Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/288670
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Efeito da placa estabilizadora do tipo Michigan sobre a atividade eletrica dos musculos temporal anterior e masseter de pacientes com habito de bruxismo
Author: Ferreira, Juvenil Alves Neves Diniz
Advisor: Rodrigues-Garcia, Renata Cunha Matheus, 1964-
Abstract: Resumo: O propósito deste estudo foi avaliar os achados eletromiográficos dos músculos temporal anterior e masseter de pacientes com hábito de bruxismo, antes e durante o uso de placas estabilizadoras do tipo Michigan. Foram avaliados dois grupos de voluntários: grupo 1 (grupo bruxista), composto de 16 pacientes bruxistas sendo que 6 eram do sexo masculino e 10 do sexo feminino com idade média de 35,68 anos (D.P.= 10,20) e grupo 2 (grupo - controle), composto de 16 voluntários as sintomáticos sendo 9 do sexo masculino e 7 do sexo feminino com idade média de 29,25 anos (D.P.= 5,27). Os voluntários do Grupo 1 fizeram uso de placas do tipo Michigan, o que não ocorreu para o Grupo 2. Entretanto, todos foram submetidos a ciclos de movimentos isotônicos (IST) de 14 segundos de duração e a contrações isométricas (ISO) com contração voluntária máxima de 5 segundos de duração. Para a avaliação da dor foi aplicada a escala visual analógica (EV A) após a contração isométrica. O exame eletromiográfico foi realizado em todos os voluntários por meio de um sistema de aquisição de sinais, com eletrodos diferenciais ativos de prata pura de superficie no interior da gaiola eletrostática de Faraday, durante os diferentes tempos (TO, TI, T2, T3 e T4). Para a análise dos dados utilizou-se o teste t para dados pareados (ao comparar a amplitude nos diferentes músculos e nos diferentes tempos além da EV A) e o teste t para duas amostras independentes (ao comparar a amplitude entre os grupos 1 e 2 e essa entre os movimentos ISO e 1ST). Os resultados mostraram que ao se comparar os Grupos 1 e 2, no movimento ISO, verificou-se que no tempo T4 as médias de amplitude dos músculos temporal esquerdo, temporal direito e masseter direito do Grupo 1 foram menores do que as do Grupo 2, para o masseter esquerdo este comportamento se deu no tempo TI. A partir dos resultados concluiu-se que a placa do tipo Michigan promoveu um significativo alívio da dor nos voluntários do Grupo I além de reduzir significativamente a amplitude do sinal eletromiográfico nos músculos mastigatórios do Grupo I durante o uso da mesma

Abstract: The aim of this study was to evaluate the electromyographic findings of temporal and masseter musc1es of patients with bruxism, before and during the use of Michigan occ1usal splints. Two groups were evaluated: Group 1 (bruxer's group), with 16 bruxers, being 6 men and 10 women, with mean age of 35.68 years (S.D.= 10.20) and Group 2 (control group), with healthy subjects, being 9 men and 7 women, with mean age of 29.25 years (S.D.= 5.27). The subjects from Group 1 used Michigan occ1usal splints, witch were not used in Group 2. However, alI the subjects were submitted to isotonic movements (1ST) of 14 seconds and to isometric contractions with maximum voluntary contraction (MVC) of 5 seconds. To evaluate the pain, an visual analogue scale (V AS) was used after the isometric contraction. AlI the subjects were electromyographicaly examined by a sign acquisition system, with silver surface electrodes inside Faraday electrostatic cages, during different periods of time (TO, TI, T2, T3 and T4). The t test was used to analyze the paired data (when comparing A VS in group 1, the amplitude in different musc1es and in different periods of time in both groups) and the t test for independent samples (when comparing the amplitude between the groups 1 and 2 and this amplitude between the ISO and 1ST movement). When comparing Groups 1 and 2 during the MVC movement, the results showed that in the period oftime T4, the amplitude means ofthe left temporal, the right temporal and the right masseter musc1es of group 1 were lower than those from Group 2. In the left masseter musc1e, this behavior occurred during the period of promoted a significant pain release in the subjects of Group 1, also significantly reducing the electromyographic amplitude sign in the mastigatory musc1es of Group 1 during its use
Subject: Bruxismo
Placas dentárias
Eletromiografia
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2001
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Ferreira_JuvenilAlvesNevesDiniz_M.pdf6.03 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.