior part of the temporal and supra-hyoid. It was observed an increase of PPT between Post and Final (p <0.05) and Pre and Final (p <0.05) phases for most points assessed, an increase of RMO between Pre and Post (p <0.05), and Pre and Final (p <0.001) phases in the treated group. In placebo group no significant differences were observed as well as the results of EMG in both groups
Subject: Osteopatia
Transtornos da articulação temporomandibular
Eletromiografia
Fisioterapia
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: STEFANELLI, Vinícius Cobos. Effects of strain-counterstrain technique in masticatory muscles of women with temporomandibular disorder: a randomized double-blind placebo-controlled trial = Efeitos da técnica de strain-counterstrain sobre os músculos mastigatórios em mulheres com disfunção temporomandibular : ensaio clínico randomizado duplo-cego placebo-controlado. 2013. 34 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Odontologia de Piracicaba, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/290343>. Acesso em: 22 ago. 2018.
Date Issue: 2013
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Stefanelli_ViniciusCobos_M.pdf4.14 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.