Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/289872
Type: TESE
Title: Avaliação da relação entre os fatores socioeconômicos e percepção sobre saúde bucal, em prevalência e severidade da cárie e fluorose dentária, da condição periodontal em escolares de doze anos, Manaus-Am
Title Alternative: Evaluation of the relationship between perception and socioeconomic factors on oral health in prevalence and severity of dental caries and fluorosis, periodontal condition in among school children of twelve years, Manaus-AM
Author: Régis-Aranha, Lauramaris de Arruda
Advisor: Meneghim, Marcelo de Castro, 1965-
Abstract: Resumo: O presente trabalho, composto por dois estudos, abrange o tema cárie dentária, condição periodontal e fluorose dentária relacionado com os fatores socioeconômicos e percepção sobre saúde bucal nos escolares de doze anos de idade matriculados nas escolas públicas e privadas de ensino em Manaus - Amazonas. No 1º estudo identificaram-se a prevalência de cárie dental, da condição periodontal e da fluorose dental e a associação com os fatores socioeconômicos em escolares de doze anos de idade matriculados nas escolas públicas e privadas de ensino em Manaus - Amazonas (Capítulo 1). No 2º estudo foi identificada a associação entre percepção dos pais sobre as condições de saúde bucal dos escolares de doze anos de idade matriculados nas escolas públicas e privadas de ensino em Manaus - Amazonas - com a prevalência de cárie dental, condição periodontal e fluorose dental (Capítulo 2). O estudo se deu com uma amostra probabilística representada por 661 escolares de doze anos de idade, sendo 609 provenientes de escolas públicas e 52 de escolas privadas de Manaus - AM, sendo do tipo analítico, transversal e observacional com delineamento por conglomerados. Para a avaliação da cárie dentária utilizou-se o índice CPOD e para a condição periodontal foi realizada o Índice Periodontal Comunitário baseados nos critérios da OMS. O grau de fluorose foi obtido pelo índice T-F. Um questionário contendo perguntas referentes às variáveis socioeconômicas, à percepção da condição de saúde bucal e à necessidade atual de tratamento odontológico em relação aos seus filhos foi encaminhado e respondido pelos pais. A coleta dos dados foi efetuada por uma única examinadora previamente calibrada (KAPPA ?0,82) e 10% do total da amostra foram reexaminadas, para fins de avaliação da reprodutibilidade. Para a realização da análise estatística foi utilizado os testes qui-quadrado e Exato de Fisher, com o nível de significância de 5%. O estudo apresentou um CPOD médio de 1,89 (dp=2,08) e 35,4% das crianças estavam livres de cárie em Manaus. A maior parte das crianças pertencentes à escola pública, residentes da região não central de Manaus (p=0,0337) e os constituintes das classes sociais mais baixas (p=0,0219) (menor renda e menor grau de instrução da mãe), tiveram relação com uma prevalência maior de cárie dentária. Aproximadamente 8% da população apresentou todos os sextantes com saúde periodontal, enquanto 51,7% e 39,5% apresentaram sangramento gengival e cálculo dental como condição periodontal mais grave. A prevalência de fluorose foi de 15,6% em Manaus, 12,4% apresentaram TF1 e 3,2% TF2. Mais da metade dos pais (60,1%) classificou a saúde bucal de seus filhos como boa e ótima, sendo que 5,9% considerou ruim. Os resultados deste estudo demonstraram que Manaus apresenta uma baixa prevalência de fluorose, no entanto mais da metade dos escolares apresentam experiência de cárie e problema periodontal. Os pais ou responsáveis apresentaram uma visão paradoxal quanto à classificação da saúde bucal de seus filhos, pois embora apresentem necessidade de tratamento, o problema não foi percebido

Abstract: The present study, compound by two studies, covers the theme dental caries, periodontal condition and dental fluorosis related with socioeconomic factors and percepction about dental health in school children aged twelve enrolled in public schools and private education in Manaus - Amazonas. The first study were the prevalence of the dental carie, periodontal condition and the dental fluorosis and the association with socioeconomic factors in school children aged twelve enrolled in public schools and private education in Manaus - Amazonas (Chapter 1). The second study identified the association between parents perception on oral health status of school children aged twelve enrolled in public schools and private education in Manaus - Amazonas - with the prevalence dental carie, periodontal condition and dental fluorosis (Chapter 2). The random sample was represented by 661 children from twelve years of age, being 609 from public schools and 52 from private schools, being of type analytical, observational and transversal with cluster design. For the assessment of dental caries used the DMFT index and for the periodontal condition was conducted the community periodontal index based on WHO criteria. The degree of fluorosis index was obtained by T-F. A questionnaire concerning socioeconomic variables, the perception of oral health condition and the need for current dental treatment in relation to their children was taken and answered by parents. The data collection was performed by a single examiner previously calibrated (KAPPA ?0,82) and 10% of the total sample were reviewed for purposes of assessing the reproducibility. To perform the statistical analysis used chi-square and Fisher's exact test, with significance level of 5%. The study showed a mean DMFT of 1,89 (sd=2,08) and 35,4% children were free of dental caries in manaus. The most of the children belonging to public school, not residents of the central region of Manaus (p=0,0219) (lower income and lower education of mother), were associated with a higher prevalence of dental caries. Approximately 8% of population had all sextants with periodontal health, while 51.7% and 39.5% showed gingival bleeding and dental calculus for periodontal condition more severe. The prevalence of fluorosis was 15.6% in Manaus, 12.4% had TF1 and 3,2% TF2. More than half of parents (60,1%) ranked the oral health of their children as good or excellent, being that 5,9% considered bad. The results for this study demonstrated that Manaus has a low prevalence of fluorosis, but more than half the students had experience of dental caries and periodontal problems. The parents or guardians had a paradoxical vision of the classification of the oral health of their children because they present the need for treatment, the problem was not noticed
Subject: Cárie dentária
Epidemiologia
Conhecimentos, atitudes e prática em saúde
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2010
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Regis-Aranha_LauramarisdeArruda_D.pdf1.41 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.