Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/289666
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Resistencia a tração da união entre esmalte-botão e esmalte-bracket ortodonticos colados com resina autopolimerizavel para fracionamento de dentes inclusos
Author: Moraes, Marcio de, 1966-
Advisor: Passeri, Luis Augusto, 1957-
Abstract: Resumo: O tratamento cirúrgico-ortodôntico de dentes inclusos visa levar o elemento dentário para a correta posição na arcada dentária, sem causar danos aos demais elementos dentais adjacentes, estabelecendo a estética e a função. Além de uma adequada técnica ctrúrgica,acorreta colagem do botão ou bracket ortodôntico, para tracionar o dente, é fundamental para se obter sucesso no tratamento. Este trabalho tem como objetivo verificar a eficiência de quatro procedimentos de colagem, avaliados através de um teste de tração in vitro. Aamostragem constitui-se de 132 dentes (pré-molares e caninos), em cujas faces vestibulares realizou-se condicionamento ácido e lavagem da. superfície com água destilada. Em seguida, a colagem do botão ou bracket ortodôntico foi efetuada. com resina composta otopolimerizável ou quimicamente polimerizável, nos seguintes grupos: 1) botão + resina fotopolimerizável (Z-100, 3M); 2) botão + resina quimicamente polimerizável (Concise, 3M); 3) bracket de policarbonato + resina fotopolimerizável (Z-100, 3M); e, 4) bracket de policarbonato + resina quimicamente polimerizável (Concise, 3M). Após 24 horas, em estufa (37°C) e 100% de umidade relativa do ar, cada amostra foi submetida a tal amociclagem (100 ciclos com temperatura variando entre SOC a 60°C) e armazenadas nos períodos de 1, 30 e90 dias. Após estes períodos foi efetuado o teste de tração na máquina de ensaio O Wolpert, a uma velocidade de 6mm/min., até ocorrer descolagem do botão ou bracket. Os resultados obtidos foram submetidos à análise de variância e ao teste de Tukey, de 5% de significância. Através da análise dos resultados pode-se concluir que a colagem do botão ortodôntico independente da resina utilizada, proporcionou maior resistência à tração. No entanto, o grupo que apresentou os piores resultados (colagem de bracket com resina Concise), ainda pode ser adequado para. o tracionamento, tendo em vista a pequena força de tração aplicada clinicamente

Abstract: The aim of this work was to verify in vitro the efficiency of four adhesive button procedures. The vestibular faces of hundred thirth two tooth were acid etched and washed with distilled water. The adhesion of the orthodontic button was made with light activated composite 'resin or cold-cure composite resin, according the groups: 1 ) button + light-cured composite resin (Z-1 00, 3M); 2) button + cold-cure composite resin (Concise, 3M); 3) bracket + light-cured composite resin; 4) bracket + cold-cure comppsite resin. After 24 hours in stove storage at 37°C and 100% of air relative humidity, each specimens was applied thermocycle (100 cycle with temperature ranged of SOC a 60°C) and stored in the period of 1, 30 and 90 days. Before this period was applied the traction testing in the Otto Wolperte, with 6mm/min. crosshead speed. The results showed that the button adhesion with cold-cure composite resin exhibited a significantly highet bond strength in the first two periods (1 and 30 days of stored). Bisides this, bracket showed the major bond strenght when associated with light-curede composit resin in the period of 90 days
Subject: Resinas dentárias
Dentes - Cirurgia
Aparelhos ortodônticos
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 1998
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Moraes_Marciode_D.pdf2.33 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.