Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/289954
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Efeito do tempo pos-prensagem sobre a rugosidade, dureza e porosidade superficial da resina acrilica QC 20, em diferentes ciclos de polimerização
Author: Borges, Luiz Henrique
Advisor: Domitti, Saide Sarckis, 1932-2016
Abstract: Resumo: Este trabalho teve o objetivo de avaliar o efeito do tempo pós-prensagem sobre a rugosidade, dureza superficial e porosidade da resina acrilica QC-20, em diferentes ciclos de polimerização. Para a confecção dos 81 corpos-de-prova foram utilizadas matrizes circulares de silicona de condensação medindo 30 mm de diâmetro e 5 mm de espessura, obtidas através de um molde padrão. As matrizes foram incluídas em muflas metálicas emuflas com reforço de fibra de vidro. A proporção pó/líquido, e a prensagem da resina acrílica foram feitas de acordo com as instruções do fabricante. As muflas foram deixadas em descanso por 30 minutos, 12 e 24 horas antes da polimerização que foi realizada nos ciclos de água aquecida a 74°C por 9 horas, 20 minutos em água em ebulição, e energia de microondas por 3 minutos a 500 W. Após o resfriamento em temperatura ambiente, os corpos-de-prova foram submetidos aos processos de acabamento e polimento em politriz, e submetidos aos testes de rugosidade superficial média, através do rugosímetro Surfcorder SE 1700, dureza superfical em um microdurômetro Shimadzu, e porosidade superficial, através da imersão dos corpos-de-prova em tinta nankin por 8 horas, contados em área determinada. Os resultados obtidos foram submetidos à análise de variânci_ e ao teste de Tukey ao nível de significância de 5%. Concluiu-se que não houve diferenças significativas entre as médias obtidas pelos métodos para as variáveis rugosidade e porosidade. Para a variável dureza superficial, houve diferenças significativas entre o método convencional e os outros dois métodos, mostrando que o método convencional apresentou menor dureza em relação aos demais

Abstract: The purpuse of this study was to investigate the effect of post-pressing step time on the roughness, surface hardness Knoop and porosity of a QC-20 acrylic resin in different polymerization cycles. Specimens were manufactured using 30 mm high and 5 mm thick round condensation silicone matrices, obtained through a standard method. The matrices were placed in metallic and in fiberglass-reinforced mufles. Powderlliquid ratio and acrylic resin pressing were carried as recommended by the manufacturer. Mufles were allowed to rest in the 0011 press for 30 minutes, 12 and 24 hours before being polymerized in heated water, boiling water and microwave energy cycles at 74°C for 9 hours. Afier cooling in room temperature, specimens were fmished and polished with politriz. Afterwords, specimens were submitted to superficial roughness test, using roughness tester Surfcorder SE 1700; to a superficial hardness test in a microdurometer Shimadzu 2000, and apparent porosity in which specimens were immersed in Nankin ink for 8 hours, being sectioned in a determined area later. The results were submitted to variance analysis and Tukey's test 5% significance leveI. 1t was concluded that there were no significant differences between the averages obtained by the methods used for roughness and porosity. For superficial hardness, there were significant differences between the conventional method and the other two used, showing that the conventional method demonstrated less hardness when compared to the others
Subject: Resinas dentárias
Prótese dentária completa
Materiais dentários
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2001
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Borges_LuizHenrique_D.pdf3.69 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.