Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/289473
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Estudo de fatores influentes na dureza superficial de um composito fotoativado
Author: Aguiar, Flávio Henrique Baggio, 1977-
Advisor: Lovadino, José Roberto, 1953-
Abstract: Resumo: A qualidade de polimerização dos compósitos dentais é um importante parâmetro a ser considerado para o sucesso clínico da restauração realizada. Muitos fatores podem interferir na quantidade de energia luminosa que um incremento de compósito recebe, entre eles, a distância entre a ponta do aparelho de fotoativação e a superfície do compósito, a intensidade do aparelho de fotoativação, a especificidade de luz emitida pelo aparelho de fotoativação, o tempo de fotoativação, cor, opacidade e espessura do compósito. Assim, o objetivo deste trabalho, composto por quatro experimentos, foi avaliar as influências: 1) da cor do compósito na dureza superficial de topo e fundo, em simulação clínica na qual a ponta do aparelho de fotoativação estava distante 2, 4 e 8mm da superfície de topo do compósito; 2) do modo e do tempo de polimerização na dureza superficial de topo e fundo, em simulação clínica na qual a ponta do aparelho de fotoativação estava distante 8mm da superfície de topo do compósito; 3) da espessura do compósito na dureza superficial de topo e fundo, em simulação clínica na qual a ponta do aparelho de fotoativação estava distante 2, 4, 6 e 8mm da superfície de topo do compósito; 4) da espessura do compósito e do modo de polimerização na dureza superficial de topo e fundo, em simulação clínica na qual a ponta do aparelho de fotoativação estava distante 8mm da superfície de topo do compósito. Com base nos resultados obtidos e sob as condições experimentais deste estudo, pôde-se concluir que: 1) a dureza da superfície de topo foi pouco afetada pelos fatores estudados, não sendo um parâmetro adequado para mostrar a eficácia de polimerização do compósito, entretanto a dureza da superfície de fundo foi consideravelmente afetada pelos fatores analisados; 2) a distância entre a ponta do aparelho de fotoativação e a superfície do compósito foi um fator relevante, pois quanto maior esta distância, menor foi a dureza da superfície de fundo do compósito; 3) o compósito teve a capacidade de reduzir a penetração da energia luminosa, e conseqüentemente reduzir significativamente a dureza da superfície de fundo, independentemente dos fatores estudados; 4) quando a distância entre a ponta do aparelho de fotoativação e a superfície do compósito for superior a 4mm, deve-se triplicar o tempo de polimerização; utilizar cores claras, desde que não haja comprometimento de estética e fontes de luz eficientes, comprovada por estudos científicos com credibilidade; 5) quando a distância entre a ponta do aparelho de fotoativação e a superfície do compósito for igual ou superior a 2mm, devese utilizar incrementos de até 1mm de espessura, e, se a distância for igual ou superior a 8mm, a espessura do incremento deve ser de 0,5mm

Abstract: Adequate resin composite polymerization is a crucial factor in obtaining optimal physical performance of these materials. Several variables can affect the amount of light energy received at the top and bottom surfaces of a resin composite increment, such as, distance of the light guide tip from the resin composite, power density, light energy mode, exposure duration, shade and opacity of the resin composite and increment thickness. Thus, the aim of this study composed of four manuscripts was to evaluate the influence: 1) of the resin composite thickness on top and bottom microhardness, in a clinical simulation when the light curing tip was 2, 4, 6 and 8mm distant from the resin composite top surface; 2) of the resin composite shade on top and bottom microhardness, in a clinical simulation when the light curing tip was 2, 4, and 8mm distant from the resin composite top surface; 3) of light curing modes and light curing time on top and bottom microhardness, in a clinical simulation when the light curing tip was 8mm distant from the resin composite top surface; 4) of light curing modes and resin composite sample thickness on top and bottom microhardness, in a clinical simulation when the light curing tip was 2, 4, and 8mm distant from the resin composite top surface. Based on the results, within the experimental limits of this study, it can be concluded that: 1) the top surface microhardness was a little affected by the experimental factors, and it was not an adequate parameter to show the polymerization effectiveness of the resin composite, mainly of the bottom surface. However, the bottom surface microhardness was substantially affected by the studied factors; 2) the distance between of the light guide tip and the resin composite top surface is a factor that must be carefully analyzed, because as higher was the distance, as lower was the microhardness of the resin composite bottom surface; 3) resin composite has the capacity of reducing the light energy penetration, and consequently, the polymerization effectiveness of the bottom surface of the sample, independent of the others factors studied; 4) when the distance between of the light guide tip and the resin composite top surface is superior to 4mm, it should increase the light curing time at least three times; use light resin composite shades, since they do not have any esthetic involvement; and use efficient light curing devices; 5) when the distance between of the light guide tip and the resin composite top surface is superior or equal to 2mm, it should use resin composite increments of 1mm thick
Subject: Fotopolimeros
Resinas compostas
Dentística
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2004
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Aguiar_FlavioHenriqueBaggio_D.pdf433.17 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.