Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/288452
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Descrição morfologica do canal mandibular em radiografias panoramicas
Title Alternative: Morphological description of mandibular canal in panoramic radiographs
Author: Amorim, Maise Mendonça
Advisor: Caria, Paulo Henrique Ferreira, 1972-
Abstract: Resumo: O conhecimento da morfologia e topografia do canal mandibular é importante para as intervenções odontológicas realizadas na mandíbula, pois implica na preservação das estruturas nobres que o atravessam. O objetivo deste trabalho foi analisar morfológica e morfometricamente o trajeto e as relações do canal mandibular em indivíduos de ambos os gêneros, pertencentes a duas faixas etárias distintas, ambas na fase adulta. A amostra foi composta por 300 radiografias panorâmicas, divididas em quatro grupos: grupos F1 e F2, formados por indivíduos do gênero feminino, pertencentes às faixas etárias de 18 a 40 anos e acima de 40 anos, respectivamente; e grupos M1 e M2 formados por indivíduos do gênero masculino, pertencentes a estas mesmas faixas etárias, respectivamente. Foram realizadas sete mensurações lineares verticais nas radiografias que descrevem o trajeto e relações do canal mandibular com estruturas anatômicas da mandíbula, além de análises relativas à posição horizontal do forame mentoniano e relação de proximidade do canal mandibular com as raízes dos dentes inferiores. Os resultados demonstraram que houve diferença estatisticamente significante em quatro das mensurações realizadas entre os gêneros, porém não foram detectadas diferenças entre as faixas etárias para nenhuma das mensurações. A posição mais comum do forame mentoniano foi entre as raízes dos pré-molares inferiores, e o canal mandibular apresenta relação de proximidade com as raízes do terceiro molar inferior, se afastando gradativamente das raízes dos outros dentes. Estes resultados sugerem que as mensurações relativas ao canal mandibular realizadas nesse estudo podem ser influenciadas pelo gênero, mas independem da faixa etária

Abstract: Morphological and topographic knowledge of the mandibular canal is paramount during dental procedures in the jaw, as structures that go through this canal must be preserved. The aim of this study was to analyze morphologic and morphometrically the course and relations of the mandibular canal of both male and female adults, belonging to two different groups of ages. The sample was composed of 300 panoramic radiographs shared in 4 groups: Groups F1 and F2: female gender (ranging between 18-40 years and above 40 years, respectively); Groups M1 and M2: male gender (ranging between 18-40 years and above 40 years, respectively). Seven linear vertical measurements were performed in the radiographs to describe the course and relations of the mandibular canal with anatomic structures of jaw. Mental foramen horizontal position and proximity relation between the mandibular canal and the roots of the inferior teeth were also evaluated. Statistically significant differences were observed in four of the measurements between genders. However, there was no difference between groups of age for any of the measurements. The most frequent position of the mental foramen was between the roots of the inferior pre-molars; and the mandibular canal shows proximity relation to the roots of the inferior third molar, moving gradually away from the roots of the other teeth. The results suggest that the measurements related to mandibular canal performed in this study can be influenced by the gender but are independent of age
Subject: Mandibula
Radiografia panorâmica
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2006
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Amorim_MaiseMendonca_M.pdf319.75 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.