Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/289138
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Avaliação da maturação ossea por meio das vertebras cervicais no municipio de Itabaiana-Sergipe
Title Alternative: Evaluation of bone maturation by cervical vertebrae in Itabaiana-Sergipe
Author: Aguiar, Luciana Barreto Vieira, 1980-
Advisor: Ambrosano, Gláucia Maria Bovi, 1960-
Abstract: Resumo: O objetivo neste estudo foi avaliar a aplicabilidade do método de análise da idade óssea vertebral proposta por Caldas et al (2007) em crianças de baixa renda e se for necessário desenvolver um modelo de regressão múltipla para essa população para estimar a idade em função da maturação óssea das vértebras cervicais em radiografias cefalométricas. A amostra constituiu de radiografias cefalométricas e radiografias carpais de 76 meninos e 64 meninas com idade entre 7,0 e 14,9 anos de uma região de zona rural do município de Itabaiana - Sergipe. A idade óssea carpal, calculada pelo método de Tanner & whitehouse (TW3) foi usada como padrão ouro. Os corpos das vértebras C3 e C4 foram traçadas, mensuradas e em seguida as idades ósseas foram estimadas pelo método proposto por Caldas et al (2007). Foram calculadas as médias das idades, dos erros (diferença entre vertebral e carpal) e os respectivos intervalos de confiança a 95%. A seguir foram estimados novos modelos de regressão múltipla para determinar a idade óssea vertebral das crianças em estudo. Para o gênero feminino observou uma média na idade estimada de 10,62 anos (IC95%: 10,35-10,89), diferenciando da idade carpal cuja média foi de 11,28 (IC95%: 10,89-11,67), com erro médio de 1,42 anos (IC95%: 1,20-1,64). Já para o gênero masculino, a idade média estimada foi de 10,44 anos (IC95%: 10,16-10,72), sendo a idade carpal média de 10,57 anos (IC95%: 10,21-10,93), e o erro médio estimado de 1,18 anos (IC95%: 1,00-1,36). O novo modelo de regressão múltipla estimado apresentou valores de coeficiente de determinação ajustado (R2 ajustado) de 0,6751 e 0,6209 para os gêneros feminino e masculino, respectivamente. Esses resultados sugerem que os novos modelos determinados são confiáveis e devem ser utilizadas em crianças de famílias de baixa renda.

Abstract: The purpose of this research was to evaluate the applicability of the analysis method of the vertebral age proposed by Caldas et al (2007) in low income children, as well as to develop a multiple regression model for this population in order to estimate the age based on cervical vertebral bone maturation in cephalometric radiographs. The sample comprised of cephalometric radiographs and hand-wrist radiographs of 76 boys and 64 girls aged 7.0 to 14.9 years from Itabaiana city Sergipe, rural area. The hand-wrist bone age calculate by Tanner & Whitehouse (TW3) was used as golden standard. The vertebral bodies C3 and C4 were traced and measured and afterwards the bone age were estimated by the method proposed by Caldas et al (2007). The average ages, the mean errors (difference between vertebral and hand-wrist) and the respective confidence intervals at 95% were calculated. Then, the new multiple regression models were estimated in order to determine the vertebral bone age of the children in this study. The average age estimate for the girls was 10.62 years (IC95%: 10.35-10.89), different from the 11.28 hand-wrist average age (IC95%: 10.89-11.67) with average error of 1.42 years (IC95%: 1.20-1.64). The average age estimate for the boys was 10.44 years (IC95%: 10.16-10.72), the average hand-wrist age was 10.57 years (IC95%: 10.21-10.93) and the estimate average error was 1.18 years (IC95%: 1.00-1.36). The new estimate regression model presented adjusted coefficients of determination values (adjusted R2) of 0.6751 and 0.6209 for girls and boys respectively. These results suggest that the new determined models are reliable and can be used in children from low income families.
Subject: Radiologia
Crescimento
Puberdade
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: AGUIAR, Luciana Barreto Vieira. Avaliação da maturação ossea por meio das vertebras cervicais no municipio de Itabaiana-Sergipe. 2009. 40 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Odontologia de Piracicaba, Campinas, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/289138>. Acesso em: 12 ago. 2018.
Date Issue: 2009
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Aguiar_LucianaBarretoVieira_M.pdf637.39 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.