Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/288126
Type: TESE
Title: Avaliação da dureza Knoop de compositos restauradores odontologicos fotoativados por diferentes metodos
Author: Correr, Américo Bortolazzo, 1981-
Advisor: Sinhoreti, Mário Alexandre Coelho, 1969-
Abstract: Resumo: Os compósitos odontológicos fotoativados são os materiais odontológicos restauradores estéticos mais utilizados atualmente. Dentre suas vantagens estão o controle do tempo de presa e a estética, além de ser desnecessário a confecção de preparo cavitário retentivo. Durante o processo de polimerização, o compósito sofre contração e, dependendo da velocidade da reação, essa contração pode gerar grande tensão na interface dente-restauração, promovendo o aparecimento de fendas e conseqüente falha da restauração. Além disso, para que o compósito apresente propriedades mecânicas adequadas, é necessário que ele atinja alto grau de conversão. O grau de conversão depende da quantidade de energia que é fornecida ao compósito, embora o efeito da densidade energética nas propriedades mecânicas dos compósitos ainda não seja bem evidenciado. Visando o melhor entendimento dos métodos de fotoativação sobre as propriedades finais dos compósitos restauradores odontológicos, este estudo foi dividido em dois trabalhos: O primeiro avaliou o efeito do aumento da densidade energética pelo maior tempo de exposição, mantendo-se a mesma intensidade de luz, sobre a dureza Knoop dos compósitos Z250 e Esthet-X, fotoativados por luz de lâmpada halógena (QTH) - XL2500, luz emitida por diodo (LED) ¿ Ultrablue Is ou arco de plasma de Xenônio (PAC) ¿ Apollo 95E. Os resultados mostraram que o aumento da densidade energética produziu maiores valores de dureza Knoop quando utilizado LED ou PAC. Para QTH não houve diferença significativa. Em relação às fontes de luz, o PAC apresentou menores valores de dureza Knoop quando comparado ao LED e QTH, que não diferiram entre si. Menores valores de dureza Knoop foram encontrados em maiores profundidades dos compósitos. O segundo trabalho verificou a influência da relação intensidade de luz versus tempo de exposição, utilizando a mesma densidade energética, sobre a dureza Knoop dos compósitos Z250 e Esthet-X, fotoativados por QTH, LED e PAC. Os resultados mostraram que independente do compósito e da fonte de luz, os grupos fotoativados por intensidade de luz e tempo de exposição intermediários apresentaram as maiores médias de dureza Knoop em camadas profundas. A relação dureza da base/dureza da superfície mostrou que o compósito Z250 apresentou adequada polimerização até 3 mm quando foi fotoativado por QTH e LED, e até 2 mm para PAC. O compósito Esthet-X apresentou adequada polimerização até 3 mm quando foi fotoativado por luz halógena e até 2 mm para LED e PAC

Abstract: Nowadays, the photoactivated composites are the most used esthetic restorative dental materials in dentistry. The advantages of these materials are the control of setting time and esthetic characteristics. Besides that, it¿s unnecessary to prepare retentive cavity. Composites shrink during the polymerization reaction and a tension can be induced on restoration/tooth interface. Depending on composite/tooth interface bond strength, gaps can be formed in the restoration margins, leading to the failure of restorative procedure. Besides that, a high degree of conversion is necessary for composites to obtain adequate mechanical properties. The degree of conversion depends on energy density supplied to composites. The effects of energy density in mechanical properties of composites have not been satisfactory proved. In an attempt to improve the knowledge of the photo-activation methods upon the final properties of the restorative composite resins, this research was divided in two works. The first study evaluated the effect of increase on exposure time on Knoop hardness of composites Z250 and Esthet-X, photoactivated using XL2500 halogen light (QTH), Ultrablue Is Light emitting diode (LED) and Apollo 95E plasma arc curing (PAC). The results showed that higher Knoop hardness were produced by the increase on exposure time when LED and PAC were used. For QTH, the increase on exposure time did not produced significant effect. Regarding to light sources, PAC presented lower Knoop hardness than QTH and LED, which did not present significant difference from each other. Knoop hardness at deep layers was lower than superficial layers. The second study verified the influence of irradiance versus exposure time, using the same energy density, on Knoop hardness of Z250 and Esthet-X composites photoactivated using QTH, LED or PAC. The results showed that with intermediate light intensity and exposure times, the highest Knoop hardness were obtained, compared to others photoactivation methods. Composite Z250 presented adequate polymerization (bottom/surface relation above 0.8) up to 2 mm deep using PAC and up to 3 mm using QTH and LED. Esthet-X composite presented adequate polymerization up to 2 mm deep, using LED and PAC and up to 3 mm using QTH
Subject: Materiais dentários
Resinas compostas
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2005
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Correr_AmericoBortolazzo_M.pdf252.95 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.