Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/290275
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Estudo "in vitro" da infiltração marginal em restaurações de cavidades classe I, com composito e base de cimento de ionomero de vidro
Author: Duarte, Rosangela Marques
Advisor: Stolf, Wolney Luiz, 1937-
Abstract: Resumo: A infiltração marginal em restaurações de cavidades classe I com compósito e base de cimento de ionômero de vidro foi observada neste estudo "in vitro". Cavidades classe I em 21 dentes humanos do grupo dos pré-molares foram preparadas. Os dentes foram divididos em 3 grupos, sendo que as cavidades foram assim tratadas: No grupo A foram forradas com base de cimento de ionômero de vidro e restauradas com resina fluida e compósito. No grupo B foram forradas com base de cimento de ionômero de vidro, submetidas ao condicionamento ácido da base e das paredes de esmalte. em seguida restauradas com resina fluida e compósito, e no grupo C foram forradas com uma base de cimento de ionômero de vidro, as paredes de esmalte foram submetidas ao condicionamento ácido e restauradas com resina fluida e compósito. Após restaurados, os dentes permaneceram por 24 horas à temperatura de 37°C e 100% de umidade relativa do ar. Em seguida foram submetidos a 100 ciclos térmicos com temperatura variando entre 4 e 60°C. O selamento marginal foi medido usando avaliação da penetração do corante. Através de uma lupa est.ereoscópica (Carl Zeiss) os níveis de infiltração margi nal foram documentados e f'otografados. A análise dos resultados revelou que houve diferenças estatisticamente significativas quando se realizou o condicionamanto ácido do esmalte dentário, que demonstrou diminuir ou prevenir a inf'iltração marginal. O condicionamen~o ácido da base de cimento de ionômero de vidro, diferiu estatisticamente de quando não f'oi utilizado este tratamento. O uso de uma base de cimento de ionômero de vidro associado ao condicionamento ácido das paredes de esmalte impadiu a infiltração marginal em restaurações de cavidadas classe I com compósito

Abstract: The microleakage of composite resin/glass ionomer cement class I restorations was evaluated i n this "in vitro" study. A classic I cavity was prepared in 21 human pre-molares. The teeth were divided in three groups and the cavity preparations were treated as follows: in group A were lined up with a glass ionomer cement base and restored with, unfilled resin and composite resin. In group B ware lined up with a glass ionomer cement base, submitted to enamel and base acid base acid etching treatment and restored with unfilled resin and composite resin, and in group C were lined up with a glass ionomer cement base submitted to enamel acid etching treatment and restored with unfilled resin and composite resin. After being restored the teeth ware stored for 24 hs at 37°C and 100% relative air humidity. In the following step they ware submited to 100 thermal cycles in water baths ranging in temperature from 4 to 60ºC. The marginal seal were measured using a dye penetration evaluation. Using a stereoscopic microscope the levels of microleakage Were recorded and photographed . The analysis of the results showed significant statistical difference when enamel acid etching treatmen'l was used, which proved to reduce or prevent miroleakage. The use of a base acid etching treatment differed statisticaly when was not used . The use of a glass ionomer cement base with acid etching the enamel walls prevented microleakage in composite/glass ionomer class I restorations
Subject: Materiais dentários
Restauração (Odontologia)
Cimentos dentários
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1992
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Duarte_RosangelaMarques_M.pdf1.94 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.