Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/289651
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Efeito de fontes de luz LED e condicionamento ácido do esmalte na resistência à microtração, dureza Knoop e formação de fendas de restaurações classe I em compósito utilizando adesivos autocondicionantes
Title Alternative: Effect of the LED curing source and enamel acid etching on the microtensile bond strenght, Knoop hardness and gap formation of class I composite restorations using seflf-etch adhesives
Author: Souza Júnior, Eduardo José Carvalho de, 1985-
Advisor: Paulillo, Luis Alexandre Maffei Sartini, 1962-
Abstract: Resumo: Os objetivos deste estudo foram: a) avaliar o efeito do condicionamento seletivo do esmalte cavosurperficial e da fonte de luz LED na resistência à microtração em dentina de restaurações Classe I em compósito utilizando adesivos autocondicionantes; b) avaliar a dureza Knoop (KHN) de restaurações de cavidades Classe I em compósito utilizando adesivos autocondicionantes fotoativados com diferentes fontes de luz LED; c) Avaliar a formação de fendas antes e após ciclagem termomecânica de restaurações em compósito fotoativadas por LED e utilizando adesivos autocondicionantes em diferentes protocolos de aplicação. No experimento 1, noventa e seis cavidades Classe I foram preparadas em molares humanos, e restauradas com compósito micro-híbrido. Os espécimes foram distribuídos em 12 grupos (n=8), de acordo com a fonte de luz LED (Radii-Cal - RD, Flash Lite 1401 - FL e Ultra-Lume 5 - UL), sistema adesivo autocondicionante (Clearfil SE Bond - CSE e Clearfil S3 Bond - S3) e condicionamento seletivo do esmalte com ácido fosfórico (com e sem). Após o acabamento e polimento das restaurações as mesmas foram submetidas à fadiga termo-mecânica e os palitos para o ensaio de microtração foram obtidos da interface de união entre a parede pulpar dentinária e a restauração. Após o teste mecânico os dados foram submetidos à análise estatística (ANOVA três fatores e teste de Tukey com ?=0.05). O condicionamento seletivo do esmalte para o S3 diminuiu a resistência de união em dentina e não afetou o desempenho do CSE. Além disso, o LED de terceira geração promoveu maiores valores de resistência à microtração para o adesivo de dois passos. Para o S3 as fontes de luz promoveram resistência adesiva semelhante em dentina. No estudo 2, utilizou-se o mesmo método de preparo das amostras do primeiro estudo, formando-se 6 grupos (n=16) pela interação entre os fatores em estudo, LED (RD, FL e UL), sistema adesivo autocondicionante (CSE e S3). As parcelas subdivididas foram diferentes profundidades (superficial, média e profunda). Após a confecção das restaurações, as mesmas também foram submetidas à fadiga termo-mecânica e em seguida, seccionadas no sentido longitudinal para avaliação da KHN nas diferentes profundidades. Após análise estatística (ANOVA dois fatores com parcela subdividida e teste de Tukey com ?=0.05), observou-se que o LED de terceira geração promoveu valores de KHN semelhante aos aparelhos de pico único e que a região superficial, em geral, apresentou melhor qualidade de polimerização. No estudo 3, utilizou-se 192 terceiros molares, onde cavidades Classe I foram preparadas e restauradas com o mesmo método utilizado no primeiro estudo, 12 grupos (n=16) pela interação entre os fatores em estudo, LED (RD, FL e UL), sistema adesivo autocondicionante (CSE e S3) e condicionamento seletivo do esmalte com ácido fosfórico (com e sem), antes e após a termociclagem. Após a restauração, réplicas em resina epóxica foram confeccionadas e as margens foram analisadas em microscópio eletrônico de Varredura (MEV). Após submeter os espécimes da restauração à fadiga termo-mecânica, novamente réplicas em resina epóxica foram feitas e analisadas em MEV. Após análise estatística (Kruskal Wallis e teste de Wilcoxon pareado, ?=0.05), observou-se que o condicionamento seletivo do esmalte promoveu maior integridade marginal para o S3, mostrando ser um passo adicional eficiente na técnica de aplicação desse adesivo em restaurações Classe I em compósito. Além disso, a formação de fendas para adesivo autocondicionante de dois passos não foi influenciado pelo condicionamento ácido prévio do esmalte, nem pelo LED utilizado para fotoativação

Abstract: The aim of this work was to: a) evaluate the effect of enamel selective enamel etching and LED curing units on dentin microtensile bond strength of Class I composite restorations; b) evaluate the effect of different LED light units and self-etch adhesives on the Knoop hardness profile (KHN) of Class I composite restorations; c) evaluate the gap formation before and after thermomechanical loading of Class I composite restorations photocured by LED and using different application protocols of self-etch adhesives systems. In experiment 1, ninety-six Class I cavities were made in human molars and restored with a microhybrid composite. For the restorative procedure, teeth were assigned in 12 groups (n=8) formed by the studied factors interactions, LED curing unit (Radii-Cal - RD, Flash Lite 1401 -FL and Ultra-Lume 5 - UL), self-etch adhesives (Clearfil SE Bond - CSE and Clearfil S3 Bond - S3) and selective enamel acid etching (with and without). After finishing and polishing approach, specimens were submitted to thermo-mechanical ageing and sticks were obtained from the bonding interface between adhesive and pulpal wall which were submitted to a microtensile load in a universal testing machine. After statistical analysis, (three-way ANOVA and Tukey test with ?=0.05) it was shown that the pre-etched enamel approach for Clearfil S3 decreased dentin bond strength while it did not affect the bond performance of Clearfil SE. Thus, the polywave LED promoted higher microtensile bond strength values for the two-step adhesive. When Clearfil S3 was used, the light curing units yielded similar dentin bond strength. In the experiment 2, 96 Class I cavities were prepared in the same way as the previous experiment. Teeth were assigned to 18 groups (n=8) by the interaction among the studied factors, LED curing source (RD, FL and UL), self-etch bond system (CSE and S3), depth (superficial, medium and deep). After the restorative procedure, specimens were submitted to thermo-mechanical ageing and then sectioned in the longitudinal direction for the Knoop hardness measurement in the different depths. Data were submitted to three-way ANOVA and Tukey test with a pre-set alpha of 0.05). The results showed that the third generation LED promoted similar KHN values to the single-peak ones and the superficial surface, in general, presented greater cure quality compared to the others surface depths. In the experiment 3, 192 third molars were used and Class I preparations were restored in the same way as the first study. Specimens were assigned to 12 groups (n=16) formed by the studied factors interaction, LED (RD, FL and UL), self-etch adhesives (CSE and S3), selective enamel acid etching (with and without) and before and after thermomechanical loading. After the restoration procedure, epoxy resin replicas were made and the marginal adaptation was analyzed in a scanning electron microscope (SEM). Then specimes were submitted to thermalmechanical loading and again, epoxy resin replicas were made and analyzed by SEM. After statistical analysis (Kruskal Wallis and Wilcoxon matched-pairs signed-ranks test, with a pre-set alpha of 0.05), it was shown that selective enamel etching yielded higher marginal integrity for S3, showing to be an efficient additional step for the bonding technique of this adhesive in Class I composite restorations. Also, the two-step self-etch adhesive gap formation was not influenced by the selective enamel etching, neither by the LED curing light
Subject: Esmalte dentário
Restauração (Odontologia)
Cura luminosa de adesivos dentários
Dureza
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: SOUZA JÚNIOR, Eduardo José Carvalho de. Efeito de fontes de luz LED e condicionamento ácido do esmalte na resistência à microtração, dureza Knoop e formação de fendas de restaurações classe I em compósito utilizando adesivos autocondicionantes. 2011. 103 p. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Odontologia de Piracicaba, Piracicaba, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/289651>. Acesso em: 17 ago. 2018.
Date Issue: 2011
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
SouzaJunior_EduardoJoseCarvalhode_M.pdf3.44 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.