Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/28959
Type: Artigo de periódico
Title: Determinação de ultratraços de selênio em urina por geração de hidretos e espectrometria de absorção atômica em fluxo
Title Alternative: Ultra trace determination of selenium in urine by flow injection hydride generation atomic absorption spectrometry
Author: Coelho, N. M. M.
Baccan, N.
Abstract: Hydride generation atomic absorption spectrometry using a flow injection system by merging zones has been used successfully to determine selenium at the ultra trace level. The detection limit was 0.3 ng mL-1, corresponding to 30 pg of selenium and sample throughput of 140 samples per hour was obtained. The precision (r.s.d.) for determination of 1.0 ng mL-1 of selenium is 2.0%. Reagent consumption (0.5 mg of NaBH4 per determination) and waste generation is low. The application of the developed methodology to the analysis of urine samples evidenced the presence of 4.0 ng mL-1 of selenium for patients without administration of drugs containing selenium. For patients with administration of drugs containing selenium, the selenium concentration in the analyzed urine samples was 5.0 ng mL-1 until 16.0 ng mL-1 level. Recovery of selenium from two samples ranged from 90.0 to 103.0%. The method was validated by analyzing with the standard reference material SRM 2670 urine (certified value: 30.0±8.0 ng mL-1 and obtained value: 27.0±2.0 ng mL-1).
A determinação de selênio utilizando a geração de hidretos acoplada às técnicas atômicas vêm sendo utilizada com sucesso em amostras de urina. Devido a necessidade de se dispor de um método analítico capaz de determinar pequenas quantidades de selênio; é proposto o sistema de fluxo, por zonas coalescentes, utilizando a técnica de geração de hidretos, seguida da detecção por espectrometria de absorção atômica para a determinação de selênio em amostras de urina. O limite de detecção obtido é 0,3 ng mL-1, correspondendo a 30 pg de selênio e a freqüência analítica de 140 determinações por hora. A precisão (d.p.r.) do método foi de 2,0% para 1,0 ng mL-1. A quantidade de reagente (0,5 mg de NaBH4 para cada determinação) e de resíduo químico gerado no laboratório (170 mL h-1) é mínima. A aplicação do método proposto para análises de amostras de urina evidenciou a presença média de 4,0 ng mL-1 de selênio para pacientes que não ingeriram nenhum medicamento contendo selênio. Para pacientes que ingeriram uma dose única de medicamento contendo selênio, o teor encontrado nas amostras de urina analisadas variaram de 5,0 a 16,0 ng mL-1. Estudos de recuperação mostraram valores de 90,0% e 103,0% para 1,0 e 10,0 ng mL-1 de selênio adicionado, respectivamente, nas amostras de urina. A certificação do método foi avaliada para análises de material de referência de urina SRM 2670 (valor certificado: 30,0±8,0 ng mL-1 e valor obtido: 27,0±2,0 ng mL-1).
Subject: selênio
ultratraços
injeção em fluxo
geração de hidretos
urina
selenium
ultra trace
flow injection
hydride generation
urine
Editor: Fundação Editora da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP
Rights: aberto
Identifier DOI: 10.1590/S0100-46702004000100001
Address: http://dx.doi.org/10.1590/S0100-46702004000100001
http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-46702004000100001
Date Issue: 1-Jan-2004
Appears in Collections:Artigos e Materiais de Revistas Científicas - Unicamp

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
S0100-46702004000100001.pdf125.43 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.