Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/288049
Type: DISSERTAÇÃO
Degree Level: Mestrado
Title: Saúde bucal e sua associação com o estado nutricional em idosos de Campinas, São Paulo
Title Alternative: Oral health and its association with nutritional status in independent-living older adults from Campinas, São Paulo
Author: Tôrres, Luísa Helena do Nascimento, 1980-
Advisor: Sousa, Maria da Luz Rosário de, 1965-
Abstract: Resumo: Uma saúde bucal precária, representada pela perda dentária parcial ou total, provoca significativas mudanças na seleção do alimento a ser consumido pelos idosos. Tal escolha acarreta a exclusão de certos alimentos, geralmente os de alto valor nutricional como frutas e vegetais, e, em alguns casos, a substituição destes por outros de alto valor calórico e de fácil mastigação pode levar os indivíduos a baixo peso ou a sobrepeso/obesidade. Pode-se observar na literatura uma associação entre saúde bucal precária e má nutrição, porém a importância da atividade física como confundidor nessa relação, até o presente momento é desconhecida. Assim, o objetivo deste estudo transversal é avaliar se o estado de saúde bucal precário é indicador de risco à baixo peso ou sobrepeso/obesidade medido por meio do Índice de Massa Corporal (IMC) nos idosos de Campinas, SP, considerando a prática de atividade física, dentre outras variáveis. Para este estudo foram utilizados dados coletados por um projeto maior da Rede FIBRA, que estuda fragilidade em idosos independentes. A amostra foi composta por 900 idosos e as medidas utilizadas neste estudo transversal incluíram um questionário com informações sociodemográficas, auto-relato de uso de medicação, hábito de tabagismo, auto-relato da presença de dificuldades na alimentação, sintomas depressivos, atividade física, condição bucal (número de dentes e presença de prótese dentária) e perfil antropométrico seguindo os critérios da OPAS, disponível para 875 idosos. A idade média dos idosos foi de 72.7 anos (±5.81), a mediana da escolaridade foi de 4 anos, a prevalência de edentulismo na amostra foi de 47.7% e a média de dentes presentes de 7.21 (±9.13). Ser edêntulo sem prótese apresentou maior chance para baixo peso (OR=3.94, 95%IC 1.14-13.64) e sobrepeso/obesidade (OR=2.88, 95%IC 1.12- 7.40). Gênero feminino (OR=1.78, 95%CI 1.17-2.71) e uso de três ou mais medicações (OR=2.41, 95%CI 1.41-4.12) apresentaram maior chance de obesidade. Idosos que fumam (OR=2.62, 95%CI 1.26-5.44) apresentaram maior chance de baixo peso e os com renda familiar entre 3.1 a 5 salários mínimos em reais (OR=1.69, 95%CI 1.00- 2.87) apresentaram maior chance de obesidade. Este é um dos primeiros trabalhos que verificaram a associação entre saúde bucal precária, representada por edentulismo sem reabilitação dentária protética, e índice de massa corporal desfavorável, independentemente de dois confundidores, atividade física e depressão. Portanto, a manutenção de uma dentição natural e a presença de reabilitação com prótese dentária, quando necessária, podem contribuir para um estado nutricional satisfatório em idosos, com valores de IMC dentro do padrão eutrófico

Abstract: A poor oral health status, represented by partial or complete tooth loss, imposes important modifications in food choice by the elderly. It promotes the avoidance of hard to chew food, usually fruits and vegetables rich in nutrients, and eventually the selection of food with inadequate energy value and easy to chew, inducing them to underweight or overweight/obesity. The literature has shown an association between poor oral health and poor nutrition, although their relationship with important confounders, mainly physical activity is still unknown The aim of this cross-sectional study is to evaluate whether poor oral health status might be a contributing factor to underweight or obesity assessed with the body mass index (BMI) in older adults, adjusting for physical activity and other variables in Campinas, Brazil. It was used data collected in a major project - the FIBRA study, about frailty among independent-living older adults. Complete data that included a sociodemographic data, self-reported intake of medications, smoking habit, self-reported eating difficulties questionnaire, depressive symptoms assessment, physical activity assessment, oral status (number of teeth and presence of dental prosthesis) and anthropometric assessments following the WHO criteria was available for 875 persons. The mean age of the sample was 72.7 years (±5.81), the median schooling was 4.0 years, the prevalence of the edentulism in the sample was 47.7% and the mean of present teeth was 7.21 (±9.13). The mean age of the sample was 72.7 years (±5.81) and the prevalence of edentulism was 47.7%. Edentate individuals not wearing dentures were more likely to be underweight (OR=3.94, 95%CI 1.14-13.64) and overweight/obese (OR=2.88, 95%CI 1.12-7.40). Females (OR=1.78, 95%CI 1.17-2.71) and those using 3 or more medications (OR=2.41, 95%CI 1.41-4.12) were more likely to be overweight/obese. Individuals who smoke (OR=2.62, 95%CI 1.26-5.44) were more likely to be underweight. Older individuals with family income between 3.1 and 5 Minimum Wage (OR=1.69, 95%CI 1.00-2.87) were more likely to be overweight/obese. To our knowledge, this is one of the first studies that associated poor oral health, represented by edentulism not rehabilitated with dentures, with unfavorable body mass, regardless of two major confounders, physical activity and depression symptoms. Thus, the maintenance of a natural dentition and the presence of dental prosthesis rehabilitation, when necessary, can contribute to a satisfactory nutritional status into old age and to an eutrophic BMI value
Subject: Odontologia geriátrica
Índice de massa corporal
Perda de dente
Exercícios físicos
Language: Português
Editor: [s.n.]
Citation: TÔRRES, Luísa Helena do Nascimento. Saúde bucal e sua associação com o estado nutricional em idosos de Campinas, São Paulo. 2011. 40 f. Dissertação (mestrado) - Universidade Estadual de Campinas, Faculdade de Odontologia de Piracicaba, Piracicaba, SP. Disponível em: <http://www.repositorio.unicamp.br/handle/REPOSIP/288049>. Acesso em: 17 ago. 2018.
Date Issue: 2011
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Torres_LuisaHelenadoNascimento_M.pdf380.45 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.