Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/290222
Type: TESE
Degree Level: Mestrado
Title: Avaliação de risco à cárie dentária e sua relação com variáveis socioeconômicas e demográficas em adultos e idosos usuários da estratégia da saúde da família, no município de Amparo-SP = estudo longitudinal
Title Alternative: Risk assessment to dental caries and its relation to socioeconomic and demographic variables in adults and elderly users of family health strategy, in the municipality of Amparo - SP : logitudinal study
Author: Coimbra, Marcelo Bacci, 1961-
Advisor: Pereira, Antonio Carlos, 1967-
Abstract: Resumo: O presente estudo objetivou avaliar a prevalência e severidade da cárie dentária e a relação do risco e CPOD com variáveis socioeconômicas, hábitos de higiene e acesso aos serviços de saúde em usuários das Unidades de Saúde da Família no município de Amparo, SP. O estudo estruturou-se a partir de 109 usuários, nascidos até o ano de 1989, que tiveram o último tratamento odontológico completado no ano de 2003 e posterior avaliação em 2010. Os critérios de risco à cárie dentária utilizados seguiram os propostos pela Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo. Para verificar a associação entre as variáveis dependentes (risco e CPOD) com as variáveis independentes (idade, renda, número de pessoas na família, grau de instrução, habitação, posse de automóvel, hábitos de higiene e acesso aos serviços de saúde) foi utilizada análise bivariada pelo teste de Qui-quadrado, no nível de significância de 5%. Observou-se que houve um aumento significativo no CPOD médio em todos os grupos etários, entre os anos de 2003 e 2010. Dos 109 indivíduos, 49 aumentaram o CPOD e 60 mantiveram o índice, entre os anos de estudo. Em relação ao risco à cárie dentária, dentre os 109 examinados, 49 se mantiveram ou migraram para o risco B, 55 permaneceram no risco E e 5 migraram do risco B para o E, entre os anos de 2003 e 2010. Dos 60 indivíduos classificados como alto risco (E) em 2010, 41 apresentaram redução das necessidades de tratamento e 19 tiveram aumento destas. Observou-se associação estatisticamente significativa entre a variável CPOD e acesso aos serviços de saúde e entre a variável risco à cárie dentária com CPOD, acesso aos serviços de saúde e o motivo da procura. Pode-se concluir que a adoção de instrumentos de avaliação de risco é estratégica na organização do acesso equânime dos usuários e que para garantir a manutenção da saúde bucal dos indivíduos, com ênfase aos mais vulneráveis é fundamental a inclusão de cuidados longitudinais na Política de Saúde Bucal do município

Abstract: This study aimed to evaluate the prevalence and severity of dental caries and the relationship of risk and DMFT with socioeconomic variables, health habits and access to health services on users of the Family Health Units in the city of Amparo, SP. The study was structured from 109 users, born after 1989, who had the last dental treatment completed in 2003 and subsequent evaluation in 2010. Risk criteria for dental caries used were those proposed by the Health Department of São Paulo. To test the association between the dependent variables (risk and DMFT) with the independent variables (age, income, number of family, education, housing, car ownership, hygiene and access to health services) was used bivariate analysis by Chi-square at significance level of 5%. It was observed that there was a significant increase in mean DMFT in all age groups, between the years 2003 and 2010. Of the 109 individuals, 49 and 60 increased the DMFT index remained between the years of study. As for the risk for dental caries, among 109 examined, 49 remained or moved to the risk B, and 55 remained at risk and the risk migrated 5 B to E, between the years 2003 and 2010. Of the 60 individuals classified as high risk (E) in 2010, 41 had reduced the need for treatment and 19 of these had increased. There was a statistically significant association between the DMFT and variable access to health services and between the variable risk to dental caries DMFT, access to health services and the reason for the demand. It can be concluded that the adoption of risk assessment tools is a strategic organization of the equal access of users and to ensure the oral health of individuals, with emphasis on the most vulnerable is essential to include longitudinal care in Health Policy mouth of the municipality
Subject: Atenção primária à saúde
Saúde bucal
Epidemiologia
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2011
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Coimbra_MarceloBacci_M.pdf2.61 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.