Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.unicamp.br/jspui/handle/REPOSIP/288046
Type: TESE
Degree Level: Doutorado
Title: Avaliação do hipoclorito de sódio a 0,5% como limpador de prótese : estudo clínico
Title Alternative: Evaluation of 0.5% sodium hypochlorite as a denture cleanser : a clinical study
Author: Porta, Sheila Rodrigues de Sousa, 1962-
Advisor: Del Bel Cury, Altair Antoninha, 1948-
Abstract: Resumo: Estratégias que visem prevenir e reduzir a formação de biofilmes sobre próteses são necessárias, pois estas podem atuar como reservatório de micro-organismos. Outro aspecto importante é o estabelecimento de um protocolo de higienização que além de eficiente também seja bem aceito pelos pacientes. Assim, objetivou-se avaliar o efeito do hipoclorito de sódio (NaOCl) a 0,5% sobre o biofilme, estabilidade de cor e rugosidade de superfície (Ra) de próteses totais removíveis e a satisfação do paciente com o tratamento. Foram selecionados 15 voluntários que, após aceitar e assinar as condições do Termo de Consentimento Livre e Esclarecido aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa da FOP/UNICAMP, foram orientados a complementar a higiene de suas próteses com a imersão em NaOCl 0,5%, durante 3 minutos, uma vez ao dia. O período experimental foi de 90 dias e as variáveis resposta foram mensuradas antes do início do uso do NaOCl e após 30, 60 e 90 dias. A avaliação microbiológica foi realizada no biofilme da prótese e na saliva do voluntário. Toda a superfície da prótese era percorrida por um cotonete de algodão que, em seguida, era individualmente acondicionado em tubo estéril contendo 3 mL de PBS. Amostras da saliva foram acondicionadas em tubos estéreis. Todos os tubos foram sonicados (7W, 30 s), as soluções iniciais serialmente diluídas e plaqueadas, em triplicata, em CHROMagar e ágar sangue. Após um período de incubação de 48 h a 37°C, o número de unidades formadoras de colônia foi determinado. A estabilidade de cor foi avaliada com o uso de um espectrofotômetro de refletância, mensurada no sistema CIELab e correlacionada para o ambiente clínico de acordo com as unidades da National Bureau of Standards (NBS). Para avaliação da Ra, foi realizado um delineamento in situ e espécimes (5 x 5 x 2mm) (n = 90) de resina acrílica termo-polimerizável foram confeccionados e colados na superfície vestibular das próteses inferiores. A rugosidade de superfície foi mensurada com o auxílio de um rugosímetro de contato. Para avaliar a aceitação do paciente com relação ao protocolo, foi pedido aos voluntários que traduzissem em valores o seu grau de satisfação com o tratamento em um intervalo variando de 0 (totalmente insatisfeito) a 10 (totalmente satisfeito). Uma redução significativa no número de micro-organismos totais (ANOVA; p? 0,05) e Candida spp foi observada ao longo do tratamento. Embora tenham sido observadas alterações nos valores de L*, a* e b* nas mensurações de cor, não houve diferença significativa na cor das bases das próteses (Friedman; p? 0,05). Não houve diferença significante na rugosidade de superfície (Kruskal Wallis; p ? 0,05). A satisfação do voluntário com o método de limpeza aumentou durante o período avaliado, chegando a 87% de indivíduos totalmente satisfeitos. Conclui-se que o método de higienização proposto com NaOCl teve ampla aceitação pelos voluntários; além de ser efetivo na redução de micro-organismos, a alteração de cor exibida foi clinicamente aceitável, bem como não houve alteração significativa na rugosidade de superfície

Abstract: Strategies to prevent and to reduce biofilm formation on dentures are necessary, since they may become a reservoir of microorganisms. Additionally, it is important, in establishing a protocol for denture cleaning, to evaluate the effect of the cleaning agent on the prosthetic material and the patients' acceptability. Therefore, the objective of this study was to evaluate the effect of sodium hypochlorite (NaOCl) 0.5% on biofilm, color stability and surface roughness (Ra) of removable dentures besides the patients' satisfaction with the treatment. Fifteen volunteers were recruited and, after accepting the conditions of the Term of Consent approved by the Ethics Committee of FOP / UNICAMP, were instructed to daily immerse their dentures in a 0.5% NaOCl solution for 3 minutes. The follow-up time was 90 days and outcome variables were measured on baseline and on days 30, 60 and 90. For microbiological evaluation, samples were obtained from dentures and saliva. Swabs were taken from the whole surface of the dentures and, then, individually placed in a sterile tube containing 3 ml of PBS. Next, each volunteer was asked to spit into an empty sterile tube. All tubes were sonicated (7W, 30 s), the initial solutions serially diluted and plated in triplicate on blood agar and CHROMagar and, after an incubation period of 48 h at 37°C, the number of colony forming units (cfu/mL) was determined. Color stability was measured with a reflectance spectrophotometer and evaluated using the CIELab system. It was also quantified in accordance with units of the National Bureau of Standards (NBS). To Ra assessment, an in situ design was developed. Specimens (5 x 5 x 2 mm) (n = 90) of heat-polymerized acrylic resin were fabricated and fixed in the buccal posterior surface of lower dentures. The surface roughness was measured using a profilometer. To evaluate the acceptability of the cleaning protocol, each volunteer was asked to translate in values their degree of satisfaction with the treatment at an interval ranging from 0 (totally dissatisfied) to 10 (totally satisfied). A significant reduction in the number of total micro-organisms (ANOVA; p ? 0.05) and Candida spp was observed throughout the treatment. Although changes had been observed in L *, a * b * values, there were no significant color changes (Friedman; p ? 0.05). The surface roughness did not present significant changes after the evaluation period (Kruskal Wallis; p ? 0.05). The volunteers' satisfaction increased throughout the experimental period, reaching 87% of individuals totally satisfied. Data revealed that the 0.5% NaOCl immersion protocol was effective in reducing microorganisms, color changes exhibited for all dentures can be considered clinically acceptable and the surface roughness did not show significant changes. Also, the cleaning method was well accepted by volunteers
Subject: Prótese dentária completa
Higienizadores de dentadura
Biofilme
Cor
Propriedades de superficie
Language: Português
Editor: [s.n.]
Date Issue: 2012
Appears in Collections:FOP - Tese e Dissertação

Files in This Item:
File SizeFormat 
Porta_SheilaRodriguesdeSousa_D.pdf1.04 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.