Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/288160
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Efeito do condicionamento acido do esmalte na adptação marginal 'in vivo' de restaurações indiretas em resina composta cimentadas com material autoadesivo
Title Alternative: The effect of enamel etching on the 'in vivo' marginal adaptation of indirect composite resin restorations luted with a self-adhesive material
Author: Sartori, Cristiana Godoy, 1967-
Advisor: Goes, Mario Fernando de, 1954-
Abstract: Resumo: Estudos in vitro tem sugerido o condicionamento ácido do esmalte antes da cimentação de restaurações indiretas com o cimento autoadesivo RelyX Unicem. Entretanto, não existe comprovação científica de que este procedimento tenha alguma relevância clínica. O objetivo deste estudo in vivo, foi avaliar o efeito do condicionamento ácido do esmalte na qualidade marginal de restaurações indiretas, tipo inlay/onlay de resina composta, utilizando o cimento autoadesivo RelyX U100. Foram selecionados 42 dentes posteriores de 25 pacientes que apresentaram 1 ou 2 dentes com restaurações extensas insatisfatórias, necessitando substituição. Os dentes foram preparados para receberem restaurações indiretas do tipo inlay/onlay. Imediatamente após o preparo cavitário, os dentes foram moldados com silicone polimerizado por adição e protegidos com material temporário. As restaurações em resina composta foram confeccionadas sobre troqueis de gesso de acordo com a técnica por camadas. O tempo de fotoativação foi de 40s para opacidade dentina e 20s para as demais, utilizando um aparelho de luz emitida por diodo (LED). Uma semana depois, os pacientes retornaram para cimentação das restaurações indiretas. Os dentes foram isolados com lençol de borracha e as restaurações foram cimentadas aleatoriamente de acordo com um dos protocolos: Grupo condicionado - condicionamento ácido do esmalte + cimento autoadesivo; Grupo não condicionado - cimento autoadesivo. As restaurações foram mantidas sob pressão por 2 minutos, enquanto se procedia à remoção dos excessos de cimento, e em seguida foram fotoativadas por 60s em cada face. O acompanhamento clínico foi realizado 1 semana (início) e 12 meses após a cimentação, quando os dentes foram fotografados, moldados e avaliados conforme escores pré-estabelecidos (critério USPHS). Réplicas em resina epóxica foram examinadas em microscopia eletrônica de varredura (MEV) com aumentos de 18X a 200X. Os resultados foram calculados em porcentagem do comprimento total da margem visível para cada parâmetro. Não houve diferença estatística entre os grupos, com exceção da característica 'fratura marginal da restauração' na avaliação em MEV, para o grupo não condicionado. O tempo contribuiu significativamente para a degradação das margens sendo que a presença de underfilling de cimento foi a característica mais frequente. Concluiu-se que, o condicionamento ácido do esmalte, antes da utilização do cimento autoadesivo RelyX U100, não teve relevância clínica na qualidade marginal de restaurações indiretas de resina composta no período avaliado. E ainda, que a presença de pequenos defeitos marginais não interferiu na longevidade clínica das restaurações que alcançaram um mínimo 93,75% de critério Alpha aos 12 meses.

Abstract: In vitro studies have suggested enamel-etching before luting indirect restorations with the self-adhesive cement RelyX Unicem. However, there is no scientific proof that this procedure has any clinical relevance. The aim of this in vivo study was to evaluate the effect of enamel etching on the marginal quality of indirect composite resin restorations (inlay/onlay) using the self-adhesive cement RelyX U100. Forty-two posterior teeth were selected from 25 patients that presented one or two teeth with large restorations in need of replacement. The teeth were prepared for indirect restorations (inlay/onlay). Next, the teeth were molded with polyvinylsiloxane and protected with interim restorations. The composite resin restorations were built over plaster casts using the incremental technique. Using a LED device, increments were light-cured for 40s for dentin opacity shades and 20s for all other shades. After one week, patients returned so that indirect restorations could be cemented. Teeth were isolated with rubber dams and the restorations were luted according to one of the following protocols: Etched group - selective enamel-etching + self-adhesive cement; Non-etched group - selfadhesive cement alone. The restorations were kept under finger-pressure for 2 minutes while removing excess cement. Each face was then light-cured for 60s. Recalls occurred after 1 week (baseline) and 12 months when the teeth were photographed, molded and evaluated according to previously established scores (USPHS criteria). Epoxy resin replicas were examined by SEM at X18 to X200. The results were expressed as percentage of the total observable marginal length for each parameter. No statistical difference was found between groups with an exception for the 'restoration margin fracture' quality (MEV analysis) for the nonetched group. Time degraded somewhat the restorations margins with underfilling being the more frequent find. We concluded that enamel-etching had no clinical relevance on marginal quality for indirect composite resin restorations luted with RelyX U100 self-adhesive cement during 12 months. Moreover, the presence of small marginal defects did not interfere in the clinical longevity of the restorations that reached at least 93,75% of the Alpha criteria after 12 months.
Subject: Cimentação
Adesão
Materiais dentários
Microscopia eletrônica
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2009
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Sartori_CristianaGodoy_M.pdf4.93 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.