Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/289269
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Efeito in situ de formulações infantis a base de leite e soja na desmineralização do esmalte dental deciduo
Title Alternative: Effect of milk and soy-based formulas on in situ demineralization of human deciduous enamel
Author: Papa, Anna Maria Cia de Mazer
Advisor: Tabchoury, Cinthia Pereira Machado, 1969-
Abstract: Resumo: O efeito de formulações infantis adicionadas de açúcar ou não na desmineralização do esmalte de dentes decíduos e na composição do biofilme dental formado não é conhecido. Desta forma, um estudo in situ, cruzado, tipo boca dividida e cego foi conduzido em 3 fases experimentais distintas de 10 dias cada, durante as quais 11 voluntários adultos utilizaram um dispositivo intra-oral palatino, contendo 6 blocos de esmalte decíduo, com dureza de superfície pré-determinada. Os blocos de esmalte foram submetidos extra-oralmente, 8 vezes ao dia, a 6 grupos de tratamentos: água destilada e deionizada, solução de sacarose 10%, formulação à base de leite e formulação à base de soja, com ou sem sacarose 10% adicionada. Após cada fase, a acidogenicidade, composição microbiológica e bioquímica do biofilme formado foram analisadas, bem como a desmineralização do esmalte dental decíduo por meio da microdureza de superfície. Foi realizada uma análise estatística fatorial 3 x 2 para todas as variáveis, tendo como um dos fatores em estudo formulações infantis (3 níveis) e como outro fator em estudo a adição de sacarose (2 níveis). Ambas as formulações induziram uma perda mineral significante, a qual aumentou com a adição de sacarose. Além disso, quando fermentadas, ambas as fórmulas reduziram o pH do biofilme, independentemente da adição de sacarose. Também, a contagem de lactobacilos no biofilme formado foi maior quando ambas as formulações foram usadas comparado ao grupo água. Com relação ao fluido do biofilme, nenhum efeito significativo foi observado para flúor e fósforo inorgânico, enquanto a concentração de cálcio foi maior nos grupos com sacarose e na formulação à base de soja (p<0,05). Nenhum efeito significativo foi observado para concentração de polissacarídeos intracelulares (p>0,05), enquanto que as concentrações de polissacarídeos extracelulares solúveis e insolúveis foram maiores nos grupos com sacarose, independente da formulação (p<0,05). Em conclusão, os resultados sugerem que as formulações à base de leite e à base de soja apresentam potencial para induzir a desmineralização do esmalte de dentes decíduos, a qual é aumentada quando sacarose é adicionada.

Abstract: The effect of infant formulas sweetened or not with sucrose on deciduous enamel demineralization and on dental biofilm formed is not known. Thus, a crossover, split-mouth and blind in situ study was conducted during 3 experimental phases of 10 days each, during which 11 adult volunteers wore palatal appliances containing six slabs of human deciduous enamel with pre-determined surface microhardness. The dental slabs were extra-orally subjected 8 times a day to six groups of treatment: distilled and deionized water, 10% sucrose solution, milk-based and soy-based formula, without or with 10% sucrose added. After each phase, the acidogenicity, biochemical and microbiological composition of dental biofilm formed was analyzed, and enamel demineralization was assessed by surface microhardness. A factorial 3 x 2 was considered for the statistical analysis of all variables and the factors under evaluation were formula at 3 levels and sucrose at 2 levels. Both infant formulas induced significant enamel mineral loss, which increased when sucrose was added. In addition, both infant formulas were fermented, decreasing the biofilm pH, irrespective of sucrose addition. Also, lactobacilli counts in the biofilm were higher under the use of both formulas when compared to the water group. With regard to biofilm fluid, there was no statistically significant effect of the factors formula and sucrose for F and Pi, while Ca concentrations in the fluid were higher in the sucrose groups and in the soy-based formula group (p<0.05). There was no significant effect of the factors under study for IPS (p>0.05), while SEPS and IEPS concentrations were higher in the groups with sucrose, independent of the formula (p<0.05). In conclusion, the results suggest that milk and soy-based formulas present potential to induce demineralization in deciduous enamel, which was increased when sweetened with sucrose.
Subject: Biofilme
Cárie dentária
Sacarose
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: PAPA, Anna Maria Cia de Mazer. Efeito in situ de formulações infantis a base de leite e soja na desmineralização do esmalte dental deciduo. 2008. 33 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Odontologia de Piracicaba, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/289269>. Acesso em: 12 ago. 2018.
Date Issue: 2008
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Papa_AnnaMariaCiadeMazer_M.pdf761.11 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.