Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/288544
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Análise extensométrica e do desajuste marginal de infra-estruturas implanto-retidas nas configurações linear e compensada com diferentes coifas sob aplicação de cargas axiais e não axiais
Title Alternative: Analysis of marginal misfit and strain gauge in implant-supported frameworks using straight line and offset placement with different copings under axial and non-axial load
Author: Abreu, Celina Wanderley de, 1982-
Advisor: Consani, Rafael Leonardo Xediek, 1974-
Abstract: Resumo: O objetivo neste estudo in vitro, foi analisar microscopicamente o desajuste vertical e passivo e quantificar a deformação usando análise de extensometria durante aplicação de carga axial e não-axial em prótese parcial fixa implanto-suportada de três elementos, variando a posição dos implantes, linear (L) ou compensada (C) e o tipo de coifa protética, plástica (P) ou colar metálico (M). Três implantes cone morse posicionados linear e três numa configuração compensada foram inseridos em dois blocos de poliuretano. Pilares microunit foram parafusados nos implantes aplicando torque de 20 Ncm. Coifas plásticas e com colar metálico foram parafusados nos pilares que receberam enceramentos padronizados. Os padrões de cera foram fundidos em liga Co-Cr (n=5) e separados em quatro grupos: G1- L/P; G2- L/M; G3- C/P e G4- C/M. Quatro strain gauges (SG) foram colados na superfície de cada bloco tangencialmente aos implantes. Os parafusos de retenção das supra-estruturas foram parafusados nos pilares com torque de 10 Ncm e, em seguida, foram aplicadas as cargas. A magnitude da microdeformação em cada strain gauge foi registrada em unidade de microdeformação (??). Os níveis de desajuste vertical foram mensurados com todos os parafusos apertados com torque de 10 Ncm e o desajuste passivo com apenas um parafuso apertado. A análise do desajuste foi feita utilizando microscópio óptico com precisão de 0,5 ?m e 120x de aumento. Os dados foram analisados estatisticamente pela ANOVA e teste de Tukey (p<0.05). Não foi observada diferença estatisticamente significativa para desajuste passivo (p>0.05), porém houve diferença no desajuste vertical para o fator configuração (p=0.0257). Na quantidade de deformação por meio da extensometria foi encontrada diferença no fator configuração (p=0.0005). Após o teste Tukey foi observada uma diferença entre L/P (306.1±82.25) e C/P (146.6±93.64). Não houve diferença significante entre carga axial e não axial. Existiu evidência de que a posição offset é capaz de reduzir a deformação em torno do implante. Em adição, o tipo de carga, axial ou não-axial até 2mm não teve influência e o tipo de coifa usado também não interferiu

Abstract: The aim of this in vitro study was microscopically analyzing the vertical and passive misfit and quantify the strain development using strain gauge analysis during axial and non-axial loading in three-element implant-supported FPDs, varying the arrangement of the implants: straight line (L) and offset (O) and the type of prosthetic coping used: plastic (P) or metallic collar (M). Three Morse taper implants arranged in a straight line and three implants arranged in an offset manner were inserted into two polyurethane blocks. Microunit abutments were screwed onto the implants, using a torque of 20Ncm. Plastic and metallic collar copings were screwed onto the abutments, which received standard wax patterns. The wax patterns were cast in Co-Cr alloy (n=5), making a total of four groups: G1- L/P; G2- L/M; G3- O/P and G4- O/M. Four strain gauges (SG) were bonded on the surface of each block tangential to the implants. The superstructure's occlusal screws were tightened onto the microunit abutments using 10 Ncm torque with a manual torque driver and then an axial load was applied. The magnitude of microstrain on each strain gauge was recorded in units of microstrain (??). An optical microscope, with 0.5 ?m of measurement accuracy and 120x magnification, was used to evaluate the vertical fit with all of the screws tightened to 10 Ncm torque and the passive fit with only one screw tightened to the appropriate torque. The data were analyzed statistically by ANOVA and Tukey's test (p<0.05). There was not statistically significant difference for passive misfit (p>0.05), but a significant difference existed in vertical misfit for the factor of configuration (p=0.0257). A significant difference was also observed for strain for the factor of configuration (p=0.0005). The Tukey's test revealed difference between L/P (306.1±82.25) and O/P (146.6±93.64). There was not statistically significant difference between axial and non-axial load. There was evidence that the offset placement is capable of reducing the strain around an implant. In addition, the type of loading, axial force or non-axial did until 2 mm not have an influence and the type of coping used did not interfere
Subject: Implantes dentários
Prótese dentária
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: ABREU, Celina Wanderley de. Análise extensométrica e do desajuste marginal de infra-estruturas implanto-retidas nas configurações linear e compensada com diferentes coifas sob aplicação de cargas axiais e não axiais. 2011. 47 f. Tese (doutorado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Odontologia de Piracicaba, Piracicaba, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/288544>. Acesso em: 19 ago. 2018.
Date Issue: 2011
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Abreu_CelinaWanderleyde_D.pdf691.83 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.