Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/289513
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Evaluation of mechanical properties of dental tissue of patients who undergone radiotherapy = Análise das propriedades mecânicas dos tecidos dentários de pacientes submetidos à radioterapia
Title Alternative: Análise das propriedades mecânicas dos tecidos dentários de pacientes submetidos à radioterapia
Author: Galetti, Roberta, 1985-
Advisor: Santos-Silva, Alan Roger, 1981-
Abstract: Resumo: Este estudo avaliou o comportamento mecânico de tecidos dentários de pacientes com câncer de cabeça e pescoço submetidos à radioterapia. No capítulo I, o ensaio mecânico da nanoindentação foi utilizado para determinar a dureza e módulo de elasticidade do esmalte, dentina e da região de união restauradora em dentina (adesivo, camada híbrida e dentina subjacente). Foram utilizados seis dentes incisivos inferiores irradiados in vivo e não irradiados (grupos controle). A dureza e o módulo de elasticidade e foram obtidos após a realização da nanoindentação com pico de força de 1000 µN em dentina intertubular e região de união restauradora e 1500 µN em esmalte (centro do prisma) usando o microscópio de força atômica equipado com nanoidentador com tempo 5-2-5 seg para carregamento, aplicação e descarregamento da carga. A análise de variância a um fator foi aplicada com nível de significância de 0.05%. O valor da nanodureza e módulo de elasticidade não foram estatisticamente diferentes entre os tecidos avaliados em ambos os grupos irradiados e controle. Desta foma, pode-se concluir que tanto a dureza como o módulo de elasticidade de dentes submetidos à radioterapia in vivo não apresentam alterações das propriedades mecânicas no esmalte, dentina e região de união adesivo/dentina devido á ação direta da radioterapia. No capítulo II, foram avaliadas as propriedades viscoelásticas (storage e loss modulus) de três regiões diferentes: esmalte, junção amelo-dentinária (JAD) e dentina de dentes irradiados in vivo. Cinco dentes não irradiados (grupo de controle, n = 5) e cinco dentes irradiados in vivo (grupo irradiado, n = 5) foram utilizados para produzir cinco fatias de cada para avaliar a três áreas distintas: o esmalte, o JAD , e a dentina. A análise por mapeamento (Modulus Mapping Analysis) foi escolhida para avaliar a perda e armazenamento de energia mediante uma carga aplicada. Três regiões de dados foram coletados de cada área de tecido de cada fatia, totalizando quinze mapeamentos por tecido por grupo. Os valores do módulo foram calculados pelo software Hysitron® e a análise da variância (ANOVA Plot Split) e teste de Tukey a 5% de significância foram utilizados para comparar os grupos e tecidos. As três áreas avaliadas de ambos os grupos controle e irradiado revelaram diferença estatística no módulo de perda e armazenamento. Ambos os valores de perda e de armazenamento apresentaram-se maiores no grupo irradiado para esmalte (164,44 ± 36,60 GPa; 177,59 ± 58,84 GPa), JAD (50,85 ± 35,78 GPa; 83,33 ± 38,59 GPa) e dentina (21,18 ± 18,61 GPa; 52,44 ± 26,56 GPa) do que no grupo controle para o esmalte (127,15 ± 74,45 GPa; 162,85 ± 74,63 GPa), JAD (25,72 ± 9,64 GPa; 21,93 ± 52,78 GPa) e dentina (10,39 ± 8,65 GPa; 32,10 ± 20,39 GPa), respectivamente. Foi possível concluir neste estudo, que as propriedades viscoelásticas dos dentes irradiados in vivo apresentam-se diferentes das do grupo controle. Estes resultados sugerem que, após a radioterapia, os tecidos dentais estariam mais suscetíveis a fraturas

Abstract: This study evaluated the mechanic properties of enamel, dentin, and dentin bond interface of patients who undergone head and neck cancer treatment. On I chapter, the nanoindentation technique was used to determine the hardness (H) and reduced modulus of elasticity (Er) of the control group on enamel, dentin, and dentin bond interface (adhesive layer, hybrid layer and underlyer dentin). The Er and H were obtained after completion of nanoindentation with peak force of 1000 µN on intertubular dentin and restorative dentin interfaces and 1500 µN on enamel (prism center) using the atomic force microscope with nanoindenter accopled with test time 5-2-5 seconds for loading, holding and unloading. The one-way analysis of variance (p'< ou ='0.05) was applied and the valus for H and Er for both groups and tissues were no statistical different. As conclusion, the nanohardeness and elastic modulus behavior of the enamel, dentin and dentin bond interface was not impacted by the radiotherapy treatment of head and neck cancer. On II chapter, the viscoelastic properties were assessed (storage and loss modulus) of three different regions: enamel, dentin-enamel junction (DEJ) and dentin irradiated teeth in vivo. Five non irradiated teeth (control group, n=5) and five in vivo irradiated teeth (irradiated group, n=5) were used to produce five beams that were used to evaluate three different areas: the enamel, the DEJ, and the dentin. Perpendicular sections to the long axis of the teeth were made at middle region of the crown to produce the beams. The Modulus Mapping Analysis was chosen to evaluate the loss and storage moduli of each area. Three data regions were collected of each tissue area of each beam, summing a total of fifteen data per tissue per group. The modulus values were calculated by the Hysitron® software and an Analysis of Variance (ANOVA Split Plot) and Tukey test at 5% of significance was used to compare groups and tissues. All the three areas evaluated of control and irradiated group revealed statistical difference on the Loss and Storage Moduli. Both the loss and storage values are higer on the irradiated group for enamel (164.44±36.60 GPa; 177.59±58.84 GPa), DEJ (50.85±35.78 GPa; 83,33±38,59 GPa) and dentin (21.18±18.61 GPa; 52.44±26.56 GPa) than control group values for enamel (127.15±74.45 GPa; 162.85±74.63 GPa), DEJ (25.72±9.64 GPa; 21.93±52.78 GPa) and dentin (10.39±8.65 GPa;32,10±20,39 GPa), respectivally. The viscoelastic properties of in vivo irradiated teeth are different from control group. The enamel, DEJ and dentin presented the higer values on the in vivo irradiated group. These finds suggest that after radiotherapy, the dental tissues are more susceptible to fractures
Subject: Nanoindentação
Radioterapia
Esmalte
Dentina
Adesivos dentinários
Viscoelasticidade
Language: Multilíngua
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2015
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Galetti_Roberta_D.pdf1.53 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.