Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/289014
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Influencia da inalação da fumaça de cigarro e sua interrupção sobre o periodonto e o tecido osseo ao redor de implantes de titanio : estudo em ratos
Title Alternative: The influence of cigarrette smoke inhalation and its cessation on periodontal tissues and on bone around titanium implants: a study in rats
Author: Cesar Neto, João Batista
Advisor: Nociti Junior, Francisco Humberto, 1967-
Abstract: Resumo: O consumo de cigarros tem demonstrado um impacto negativo na taxa de sucesso de implantes osseointegráveis e é considerado um fator de risco verdadeiro para doença periodontal. Alguns estudos têm relatado que ex-fumantes apresentam taxas de sucesso de implantes osseointegráveis semelhantes a indivíduos que nunca fumaram e que o risco de perda de inserção periodontal também diminui após a interrupção do consumo de cigarros. Em vista disso, o objetivo do presente estudo é avaliar histologicamente, em modelo animal (ratos), a influência da inalação da fumaça de cigarro (IFC) sobre o tecido ósseo ao redor de implantes de titânio inseridos na tíbia dos animais, sobre o osso alveolar de suporte, sobre a evolução da periodontite induzida e a expressão de MMP-2 no tecido gengival. Além disso, numa segunda fase, investigou-se o efeito da interrupção da IFC nas situações descritas acima. Os resultados deste estudo mostram que a IFC influencia negativamente a densidade do osso preexistente e a qualidade do osso neoformado ao redor de implantes de titânio (menor contato osso-implante e preenchimento das roscas). Tanto a interrupção temporária quanto a definitiva promoveram um efeito positivo no osso ao redor dos implantes de titânio. Resultados semelhantes foram observados nas avaliações do osso alveolar de suporte. A IFC promoveu uma diminuição da densidade óssea alveolar e esse efeito foi revertido após a interrupção da IFC. Quanto à doença periodontal induzida, a IFC potencializou a perda óssea na região avaliada (furca) e maiores níveis de MMP-2 foram encontrados no tecido gengival adjacente a essa área. Além disso, os animais do grupo submetido à interrupção da IFC apresentaram níveis de perda óssea semelhantes ao grupo controle, demonstrando um impacto positivo da interrupção do consumo de cigarros sobre a progressão da periodontite induzida. Dentro dos limites do presente estudo conclui-se que: 1- a IFC exerce um efeito negativo tanto no osso preexistente (região medular) quanto no novo osso ao redor de implantes de titânio; 2- confirmou-se histologicamente que a IFC potencializa a perda óssea durante a periodontite e que a MMP-2 pode ser uma das moléculas envolvidas nesse processo; 3- os efeitos negativos da IFC, no tecido ósseo e periodontal, podem ser revertidos após a interrupção da IFC

Abstract: Smoking has been reported to negatively impact on titanium implants success rates and has been considered a true risk factor for periodontal disease. Some studies have shown that former-smokers present a implant success rate similar to the one of never-smokers, and that the risk of clinical attachment loss decreases after smoking cessation. Thus, the aim of the present investigation was to histologically evaluate, in an animal model (rats), the influence of cigarette smoke inhalation (CSI) on 1- bone tissue around titanium implants inserted in tibiae, 2- the tooth-supporting alveolar bone, and 3- bone loss resulting from ligature-induced periodontitis and MMP-2 expression in gingival tissue. Additionally, it was investigated the influence of CSI cessation on the conditions described above, e.g. bone healing around titanium implants and bone loss resulting from ligature-induced periodontitis. The results of the present study demonstrated that CSI exerted a negative influence on the preexisting and newly-formed bone around titanium implants and, both temporary and complete CSI cessation were able to revert its harmful effect. Similar findings were observed for the tooth-supporting alveolar bone, where CSI negatively affected bone density and such an effect was reverted after CSI cessation. With respect to the ligature-induced periodontitis, CSI enhanced bone loss in the furcation area and produced higher levels of MMP-2 in gingival tissue adjacent to periodontitis sites. In addition, CSI cessation exerted a positive impact on bone loss, with the cessation group showing a bone loss rate similar to the one of control group. Within the limits of the present study, it can be concluded that: 1- CSI exerted a negative effect on both preexisting and newly-formed bone around titanium implants; 2- CSI may enhance periodontal breakdown, and MMP-2 may take part of this process; 3- the negative effects of CSI, on bone around implants and periodontal tissues, may be reverted after smoking cessation
Subject: Fumo - Vício
Doenças periodontais
Periodontite
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: CESAR NETO, João Batista. Influencia da inalação da fumaça de cigarro e sua interrupção sobre o periodonto e o tecido osseo ao redor de implantes de titanio: estudo em ratos. 2005. 131p. Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Odontologia de Piracicaba, Piracicaba, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/289014>. Acesso em: 4 ago. 2018.
Date Issue: 2005
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
CesarNeto_JoaoBatista_D.pdf2.66 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.