Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/288686
Type: TESE
Title: Avaliação do carreador carboxi-metil-celulose associado a matriz ossea bovina anorganica em defeitos na calota de cães : analise histologica e radiologica
Title Alternative: Evaluation of the carboximetilcelulosis carrier associated with anorganic bovine matrix used in defects made in dog's calviaria : radiological and histological analyses
Author: Chaves Netto, Henrique Duque de Miranda
Advisor: Mazzonetto, Renato, 1968-2011
Abstract: Resumo: Os procedimentos cirúrgicos envolvendo a reabilitação da região maxilofacial freqüentemente requerem o uso de enxertos ósseos para a reconstrução de deformidades congênitas ou adquiridas, assim como para correções esqueléticas com finalidade estética. Com o objetivo de evitar a abordagem de áreas doadoras para obtenção de enxerto ósseo, os substitutos ósseos foram desenvolvidos. Visando minimizar a dificuldade de adaptação dos substitutos ósseos na área doadora, os veículos para inserção destes vêm sendo estudados. Para o presente estudo, foram utilizados 8 cães, machos, sem distinção de raça, provenientes do biotério da Unicamp. Após tricotomia e anti-sepsia com polivinilpirrolidona iodo a 10% foram realizados 4 defeitos bicorticais de 8mm de diâmetro na calota craniana de cada animal. O preenchimento das cavidades se deu do seguinte modo: Grupo I - coágulo sangüíneo, Grupo II - osso autógeno particulado, Grupo III - matriz óssea bovina anorgânica, Grupo IV - matriz óssea bovina anorgânica associada a carboxi-metilcelulose. Os períodos de sacrifício foram de 3 e 6 semanas. Através de análise descritiva radiológica e histológica, observou-se no período de 3 semanas a presença de tecido conjuntivo, vasos sangüíneos, material utilizado para preenchimento, assim como as bordas nítidas em todos defeitos. O Grupo II foi o único a apresentar regiões de aposição de novo tecido ósseo. No período de 6 semanas observou-se a presença de tecido conjuntivo, vasos sangüíneos e material utilizado para preenchimento em todos defeitos. O Grupo II foi o único que apresentou as partículas de osso autógeno utilizadas para o preenchimento em estágio de reabsorção avançado sendo também o único a não apresentar as bordas entre o defeito e osso pré-existente nítidas, no período de 6 semanas. Desta forma observou-se que, apesar do enxerto de osso autógeno apresentar melhores resultados em termos de reparação óssea, a matriz óssea bovina anorgânica demonstrou ser biocompatível, servindo como osteocondutor, assim como que o carreador carboxi-metil-celulose influênciou de maneira negativa o processo de reparação óssea.

Abstract: Surgical procedures involving maxillofacial region frequently require bone grafting to reconstruct the congenital or acquired defects, as well to aesthetic. Meaning to avoid the donate areas to obtain grafts, the biomaterials have been developed, especially to minimize the hardiness adaptation of them. This way, several vehicles to insert of these bone substitutes are been studied. To perform the present studied were used 8 dogs, males, without pedigree, from the Unicamp vivarium. After trichotomy and antisepsis with PVPI 10% were performed 4 bicortical defects having 8mm of diameter on the calvarium of each animal. The cavities were filled up thru the following way: Group I - Blood clot, Group II - particulate autogenous bone graft, Group III - anorganic bovine bone matrix, Group IV - anorganic bovine bone matrix associated with a carboxi-metil-celulosis. The sacrifice periods were 3 and 6 weeks. Thru the descriptive radiologic and histological analysis, it was observed on 3 weeks period, presence of connective tissue, blood vessels, material used for fulfillment, as well as periphery of the defects well delimited. The Group II was the only one that presented new bone aposition. On the 6 weeks sacrifice period, it was noted the presence of connective tissue, blood vessels, material used for fulfillment in all defects. The Group II was the only one that showed advanced resorption stage of the bone grafts particles used for fulfillment being, also the only one that showed periphery of the defects without limit, on the 6 weeks period. The present work demonstrated that, despite the autogenous bone grafts lead to the best result in terms of bone defect repair, the anorganic bovine bone matrix demonstrated to be biocompatible, being osteoconductible, as well the carrier carboximetil- celulosis interfered negatively on the bone repair process.
Subject: Ossos - Enxerto
Biomateriais
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2009
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
ChavesNetto_HenriqueDuquedeMiranda_M.pdf48.87 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.