Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/289213
Type: TESE
Title: Evaluation of traumatized immature teeth treated with two pulp revascularization proposals = Avaliação de dentes traumatizados com rizogênese incompleta submetidos a duas propostas de revascularização pulpar
Title Alternative: Avaliação de dentes traumatizados com rizogênese incompleta submetidos a duas propostas de revascularização pulpar
Author: Nagata, Juliana Yuri, 1986-
Advisor: Soares, Adriana de Jesus, 1970-
Abstract: Resumo: O presente trabalho teve como objetivos: avaliar os resultados clínicos e radiográficos da utilização da pasta tripla antibiótica e do hidróxido de cálcio associado à clorexidina gel 2% para a revascularização pulpar (capítulo 1); avaliar a redução microbiana da descontaminação realizada com pasta tripla antibiótica e à base de hidróxido de cálcio e clorexidina gel 2% na revascularização pulpar, e identificar espécies microbianas por Reação em Cadeia da Polimerase (PCR) (capítulo 2); relatar dois casos clínicos de dentes reimplantados com rizogênese incompleta onde foi proposto o protocolo de revascularização pulpar (capítulo 3). Material e Métodos: Treze pacientes (7-17 anos de idade) com incisivos superiores necrosados devido a trauma dental foram divididos em dois grupos: grupo medicado com pasta tripla antibiótica (TAP) (n=7) e grupo medicado com a associação de hidróxido de cálcio e clorexidina gel 2% (CHP) (n=6). Os pacientes foram acompanhados por um período de 9 a 19 meses com avaliação dos dados clínicos e radiográficos (capítulo 1). Quinze pacientes (7-17 anos de idade) apresentando dentes imaturos foram tratados com revascularização pulpar e divididos em grupo TAP (n=7) e grupo CHP (n=8). As amostras microbianas foram coletadas inicialmente e após cada etapa de descontaminação dos canais radiculares. As bactérias cultiváveis foram contadas e identificadas por meio de PCR (capítulo 2). Dois pacientes (7 e 8 anos) foram acometidos por avulsão dentária no incisivo central superior esquerdo e no incisivo lateral superior esquerdo, respectivamente. Os dentes foram submetidos à revascularização pulpar consistindo de descontaminação passiva (hipoclorito de sódio 6%, solução fisiológica e clorexidina 2%), e medicação intracanal (hidróxido de cálcio e clorexidina gel 2%) por 21 dias. Na segunda sessão, a formação de coágulo sanguíneo foi estimulada e uma barreira de Agregado Trióxido Mineral (MTA) foi inserida (capítulo 3). Resultados: No capítulo 1, os dois grupos demonstraram completa redução da sintomatologia clínica, entretanto, escurecimento coronário foi observado em 6(85.71%) dentes do grupo TAP. Radiograficamente, todos os dentes do grupo TAP demonstraram reparo de lesão periapical, e apenas um dente do grupo CHP não demonstrou reparo periapical. Fechamento apical foi observado em 5(71,42%) dentes do grupo TAP e em 4(66.67%) dentes do grupo CHP. No capítulo 2, ambos os grupos apresentaram redução na contagem microbiana (UFC/mL) significativa entre a amostra inicial e após irrigação com NaOCl 6% (p<0.05). A utilização das medicações intracanais (grupos TAP ou CHP) não diferiu com relação às contagens de CFU/mL (p=0.95). A espécie bacteriana mais prevalente foi Actinomyces naeslundii (66,67%). Uma média de 2,13 espécies por canal foi encontrada. No capítulo 3, o primeiro caso apresentou fechamento apical e calcificação do terço apical do espaço do canal radicular no controle de 16 meses. O segundo caso demonstrou reabsorção radicular progressiva, sendo tratado com apicificação. Conclusões: A revascularização pulpar pode ser uma alternativa de tratamento para dentes acometidos por luxações traumáticas leves com rizogênese incompleta. Tanto a pasta tripla antibiótica quanto o hidróxido de cálcio associado a clorexidina gel 2% sugerem redução de sinais clínicos, radiográficos e redução microbiana na revascularização pulpar

Abstract: This study aims to: evaluate clinical and radiographic outcomes of the use of triple antibiotic paste and calcium hydroxide associated to 2% chlorhexidine gel paste for pulp revascularization therapy (chapter 1); evaluate microbial reduction of pulp revascularization performed with triple antibiotic paste and calcium hydroxide associated to 2% chlorhexidine gel, and identify bacteria species using Polymerase Chain Reaction (PCR) (chapter 2); report two clinical cases of immature replanted teeth which were treated with a protocol of pulp revascularization (chapter 3). Methods: Thirteen patients (7-17 years-old) with necrotic upper incisors due to dental trauma were divided in two groups: group treated with triple antibiotic paste (TAP) (n=7) and group dressed with the association of calcium hydroxide and 2% chlorhexidine gel (CHP) (n=6). Patients were followed-up for till 9 to 19 months, with evaluation of clinical and radiographic data (chapter 1). Fifteen patients (7-17 years-old) presenting immature teeth were treated with revascularization and divided in group TAP (n=7) and group CHP (n=8). Samples were taken initially and after each step of root canal decontamination. Cultivable bacteria recovered at the five stages were counted and identified by means of PCR assay (chapter 2). Two patients (7 and 8 years old) suffered tooth avulsion on maxillary left lateral incisor and on maxillary left central incisor, respectively. Treatment consisted of revascularization therapy using passive decontamination (6% sodium hypochlorite, 2% chlorhexidine and sterile saline) and intracanal medication (calcium hydroxide and 2% chlorhexidine gel) for 21 days. In the second session, blood clot was stimulated and Aggregate Trioxide Mineral was used as a cervical barrier of the canal (chapter 3). Results: In chapter 1, clinical evaluation in both groups (TAP and CHP) observed that there was complete reduction concerning clinical symptomatology, however, crown discoloration was observed in 6(85.71%) teeth of group TAP. In radiographic exam, all teeth of group TAP showed repair of periapical lesions, and only one tooth of group CHP did not show apical repair. Apical closure was observed in 5(71.42%) teeth of group TAP and in 4(66.67%) teeth of group CHP. In chapter 2, both groups presented bacteria counts (CFU/mL) decreasing significantly after irrigation with 6% NaOCl (p<0.05). Intracanal dressing did not differ in relation to CFU counts (p=0.95). The most prevalent bacteria identified were Actinomyces naeslundii (66.67%). An average of 2.13 species per canal was found. In chapter 3, it was observed apical closure and calcification in the apical third of root canal space at the 16-month follow-up. The second case presented progressive root resorption, being treated with apexification. Conclusions: Pulp revascularization may be an alternative of treatment for mild luxated traumatized immature teeth. Both triple antibiotic paste and calcium hydroxide associated to 2% chlorhexidine gel paste may be employed in pulp revascularization suggesting clinical, radiographic and microbial reduction after their use
Subject: Ápice dentário
Necrose da polpa dentária
Células-tronco
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2013
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Nagata_JulianaYuri_D.pdf1.84 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.