Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/288535
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Avaliação radiomorfométrica da cortical mandibular de brasileiros da região de Ribeirão Preto-São Paulo
Title Alternative: Radiomorphometric evaluation of the mandibular cortical bone in brazilian residents of Ribeirão Preto-São Paulo
Author: Alonso, Maria Beatriz Carrazzone Cal, 1986-
Advisor: Watanabe, Plauto Christopher Aranha
Abstract: Resumo: O objetivo neste estudo foi avaliar a espessura do osso cortical mandibular (ECM) na região do forame mentual (Índice Mentual- IM) e na região goníaca (Índice Goníaco-IG), em radiografias panorâmicas de brasileiros e verificar como se relacionam com o gênero e a idade. Um total de 1.287 radiografias panorâmicas digitais de indivíduos de 17-90 anos de idade, de ambos os gêneros, foram selecionadas e distribuídas em cinco grupos de idade: 17-20 anos, 21-35, 36-55, 56-69 e 70 ou mais. O IM e IG, foram avaliados utilizando o software Radioimp ® e as medidas da espessura do osso cortical foram feitas bilateralmente, por um pesquisador experiente. Os valores médios e desvios-padrão para ambos os índices foram obtidos. ANOVA, teste de Tukey e coeficiente de correlação intraclasse foram utilizados para as análises estatísticas. Todos os índices quantitativos foram significativamente correlacionados com o gênero e idade (p <0,05), porém, não foram encontradas diferenças significativas entre alguns grupos etários, considerando ambos os gêneros. A concordância intra e inter-avaliador foi excelente. Pôde-se verificar que a ECM é influenciada pela idade e pelo gênero. Os valores médios obtidos em homens e mulheres jovens podem ajudar a criar uma ferramenta padrão para avaliar a qualidade óssea em pacientes pertencentes a grupos de diferentes idades

Abstract: The aim of this study was to evaluate the mandibular cortical bone thickness (MCBT) in the mental foramen region (Mentalis Index- MI) and in the gonial region (Gonial Index- GI) on panoramic radiographs in Brazilians and check how they relate to gender and age.. A total of 1,287 digital panoramic radiographs of patients, age 17 to 90 years, both genders, were selected and assigned to five groups of age: 17-20 years; 21-35; 36-55; 56-69 and 70 or older. The MI and GI were evaluated using the Radioimp ® software and the measurements of the cortical bone thickness were made bilaterally by one experience researcher. Mean values and standard deviations for both MI and GI were obtained. ANOVA, Tukey's test and the intraclass correlation coefficient were used for the statistical analyses. All the quantitative indices were significantly correlated with gender and age (p <0.05); however, no significant differences were found among some age groups, considering both genders. Intra and inter-rater agreement was excellent. The MCBT is influenced by age and gender. The mean values obtained in young men and women can help establish a standard tool to assess bone quality in patients belonging to all groups of age
Subject: Mandibula
Radiografia panorâmica
Densidade óssea
Osteoporose
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: ALONSO, Maria Beatriz Carrazzone Cal. Avaliação radiomorfométrica da cortical mandibular de brasileiros da região de Ribeirão Preto-São Paulo. 2011. 74 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Odontologia de Piracicaba, Piracicaba, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/288535>. Acesso em: 18 ago. 2018.
Date Issue: 2011
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Alonso_MariaBeatrizCarrazzoneCal_M.pdf1.24 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.