Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/290050
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Analise morfologica e imunoistoquimica da resposta pulpar em dentes de ratos submetidos a indução de carie e a diferentes tratamentos restauradores
Title Alternative: Morphologic and immunohistochemistry analyze of the pulp response in rats teeth submitted to caries induction and to restorative treatments different
Author: Silva, Adriana Fernandes da
Advisor: Barros, Silvana Pereira, 1964-
Abstract: Resumo: O objetivo deste estudo foi de investigar aspectos morfológicos e imunoistoquímicos do complexo dentina-polpa durante o processo de reparo diante a uma condição de cárie. Para isso, diferentes materiais restauradores foram empregados em diferentes tempos. Sessenta ratos Wistar machos foram utilizados neste estudo (protocolo aprovado pelo comitê de ética - CEEA/625-2). Em 40 animais foi induzida a lesão de cárie durante sete semanas. Os animais, sob anestesia geral, tiveram seus dentes restaurados. A lesão de cárie foi removida apenas nas paredes circundantes, sendo deixado tecido cariado no assoalho pulpar. O primeiro molar inferior esquerdo foi restaurado com cimento de óxido de zinco e eugenol modificado: OZE (IRM®) ou com sistema adesivo autocondicionate (Clearfil SE Bond®) e Resina Composta (Filtek Supreme®) (Adesivo). Outros 20 animais foram usados como o controle negativo, ou seja, nenhuma cárie induzida (CN). O molar inferior direito foi usado como controle positivo (CP) para a progressão da lesão de cárie divididos nos dois tempos analisados. Após 3 ou 15 dias do tratamento os animais foram mortos, suas mandíbulas removidas e fixadas em paraformaldeido a 10%, desmineralizados com EDTA a 4% por 6-7 semanas e emblocados em parafina (n=10). Os blocos foram seccionados e as amostras coradas por HE e analisadas por imunoistoquímica (IMH). As análises foram feitas sob microscopia de luz por dois examinadores calibrados. A análise histomorfológica foi estabelecida por índices considerando degradação de dentina primária/secundária, inflamação e integridade do tecido pulpar. O método estatístico empregado foi o teste de Mann-Whitney (p=0,05). Para IMH foram usados cinco anticorpos: Anti-Colágeno Tipo I e III (COL I e III), Anti-Fibronectina (FNC), Anti-Osteonectina (OSN) e Fator de Crescimento Transformador 'beta¿-1 (TGF'beta'-1). Quanto à análise morfológica nenhuma diferença entre os materiais avaliados foi observada. Entretanto, foi possível verificar que após 15 dias do tratamento, o grupo CP do Sistema Adesivo apresentou acentuada resposta inflamatória (p<0,05) e degradação de tecido dentinário (p=0,02) maior que o grupo restaurado, sendo que nenhuma diferença foi observada para o grupo OZE em relação ao CP em nenhum dos critérios analisados. Os resultados de IMH demonstraram que todos os grupos com indução da cárie demonstraram maior marcação IMH quando comparados com o CN. Entre os materiais não existiu diferença quanto à intensidade de expressão de COL I e III e OSN, mas existiu diferença entre eles quanto à expressão do FNC aos 15 dias e TGF¿beta¿-1 aos 3 dias pós-tratamento. De acordo com a metodologia empregada foi possível concluir que a restauração adesiva aplicada indiretamente não desencadeou processo inflamatório agudo no tecido pulpar e nem necrose à polpa, mas contribuiu para a ativação do reparo do tecido, já a restauração de OZE não demonstrou efetividade quanto à diminuição de progressão da lesão

Abstract: The aim of this study was to investigate morphological and immunohistochemistry aspects in the dentin-pulp complex during the process of repair. Different restorative materials were used to restore affected dentin areas at different time points. Methods: Sixty male Wistar rats were used (approved by ethics committee -CEEA/625-2). Caries lesions were induced in 40 animals during seven weeks. Caries affected dentin was partially removed and restoration performed with ZOE (GI) or Clearfil SE Bond and Filtek Supreme (GII) in the first left lower molar (LM). The right lower molar was used as positive control (PC). The other 20 animals were used as negative control, no caries induced (NC). After 3 or 15 days of treatment the animals were sacrificed, their jaws removed and fixed (10% paraformaldehyde), desmineralized (4%EDTA for 6-7 weeks) and paraffin embedded (n=10). The blocks were sectioned and the material stained with Hematoxylin-Eosin (HE) and Immunohistochemistry (IMH). Light microscopy analyses were made by two calibrated examiners. For HE method the scores were taken based on following criteria: dentin degradation, tissue inflammation, pulp tissue integrity. Statistical analysis (Mann-Whitney test) were applied to compare treatments. For IMH were used five antibodies: anti-Collagen (I COL), anti-III Collagen (III COL), anti-Fibronectin (FNC), anti-Osteonectin (OSN), and anti-Transforming Grow Factor ß-1 (TGF 'beta¿-1). Results: No statistical significant difference between materials was observed. However, it was possible to verify that 15 days after treatment the GII positive control group presented statistically higher scores of inflammatory response (p<0.05) and degradation of dentine (p=0.02); however, no statistical significant differences were observed for GI in relation to the positive control in none of the analyzed criteria. The IMH results demonstrated that all the groups with induction of caries was more accented the expression than negative control and it there is not different in intensity of expression I COL, III COL and OSN in relation to material used, but there are different between them in relation to the expression of FNC to the 15 days and TGF¿beta¿-1 to the 3 days postreatment. Inside of the limits this study was possible conclude that the IRM restoration did not diminish the progression of the lesion; while Adhesive restoration applied indirectly on pulp not unchains neither acute inflammatory process nor neither necrosis to pulp, but contributed for the activation of the tissue repair
Subject: Cárie dentária
Proteínas
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2007
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Silva_AdrianaFernandesda_D.pdf1.68 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.